Assedio sexual

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 182 (45484 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CAPÍTULO I DELIMITAÇÃO DO PROBLEMA
A educação infantil é um segmento de escolaridade extremamente fértil em relação à construção de novos comportamentos, sejam eles sociais, afetivos ou cognitivos, sendo a criança dessa faixa etária capaz de estabelecer relações complexas entre os elementos da realidade que se apresenta. Assim, freqüentar uma classe de educação infantil significa para a criança,além da convivência com seus pares, ter acesso a muitas oportunidades para a construção de novos conhecimentos, graças às ações que exercerá sobre o mundo real. Dentre os conhecimentos que devem ser construídos nessa etapa da escolaridade, aqueles relativos à matemática ocupam um lugar de destaque, uma vez que estão presentes em muitas das atividades cotidianas realizadas pelas crianças, porexemplo: dividir porções de lanche, distribuir materiais entre os colegas, calcular a distância entre sua posição e um alvo a ser atingido, pensar no trajeto mais curto para se deslocar de um lugar a outro. Numerosas pesquisas têm apontado a relevância do trabalho de matemática para crianças a partir de três anos, especialmente no que diz respeito à construção da noção de número, seja no que se refereao aspecto conceitual, seja em relação à compreensão do sistema de notação numérica, podendo-se destacar, entre elas, Zunino (1995), Lerner e Sadovsky (1996), Nunes (1997) e Bideaud (1991). Todas essas pesquisas têm demonstrado que as crianças, desde muito cedo, elaboram conhecimentos sobre matemática, o que vai ao encontro de nossa experiência profissional na observação de brincadeiras,conversas, resolução de situações-problema que se apresentam no dia-a-dia dos alunos da educação infantil. O que fazer, por exemplo, quando há mais pessoas do que lugares à mesa? Onde se posicionar para que a bola acerte o cesto? Como dividir entre os amigos as balas?

Não parece acertado qualificar a matemática como uma disciplina formalizada que deveria ser reservada apenas aos anos seguintes daescolaridade. A prática pedagógica em escolas de educação infantil da rede particular de ensino permite supor que, desde tenra idade, a maioria das crianças já sabe muito sobre relações matemáticas, uma vez que estão expostas todo tempo a esse gênero de conhecimento. Assim, uma questão relevante em face das freqüentes críticas ao modelo de ensino de matemática vigente é fundamentalmente pensar comotorná-lo significativo para os alunos. Deixar para os ensinos fundamental e médio a discussão sobre os motivos que levam vários alunos a fracassar nessa disciplina revela-se uma opção desvantajosa, visto que a educação infantil não apenas faz parte da formação escolar das crianças, como também desempenha um importante papel na construção de conhecimentos. Dessa forma, a reflexão sobre os processos deensino e aprendizagem nessa etapa da escolaridade poderá fazer parte de um quadro de referência sobre como as crianças aprendem matemática, o que aprendem e por que algumas delas não conseguem aprender. Várias são as propostas metodológicas em relação ao ensino dessa disciplina, sendo que muitas delas têm enfoques bastante diferentes entre si, fato que merece detalhamento. O Referencial CurricularNacional para a educação infantil (RCN) (Brasil, MEC, 1998) desaconselha algumas das concepções vigentes que sustentam práticas pedagógicas no ensino e aprendizado da matemática para as crianças de três a seis anos. A concepção de que se aprende matemática por meio de memorização, repetição e associação é uma das idéias censuradas naquele documento. Exercícios elaborados de acordo com uma supostacomplexidade dos conteúdos, ordenados “do mais fácil para o mais difícil” e atividades mnemônicas, com meras repetições de exercícios ganham destaque negativo nesse tipo de abordagem. O documento critica também concepções segundo as quais os números devem ser sempre associados a quantidades, assim como a elementos concretos

2

da realidade ou à representação de tais elementos por meio de...
tracking img