Atomos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2971 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1- ÁTOMOS:

É a menor particular que pode existir de um elemento (é uma substancia composta de uma única espécie de átomo).
Porém, o primeiro argumento da teoria do átomo foi proposto por Jhon Dalton (1807). Ele fez muitas medidas experimentais baseada na medida das massas dos elementos que se combinavam para formar compostos. Então Dalton propôs as seguintes hipóteses atômicas:
1– todos os átomos de um determinado elemento são idênticos;
2 – os átomos de diferentes elementos têm massas deferentes;
3 – um composto é uma combinação especifica de átomos de mais de um elemento;
4 – em uma reação química, os átomos não são criados nem destruídos mas trocam de parceiros para produzir novas substâncias.
Dalton baseou sua hipótese em um grande número de experimentosdifíceis. Hoje, com a instrumentação moderna, são fornecidas evidências dos átomos muito mais diretamente, como:
Microscopia de Varredura por Tunelamento (MVT): Átomos individuais podem ser vistos como protuberâncias sobre a superfície de um sólido através dessa técnica.

Por exemplo: a superfície do arsenato de gálio (os átomos de gálio são mostrados de cor azul e os de arsênio emvermelho).

1. 1- O ÁTOMO NUCLEAR:

Dois séculos atrás, Dalton disse que os átomos eram esferas do tipo “bola de bilhar”. Porém, hoje sabemos que os átomos têm uma estrutura interna: as partículas subatômicas menores (elétrons, prótons e nêutrons).
Investigando a estrutura interna dos átomos, podemos ver como os elementos diferem uns dos outros. As diferenças dependem de cada número de partículassubatômicas presente nos átomos.
Em 1997, 112 elementos haviam sido descobertos ou criados, mas em alguns casos por quantidades muito pequenas. Por exemplo:
Somente dois elementos do átomo 111 foram feitos e por uma pequena fração de segundos.

2- OS ELÉTRONS

A primeira evidencia experimental foi definida em 1897 por Joseph Jhon Thomson, onde determinou a descoberta dapartícula subatômica o “elétron”.
Entretanto, o físico estava investigando os raios catódicos que são emitidos por uma alta diferença de energia potencial (uma alta tensão) que foi aplicada em dois eletrodos em um tubo de vidro sob vácuo.
Thomson mostrou que os raios catódicos eram feixes das partículas carregadas negativamente.
Então, Thomson mostrou que as partículas carregadaseram as mesmas independentemente do metal usado para o catodo. Ele concluiu que eram parte de todos os átomos. Estas partículas foram chamadas de elétrons (e-).
e- = 1,602 x10-19 C e a massa do elétron = 9,1 x 10-31kg.

3- OS PRÓTONS

Embora os elétrons tenham carga negativa, os átomos como um todo têm carga zero. Por tanto, os cientistas (século XX) sabiam que cada átomo deviaconter um número de cargas positivas para cancelar a carga negativa. Mas, onde estava a carga positiva?
As cargas carregadas positivamente são chamadas de prótons (p).
De acordo com o modelo nuclear corrente do átomo, os elétrons estão espalhados no espaço em torno do núcleo. Comparando com o tamanho do núcleo (cerca de 10-14m em diâmetro), o espaço ocupado pelos elétrons é enorme(cerca de 10-9m em diâmetro; cem mil vezes maior).
A carga positiva do núcleo cancela exatamente a carga negativa da vizinhança eletrônica. Por tanto, para cada elétron fora do núcleo, deve existir uma partícula carregada positivamente dentro do núcleo. São chamadas de prótons. Um próton é mais pesado que um elétron 2000 vezes. Cada próton tem uma unidade de cargas positiva (+).
O numero deprótons de um núcleo atômico é chamado de numero atômico (Z), do elemento. Por exemplo:
O Hidrogênio tem Z= 1 e p=1; o Sódio tem Z= 11 e p= 11.

3-OS NÊUTRONS

A observação das diferenças de massa entre os átomos de um elemento ajudou os cientistas a refinar o ainda novo modelo nuclear. Eles perceberam que no núcleo atômico deveria conter outras partículas subatômicas alem dos prótons e...
tracking img