Boaventura de sousa santos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 146 (36467 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Copyright © Boaventura de Sousa Santos
Copyright desta edição © Boitempo Editorial, 2007
Coordenação editorial

Ivana Jinkings

Editor adjunto

João Alexandre Peschanski

Editora assistente

Ana Paula Castellani

Tradução

Mouzar Benedito

Preparação de texto

Ana Paula Figueiredo

Revisão

Hugo Almeida

Capa

Guilherme Xavier

Composição

Cintia de Cerqueira CesarProdução

Marcel Iha

Sumário

CIP-BRASIL. CATALOGAÇAO-NA-FONTE
SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ.
S233r

7

Apresentação, Gaudêncio Frigotto
Santos, Boaventura de Sousa,1940Renovar a teoria critica e reinventar a emancipação social /
Boaventura de Sousa Santos ; tradução Mouzar Benedito. São Paulo : Boitempo, 2007.

Capítulo I

Tradução de: Renovar la teoriacritica y reinventar la
emancipación social : (Encuentros en Buenos Aires)
Conferencias proferidas em Buenos Aires, em 2005
ISBN 978-85-7559-091-1

A Sociologia das Ausências e a

Emergências:

1. Teoria critica - Discursos, conferências, etc. 2. Movimentos sociais
- Discursos, conferências, etc. 3. Mudança social Discursos, conferências, etc. 4. Globalização - Discursos,
conferências, etc.4. Democracia - Discursos, conferencias, etc. I. Titulo.
07-0988.

13

Prólogo

CDD: 303.4
CDU: 316.42

Capítulo II
Uma nova cultura política emancipatória

P edição: abril de 2007
BOITEMPO EDITORIAL
Jinkings Editores Associados Ltda.
Rua Euclides de Andrade, 27 Perdizes
05030-030 São Paulo SP
Tel./fax: (11) 3875-7250 / 3872-6869
e-mail: editor @boitempoeditorial.com.br
site:www.boitempoeditorial.com.br

17

51

Capítulo III
Para uma

Todos os direitos reservados.
Nenhuma parte desta obra poderá
ser utilizada ou reproduzida sem
autorização da editora.

para uma

Sociologia das
ecologia de saberes

Sobre o autor

democracia

de

alta intensidade

83

127

Apresentação
Gaudêncio Frigotto

O livro de Boaventura de Sousa Santos - Renovara teoria crítica e reinventar a emancipação social - nos revela,
de imediato, que a capacidade de síntese densa, engendrando crítica e anúncio, somente pode resultar de autores abertos ao debate teórico e com compromisso ético-político com as lutas de movimentos e organizações
sociais e políticas, que apostam não apenas na emancipação política, mas, sobretudo, na emancipação humana
e social.Vale dizer, comprometidos com a práxis transformadora ou revolucionária das relações sociais, cada vez
mais violentas, do capitalismo realmente existente, em especial nos países de capitalismo dependente e associado.
O leitor que conhece a vasta obra de Boaventura, em boa
parte publicada no Brasil, perceberá que a novidade deste livro
não reside tanto em novas formulações epistemológicas,teóricas e políticas do autor, mas em sua capacidade de colocá-las
em diálogo crítico com novas realidades e sujeitos. Um debate epistemológico, teórico e politico, portanto, que articula,
por um lado, a natureza singular e particular dos contextos
latino-americanos a dimensões de universalidades históricas
dos processos de conhecimento e, por outro, suas conseqüências em termos das lutas pelaemancipação social em seus
âmbitos local, nacional, regional e mundial.

S . Renovar a teoria crítica e reinventar a emancipação social

Boaventura de Sousa Santos . 9

Com efeito, ao apresentar as três conferências e debates realizados em 2005 na Faculdade de Ciências Sociais da

razão metonímica, que toma a parte pelo todo, e a hipertrofia de uma totalidade abstrata, e a razão proléptica,que

Universidade de Buenos Aires, o autor realça a oportunidade e o desafio de expor suas idéias a um público heterogêneo, o caráter polêmico dos debates e a densidade deles.
Os três capítulos do livro, correspondentes às referidas
conferências, obedecem a uma exposição na qual o autor vai
da explicitação dos fundamentos epistemológicos do pensamento sociológico "A Sociologia das Ausências...
tracking img