Aziendalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (270 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

terça-feira, 7 de abril de 2009


AZIENDALISMO

Doutrina da Contabilidade, a qual consiste na corrente de pensamentos que implantaria a dita Economia Aziendal,segundo Antonio Lopes de Sá. Surgiu a partir da necessidade de existir um sistema de ciências que cuidasse dos fenômenos ocorridos em torno do mundo particular das aziendas¹, se formouao longo de muitos anos, obtendo lentamente sua consolidação.
Lopes de Sá define como objeto de estudo do Aziendalismo, os fenômenos ocorridos nas células sociais².
Fenômenos essesque, pode-se dizer, são produzidos pelas riquezas. Entretanto, não apenas estas. Quando se fala em fenômenos, entendemos por toda e qualquer movimentação pertinentes ao patrimônio e àorganização num todo - isto inclui os elementos humanos a ela pertencentes.
Europa
O Aziendalismo teve suas origens com pesquisadores de outras partes da Europa, – França, Rússia,Suíça e Alemanha - antes de se desenvolver como grande escola de pensamento italiano.
Dentre os principais representantes europeus destaca-se Courcelle-Seneuil, Leo Gomberg, JohannFriedrich Schär, H.Nicklisch e Rudolf Dietrich.
Itália
Iniciado pelos ilustres mestres Alberto Ceccherelli e Gino Zappa, O Aziendalismo italiano teve inúmeros seguidores para darseguimento às luzes desses pioneiros, formando a maior corrente de pensamento doutrinário das ciências aziendais do século, apesar do forte declínio que sofreria a partir do século XX,mais precisamente, na década de 60.
Os aziendalistas se preocupavam em estudar o conjunto de ciências que tratavam da azienda como campo de aplicação. Compunha-se da Administração, daOrganização e da Contabilidade, sendo cada ciência apenas parte desse conjunto.
Como destaques na forte corrente italiana temos: Alberto Ceccherelli, Gino Zappa e Pietro Onida.
tracking img