Anatomia dos homicidios no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (336 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
introdução
no ano de 1998 era publicado o primeiro Mapa da violência
1
. Nesse trabalho pretendia-se realizar
uma leitura social das mortes violentas da juventude brasileira. Considerávamos jánessa época que as
mortes por causas violentas representavam a ponta do iceberg de uma situação de violência bem mais
generalizada, que ceifava e vitimava a juventude do país. Nem toda, nem a maiorparte das violências
cotidianas acabam em morte; mas a morte representa o grau extremo da violência que a relação entre
os seres humanos pode atingir. Da mesma forma que as taxas de mortalidadeinfantil não só refletem a
quantidade de crianças que estão morrendo, mas também nos dão boa ideia da infraestrutura de atendimento infantil, das epidemias, das condições de higiene e de saneamentobásico, dos mecanismos
culturais, políticos e sociais de tratamento das crianças etc., as taxas de mortalidade juvenil, e especificamente as atribuíveis a causas violentas, indicam também os diversosmodos de sociabilidade e as
circunstâncias políticas e econômicas que exprimem mecanismos específicos de negação da cidadania.
Nessa linha, e aproximadamente a cada dois anos, atualizamos dadosdecenais sobre a mortalidade por causas violentas no país, tendo divulgado, depois desse primeiro, mais quatro Mapas,
o mais recente em 2006. O subtítulo comum dessa série foi Os jovens do Brasil,precisamente pela
sua focalização na mortalidade violenta da faixa jovem. Nessa série de trabalhos, entendia-se por
mortalidade violenta os óbitos por suicídio, em acidentes de transporte, porhomicídio e mais uma
categoria: as mortes por armas de fogo.
Com essa finalidade, eram retrabalhadas, periodicamente, as informações de óbitos disponibilizadas
pela Base de Dados Nacional do Sistema deInformações de Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde,
para as faixas etárias de 15 a 24 anos e para o conjunto da população. Os cortes geográficos estudados
eram: o país, as macrorregiões,...
tracking img