Aspectos do aumento da produtividade de produtos saudáveis.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3984 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ASPECTOS DO AUMENTO DA PRODUTIVIDADE DE PRODUTOS SAUDÁVEIS.
RESUMO
Este presente ensaio tem como objeto analisar as intercorrências existentes à temática voltada para a produção de insumos que visem melhor qualidade de vida aos consumidores, sendo bastante para construir tal interesse focar-se-á: Histórico, Ferramentas da Qualidade, Construção da Temática, Vantagens e desvantagens.Palavras-Chave: Qualidade, Produtos saudáveis.
ABSTRACT
This present text aims to analyze the complications to the existing theme focused on food production to improve quality of life for consumers and is enough to build such interest will focus on: history, Quality Tools, Construction of Thematic Benefits and disadvantages.

Keywords: Quality, Healthy Products.


INTRODUÇÃO-
Nos últimosanos temos presenciado considerável aumento na procura de alimentos saudáveis no que tange o mercado Brasileiro.
Este aumento de consumo reflete a mudança do comportamento do consumidor, associado ao aumento de renda no país.
Podemos classificar os alimentos saudáveis como:

1) Lights;
2) Diets;
3) Alimentos funcionais orgânicos.
4) Produtos direcionados ao publico que tem intolerância acertos alimentos.

Este Web Quest tem como objetivo de forma sucinta descrever:
a) Histórico dos alimentos saudáveis
b) Ferramentas da qualidade usadas para o aumento da produtividade
c) Passado x presente x futuro dos alimentos saudáveis
d) Vantagens e desvantagens.

1. HISTÓRICO
A nossa espécie apareceu por volta de 200 mil anos atrás e toda sua trajetó-ria pode ser contada sob o ponto devista da comida.
No começo da história, nossos primeiros ancestrais costumavam andar por aí em grupo, caçando e coletando alimentos. A sobrevivência dependia apenas do que encontravam pra comer e se alimentavam, sobretudo, de raízes e frutos silvestres.
Em comparação com o longo período em que fomos nômades, a agricultura é uma novidade. Surgiu há “apenas” 10 mil anos, quando se iniciou o cultivode plantas e a domesticação de animais. Com a possibilidade de fixar-se em um território, o homem fundou suas primeiras aldeias. O tipo de alimentação foi definindo as culturas a tal ponto que alguns historiadores dividem as sociedades tradicionais em grandes grupos representados pelos cereais que estão na base do cardápio: o arroz, no caso da Ásia Oriental, o trigo na Europa e o milho naAmérica.
Por volta de 500 anos atrás, as navegações permitiram a primeira onda de globalização. O impulso para cruzar oceanos e conhecer o que havia do outro lado do mundo deveu-se, em parte, ao desejo de obter novos alimentos.
Do início da agricultura até meados do século passado, o sistema de produ-ção de alimentos predominante era baseado em pequenas propriedades familiares quase autossuficientes.Os vegetais cresciam em hortas e pomares domésticos, la-do a lado com a criação de porcos, galinhas e bovinos, que forneciam leite, ovos e carne. Os grãos eram triturados em moinhos de pedra e consumidos na forma inte-gral, preservando as fibras e os benefícios naturais.
O mundo se transformou novamente com a Revolução Industrial, há cerca de dois séculos. Mas, para as mudanças chegarem ao prato,ainda levou várias décadas. À medida que as cidades inchavam e começaram a surgir ferrovias e depois estradas, as lavouras foram sendo empurradas para longe dos centros consumidores. Os vegetais e outros alimentos frescos cederam seu espaço no comércio e na mesa das pessoas para os produtos que podiam ser transportados com maior facilidade e que duravam mais tempo.
No século XX, os desafios dealimentar grandes populações urbanas pareci-am ter sido plenamente resolvidos com o aparecimento da comida enlatada, conge-lada, industrializada e do fast food. Só não se levou em consideração que, com es-sas mudanças, o cardápio ficaria cada vez menos nutritivo.
Anualmente a Organização Mundial da Saúde (OMS) vem alertando os paí-ses e governantes quanto à situação mundial da saúde, a respeito...
tracking img