Ana maria monteiro e o livro didático

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (299 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O texto de Ana Maria Monteiro “Professores e livros didáticos: narrativas e leituras no ensino da História” questiona se os livros didáticos exercem influência sobre a ação dos professores no ensino.Ela afirma que os autores de tais livros expressam posicionamento político e ideológico.
Ela procura estabelecer algumas reflexões sobre relações possíveis de serem estabelecidas entre professorese livros didáticos. Ela analisa orientações e expectativas sobre as possibilidades dos livros didáticos para a superação dos problemas da educação básica. Ela também apresenta um histórico dodesenvolvimento das políticas educacionais referentes aos livros didáticos no Brasil.
A autora afirma que o Brasil na década de 1990 se caracterizou pelo desenvolvimento de amplo processo de reformaseducacionais. Nesse contexto, ela afirma a importância que teve o livro didático. O livro didático, além de evitar erros no ensino, possibilitaria a introdução de metodologias inovadoras, atualização deconteúdos e a implementação de processos de ensino/aprendizagem criativos.
Ela questiona se o livro didático é um instrumento renovador ou um “vilão da História”. Esse ultimo refere-se à criticapertinente feita aos conteúdos e tendências doutrinárias presentes em livros didáticos, que são portadores da “História oficial”. Eles passaram a ser vistos como desatualizados ponto de vista científico,inevitavelmente portadores de erros, distorções, e instrumentos de uma pedagogia autoritária e manipuladora e, portanto, devendo ser banido das escolas.
Ela conclui dizendo que o livro didático é umobjeto de grande complexidade. Ele pode ser visto como instrumento pedagógico, objeto cultural, documento histórico e até mesmo mercadoria. O que ela busca no texto é apresentar uma discussão queajude na compreensão do livro didático nas politicas educacionais de forma a superar análises mecanicistas, dicotômicas que ora superdimensionam e denunciam o poder da ação regulatória do Estado, ora...
tracking img