Atresia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (493 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO DE ATRESIA DO ESOFAGO

Este trabalho vem descrever de forma geral o que é atresia de esôfago congênita em neonatos, como se dá sua formação, diagnósticos e tratamento. Será brevementerevisada a anatomia do esôfago para que possamos compreender em que porção deste órgão acomete esta malformação e outras anomalias associadas, quais consequências ela traz para o recém-nascido e suaalimentação, uma função vital para sua sobrevivência.
Irei comentar e explica sobre a fisiopatologia da anomalia, cuidados de enfermagem, sinais e sintomas, tratamento medico, diagnósticos,manifestações clínicas e restrições gerais, bem como, o período pré e pós-cirúrgico com suas possíveis complicações. E por fim, o primordial papel do enfermeiro na assistência ao recém-nascido para detectarainda na sala de parto a inviabilidade de passar a sonda orográstrica oque indica uma possível anomalia. Já no pós-diagnóstico, fazem-se cuidados especializados de enfermagem para que o sucesso notratamento seja alcançado e o esclarecimento sobre a anomalia, seguida de orientações aos pais, possibilite a continuidade efetiva da recuperação pôs alta.

1. ANATOMIA DO ESÔFAGO

O esôfago é umórgão tubular com função primária no feto de propulsar líquido amniótico e posteriormente ao nascer, de conduzir por meio de contrações o alimento da laringe até o estômago. Este tubo é formado por umacamada fibrosa, muscular e mucosa. Sua porção proximal encontra-se localizado posteriormente a traqueia e sua porção distal mais próximo à aorta descendente, passando pelo diafragma através do orifíciohiato esofágico e terminando na parte superior do estômago. Está divido em três porções: cervical, torácica e abdominal. Sendo a torácica subdividida em terço superior, médio e inferior. Norecém-nascido, seu tamanho varia de 8 a 10 cm de comprimento, duplicando durante os primeiros três anos de vida.

2. EMBRIOLOGIA

Inicialmente, à somente um único tubo endodérmico comum ao intestino e...
tracking img