Adam smith, biografia e ideologia.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2281 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Pouco se sabe sobre a vida do filósofo e economista Adam Smith, além das informações oficiais sobre os poucos livros que publicou, postos acadêmicos que ocupou e funções públicas que exerceu pois, quando morreu, a ordem expressa deixada para que fossem queimados cartas e documentos foi estritamente seguida. Assim sendo, sobrou relativamente pouco material para que sua vida pessoal, além daprofissional pudesse ser contada com detalhe.

Economista escocês, Adam Smith nasceu em Kirkcaldy, Fireshire, em data incerta (a de seu batismo é 5 de junho) de 1723, e morreu em Edinburgh, dia 17 de julho de 1790. Era filho de Adam Smith, e da sua segunda mulher, Margareth Douglas. O pai era fiscal da alfandega, e a mãe filha de um bem aquinhoado proprietário de terras.

Estudou em Glasgow de1737 a 1740, onde entrou em contato com o estudo dos clássicos greco-romanos, da matemática, teologia e filosofia, sendo destacável seu apreço pelo trabalho de Francis Hutcheson, então professor de filosofia moral em Glasgow.



Antes de completar os cinco anos necessários para sua graduação em Glasgow, transferiu-se para Billiol College, depois de aceitar uma bola de estudos, e após seisanos pouco influentes para sua formação ideológica em Oxford regressou à Escócia. Considerava Oxford um ambiente atrasado e retrógrado, a ponto de que lhe confiscaram “O Tratado”de David Hume, visto que nele, Hume negava o princípio de causa e efeito, o que invalidava a prova da existência de Deus como causa última necessária. Em Oxford Smith praticamente promoveu sua auto-educação em filosofiaclássica e contemporânea. Adam Smith desafiou o senso comum de diversas formas. Seu relacionamento com David Hume, foi objeto de muita reprovação.. Uma de suas frases mais célebres e que espelham a profundidade de seu pensamento é: ‘Deve-se temer mais a virtude do que o vício, porque seus excessos não estão sujeitos ao controle da consciência’
’.
Sem conseguir um emprego regular, passou aministrar cursos avulsos em Edimburgo, onde acabou ampliando seu circulo de relações intelectuais, o que culminaria em sua nominação em 1751 de professor de lógica da unidade de Glasgow, cargo que trocaria ano seguinte pela cadeira de filosofia moral, anos antes ocupada por Hutcheson, e que por quase 12 anos ampliou seu interesse acadêmico de Smith pela economia. É durante tal período que ele ganhareconhecimento por parte da elite intelectual escocesa e passa a participar mais ativamente de debates acadêmicos e políticos.

Em 1759, publicou a obra “Theory of Moral Sentiments” (“Teoria dos Sentimentos Morais”), o que iniciava seu projeto literário idealizado para tratar as áreas de seu curso de Filosofia Moral e incluiria princípios de economia e política econômica e posteriormente lherenderia parte de seu renome. Foi em tal obra feita a famosa observação que ele mais tarde repetiria em Riqueza das Nações : que os homens, interesseiros, egoístas, são frequentemente levados por uma mão invisível, sem que o saibam, sem que tenham essa intenção, a promover o interesse da sociedade . Em A Teoria Adam Smith confia no homem interior , no sentido moral , para que a criação do homemsupere o comportamento predador de sua natureza.

Em 1763, demitiu-se dos seus cargos no magistério para tornar-se preceptor do jovem duque de Buccleugh, acompanhando-o em viagem dois anos e meio pela França.

Conheceu assim grandes ícones da época, como Voltaire, Quesnay e Turgot, com quem
ampliaria seus conhecimentos a respeito do pensamento fisiocrático, e sofreria grande influênciaem sua famosa “A Riqueza das Nações”, publicada anos depois, após um retorno a Kirkcaldy, onde passou cerca de dez anos se dedicando à sua obra-prima. Encerrou sua carreira acadêmica como reitor da Universidade de Glasgow poucos anos depois.



Smith teve uma formação extremamente eclética, mas acredita-se que Francis Hutcheson foi sua principal e mais marcante influência..

Uma...
tracking img