Aula de frio

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3963 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AGENTE FÍSICO

FRIO

Prof.º Claudio Norte

AGENTE FÍSICO - FRIO

CONFORME NR-15 - ANEXO 9

As atividades ou operações executadas no interior de câmaras
frigorificas, ou em locais que apresentem condições similares,
que exponham os trabalhadores ao frio, sem a proteção
adequada, serão consideradas insalubres em decorrência de
laudo de inspeção realizada no local de trabalho. AGENTE FÍSICO - FRIO

CONFORME NR-29 – ITEM 29.3.6 - Locais Frigorificados
29.3.16.1 Nos locais frigorificados é proibido o uso de
máquinas e equipamentos movidos a combustão interna.
29.3.16.2 A jornada de trabalho em locais frigorificados deve
obedecer a seguinte tabela:

AGENTE FÍSICO - FRIO

AGENTE FÍSICO - FRIO

FRIO:
A exposição ocupacional ao frio pode constituir
problema sérioimplicando em uma série de
inconvenientes que afetarão à saúde, o conforto e a
eficiência do trabalhador. Trabalhos ao ar livre em
climas frio só são encontrados em regiões à grande
altitudes, bem como algumas zonas temperadas, no
período de inverno.

AGENTE FÍSICO - FRIO

Fora das atividades realizadas ao ar livre, o frio intenso
é ainda encontrado em ambientes artificiais, como ascâmaras frigoríficas de conservação, que implicam em
exposições à temperaturas bastante reduzidas.
Estudos realizados na indústria norte-americana, no
início do século XX, evidenciaram que a incidência de
lesões por acidentes era menor a uma temperatura de
18ºC que em outras inferiores ou superiores a esta.
O aumento da frequência de acidentes em baixas
temperaturas foi atribuído à perda dadestreza manual..

AGENTE FÍSICO - FRIO
EFEITOS DO FRIO:
Os efeitos causados no organismo dependem
principalmente da temperatura do ar, velocidade do ar e da
variação do calor radiante.
Todos esses fatores influem no equilíbrio homeotérmico do
corpo, provocando uma sequência de reações no
organismo, com consequentes distúrbios.
A baixa temperatura corporal resulta de um balanço
negativoentre a produção e a perda do calor.
A produção de calor diminui e a perda de calor aumenta.

AGENTE FÍSICO - FRIO
A vasoconstrição é a primeira ação reguladora que
ocorre no organismo, quando se inicia uma excessiva
perda de calor.
O fluxo sanguíneo é reduzido em proporção direta com
a queda de temperatura.
Quando a temperatura corpórea fica abaixo de 35º C,
ocorre diminuição gradualde todas as atividades
fisiológicas: cai a frequência do pulso, da pressão
arterial e da taxa metabólica, desencadeando um tremor
incontrolável (tiritar) para produzir calor.

AGENTE FÍSICO - FRIO
No tremor, o número de contrações musculares por
unidade de tempo é elevado, resultando um aumento de
produção de calor e uma maior atividade muscular.
Se a produção de calor é insuficientepara manter o
equilíbrio, a temperatura do corpo vai decrescendo,
resultando no fenômeno de hipotermia.
Quando a temperatura do núcleo do corpo vai abaixo de
29º C ,o hipotálamo perde a capacidade termo-reguladora
e as células cerebrais são deprimidas, inibindo a atividade
dos mecanismos termocontroladores do Sistema Nervoso
Central, evoluindo para sonolência e coma.

AGENTE FÍSICO - FRIOSintoma da exposição
As doenças e ferimentos causados pelo frio ocorrem quando a
perda de calor do corpo excede a produção do calor.
As lesões produzidas pela ação do frio afetam principalmente as
extremidades e áreas salientes do corpo, como pés, mãos, face e
outras. As principais doenças dermatológicas causadas pelo frio
são ulcerações, frostbite, fenômeno de Raynaud, pé de imersão eurticária pelo frio, e enregelamento dos membros.

AGENTE FÍSICO - FRIO

Ulcerações:
ocorrem quando a temperatura do tecido cai abaixo do ponto de
congelamento e resulta em danos ao tecido. Os sintomas incluem
as mudanças de cor da pele para o branco ou amarelo
acinzentado, surgimento de dores e, posteriormente, bolhas.
Normalmente, as pessoas acometidas por estas lesões
não sentem os...
tracking img