Armazenagem e controle

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6296 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE SOROCABA
CURSO TECNÓLOGO DE GESTÃO EM LOGÍSTICA



















ARMAZENAGEM E CONTROLE

























ABRIL/2007
SOROCABA/SP

INTRODUÇÃO

Nossa pesquisa destina-se a demonstrar na área da logística a importância da armazenagem e do controle dos materiais e serviços. A logística consiste em coordenar todasas atividades relacionadas à aquisição, estocagem, movimentação e expedição de materiais, abrangendo duas atividades importantes: armazenagem e controle.

A armazenagem e controle dos materiais é uma tarefa muito importante na administração de materiais, uma vez que não bastam que os produtos entrem adequadamente na empresa, mas devemos nos preocupar qual a melhor maneira para quepermaneçam no armazém de materiais, prevendo meios para que não haja excessos, faltas, nem deterioração dos materiais estocados. Essas atividades são componentes essenciais do conjunto de atividades logísticas. Seus custos podem absorver de 10 a 40% das despesas logísticas de uma firma. Ao contrário do sistema de transporte, que ocorre entre locais e tempos diferentes, a armazenagem, o controle e omanuseio de materiais acontecem, na grande maioria das vezes, em algumas localidades fixadas. Portanto, os custos dessas atividades estão intimamente associados à seleção desses locais.

Uma administração de materiais bem estruturada só trará benefícios à empresa, reduzindo seus lucros e fazendo com que não existam problemas na relação com o cliente.ARMAZENAGEM E CONTROLE

Armazenagem, manuseio e controle dos produtos são componentes importantes e essenciais do sistema logístico, pois seus custos envolvem elevada porcentagem dos custos totais logísticos de uma empresa. Estaremos focalizando as necessidades de controle de usos alternativos, bem como seus custos, do espaço físico necessáriopara armazenar materiais e produtos.

Uma questão importante para ser discutida: é conveniente para as organizações alocarem grandes espaços físicos para armazenagem e estocagem? Sabemos quão difícil é especificar a demanda com precisão e garantir que nossos fornecedores jamais atrasem em seus compromissos, fatores que acarretam problemas ao fato intrínseco existência de uma empresa, ocliente. Podemos, porém, minimizar esse espaço, para que nossos estoques sejam os menores possíveis, reduzindo-se assim os custos totais de armazenagem que envolve materiais, movimentação, equipamentos e pessoas.

Em razão desses intervenientes, os custos de armazenagem devem ser tratados em conjuntos com as variáveis que afetam os custos de produção/distribuição para obtermos omenor custo total logístico. Com isso, buscamos reduzir os custos produtivos, com melhor balanceamento da produção utilizando os estoques que absorvem as flutuações de demanda. Além desse fato, os estoques podem servir como redutor de custos de transportes, pois permite o uso de quantidades econômicas de transportes.

Muitas empresas, ainda, justificam a existência de um espaço físicopara armazenagem relativamente grande e, por conseqüência, elevados estoques, com os argumentos de que: (a) são fortes redutores de custos de transportes e de produção; (b) auxiliam o marketing e o atendimento ao cliente; e (c) coordenam, mais facilmente, a área de suprimento. Muitas empresas, porém, nos dias atuais, estão evitando ou minimizando as necessidades de estoques, com a aplicação, evitandoou minimizando as necessidades de estoques, com a aplicaçnam, mais facilmente, a aruso de quantidades econ com êxito, da filosofia Just-In-Time. O JIT é o ajuste de suprimentos e demanda no tempo e na quantidade certa, ou seja, matéria-prima e produtos devem chegar ao momento justo em que são necessitados. Entretanto é de sua importância que a demanda por produtos acabados seja conhecida com...
tracking img