Teologia da Prosperidade, Um desvio intencional da Fé.

Páginas: 8 (1982 palavras) Publicado: 7 de agosto de 2013
§





Paulo Pereira Lopes








Teologia da Prosperidade, um desvio intencional da Fé.









Projeto de Monografia


Projeto de Pesquisa Monográfica apresentado em cumprimento às exigências da disciplina de Produção Científica III, ministrada pelo Professor Hélio Ricado do curso de Bacharel em Teologia do IBE.











Rio de Janeiro
Novembro de2011
INTRODUÇÃO

Muitos têm anunciado o evangelho como um meio para se alcançar riquezas. Chegam a dizer que todo cristão deve ser rico; e, se for pobre é porque está em pecado ou sob maldição. Seguem, para apresentar esse evangelho, uma linha de raciocínio aparentemente lógica. Afirmam que se Deus é rei, seus filhos devem ter o que de melhor existe no mundo; se ele é o “dono do ouro e da prata”(Ag 2.8), então os cristãos também devem ter muito ouro e muita prata. A marca distintiva deles é a saúde e a prosperidade. Segundo essa falsa tese, o supremo poder de Deus estaria a serviço da humanidade para conceder tudo o que se desejar. Essa mensagem materialista tem, em muitos casos, substituído a mensagem de salvação. Fala-se mais em dinheiro e prosperidade do que em pecado e santidade;muitas vezes os assuntos são entrelaçados e se coloca o dinheiro sempre em evidência. Surgem algumas questões que carecem ser respondidas: As palavras realmente tem poder? Basta determinar para as enfermidades serem saradas? Somos encarnação de Deus tanto quanto Jesus Cristo, como afirmam os positivistas? Qual o sentido de prosperidade, segundo as Escrituras Sagradas?1 – TÍTULO
Teologia da Prosperidade, um desvio intencional da Fé.

2 – OBJETO
Objeto Formal: Evangelho de João 14.13,14. Segue o texto em algumas versões:
a. Nova Edição, Revista1:
13. E o que pedirdes em meu nome, eu o farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. 14. Se me pedirdes algo em meu nome, eu o farei.
b. Revista e Corrigida2:
13. E tudo quanto pedirdes em meu nome, euo farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. 14. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.
c. Revista e Atualizada3:
13. E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. 14. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.
d. Contemporânea4:
13. E farei tudo o que pedirdes em meu nome, para que o Pai seja glorificado noFilho.
14. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.
Objeto Material:
Em tempos de crise, o atendimento às necessidades se torna um assunto prioritário. E uma vez que há o desejo de se obter sucesso financeiro e alcançar cura nas enfermidades, os teólogos da prosperidade apresentam mirabolantes soluções fazendo mau uso dos textos das Escrituras Sagradas.



3 – DELIMITAÇÃO
Éintenção deste projeto confrontar os ensinos dos pregadores da prosperidade com o ensino de Jesus conforme Jo 14.13 e 14, desmascarando o falso discurso que há entre os propagadores da Confissão Positiva que afirmam, como escreveu Glória Copeland, que “Jesus comprou e pagou por tua prosperidade tal como pagou por tua salvação [...] Esta prosperidade já te pertence5”. O Rev° Hernandes Dias Lopesadverte: “Nosso coração deve estar em Deus e não no dinheiro. Nossa confiança deve estar no provedor e não na provisão. Nosso deleite deve estar nas coisas lá do alto e não nas coisas que o dinheiro nos proporciona”6.

4 – QUESTÕES E HIPÓTESES
Podem os homens exigir quaisquer coisas para que Deus os atenda?
Pode-se observar nitidamente em Jo 14.13,14, que Jesus Cristo está ensinando que qualquercoisa pode ser pedida ao Pai, em seu nome, desde que esteja de acordo com o caráter e a vontade de Deus. O Pai não concederá pedidos contrários à sua natureza ou à sua vontade. O próprio Jesus Cristo afirma que é o Pai “quem faz as obras” 7. “Pedir em nome de Jesus é pedir qualquer coisa que seja “para que o Pai seja glorificado no Filho” 8.
O Poder está na Palavra de Deus ou na palavra do homem?...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A teologia da prosperidade
  • teologia da prosperidade
  • Teologia da prosperidade
  • Teologia da prosperidade
  • teologia da prosperidade
  • Teologia da prosperidade
  • Teologia da Prosperidade
  • TEOLOGIA DA PROSPERIDADE

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!