A pessoa como um ser de relacoes

Páginas: 8 (1980 palavras) Publicado: 30 de setembro de 2014
1. A PESSOA COMO UM SER DE RELAÇÕES


A Pessoa, é o ser humano nas suas relações com o mundo e consigo próprio. O indivíduo humano, do ponto de vista da Ética e da Moral, é a pessoa, e é este conceito o elemento central de toda a reflexão ético-moral.
Por Pessoa entende-se o ser humano como fruto das relações e valores vividos por ele e pertença da sua experiência interior. Asrelações que estabelece são as seguintes: as relações estabelecidas com os outros (o outro individual, a familia, o grupo de amigos, os colegas, os vizinhos, os desconhecidos, etc.); as relações estabelecidas com o mundo que o rodeia , no sentido da sua relação com as diversas instituições humanas (a sociedade e cultura em que vive, o Estado que o rege e a sua política e sistema legal – Direito – asintituições religiosas, as instituições comerciais e laborais, entre outras) e também com a Natureza circundante.
Em suma, o ser humano é pessoa no sentido em que é um cidadão responsável com direitos e deveres.













1.2 A RELAÇÃO CONSIGO PRÓPRIO

Quando falamos da relação da pessoa consigo própria, estamos a pensar na questão moral do ser humano, na forma como oindivíduo olha para si e se vê enquanto pessoa, e nesse objectivo, a forma como julga as suas acções e finalidade da vida. Em suma, ao olhar para dentro e analisar-se, o ser humano descobre-se Pessoa, pois este só existe enquanto ser social que estabelece relações com os outros e com o mundo natural e humano que o cerca.
Na sua relação consigo próprio, a consciência é a base do indivíduo moral. Comojá vimos, é a consciência que tem a função de orientar, ordenar, avaliar e criticar todos os actos humanos, ou melhor, fazer com que as acções de cada ser humano sejam acções morais e que as suas decisões tenham sempre uma base ética. A consciência moral, sempre ligada á razão, é a capacidade que permite ao ser humano conhecer-se a si próprio.
Agir de acordo a razão e consciência representa,em resumo, agir eticamente, ou seja, em liberdade e optar por princípios que sejam universais, isto é, princípios que sejam bons para todos os seres humanos e que regulem a vida social colocando o bem comum como objectivo. Esses princípios podem ser optar pelo bem-estar de todos, em vez do bem-estar individual, praticar o altruísmo em vez do egoísmo, a paz em vez da guerra, ser compreensivo eajudar os outros em vez de ser hostil, solidário em vez de ser competitivo,entre outros.
Pela sua capacidade racional e ética, a Pessoa na sua relação consigo mesmo é chamada a cultivar bons e nobres sentimentos (amor, amizade, solidariedade justiça, altruísmo); a respeitar-se como homem ou mulher, reconhecendo a sua dignidade; a desenvolver bons hábitos em conformidade com as normas moraisvigentes na sua sociedade, evitando a ganância, a inveja, o rancor e o ciúme.



1.3 A RELAÇÃO COM O OUTRO


A relação da Pessoa com o outro pode ser entendida em dois âmbitos opostos. Por um lado, o outro pode ser visto como um tu-como-eu, pois ele é um eu, mas que não sou eu. O outro é sempre definido em função do eu e o eu só se reconhece como tal e encontra plena complementaridade face aum outro eu: eu sou eu na minha relação com o outro. Nele eu me reconheço e me projecto com uma pessoa. É na pessoa do outro que se situa a minha dignidade. Por isso, o que diz respeito ao eu deve reconhecer-se na pessoa do outro, no que se refere á dignidade e ao valor absoluto de ser pessoa. O outro como um tu-como-eu deve constituir objecto único e a minha razão de ser pessoa. Ele é um valorabsoluto. Por isso, na nossa relação, o outro merece e deve ser aceite tal como ele é (como pessoa), colaborando com ele para o seu contínuo aperfeiçoamento humano, como um sujeito diferente e com singularidade própria, interioridade profunda que se revela a seu modo e infinitamente aberto.
Por outro lado, o outro pode ser visto sob contrato. Aqui, a relação com o outro é estabelecida...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • a pessoa como um ser das relacoes
  • ser pessoa
  • ser humano em relações
  • ser humano em relações
  • ser humano e relações
  • COMO SER UMA PESSOA MELHOR
  • Ser pessoa, ética e cidadania
  • Ser pessoa, ética e cidadania

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!