Cristianismo e Liberalismo - J. Gresham Machen

Páginas: 18 (4396 palavras) Publicado: 19 de junho de 2014
Nesta obra, Cristianismo e Liberalismo, John Gresham Machen, que é seu autor, traz uma abordagem clara e objetiva sobre a diferença exacerbada existente entre o Liberalismo e o Cristianismo. Não são pequenas diferenças. São pontos essenciais de discordância que não se pode admitir que o Liberalismo seja uma vertente do Cristianismo. Para o autor o Liberalismo não pode ser chamado de Cristianismo.O autor demostrará através de argumentos fortes bem pautados que sua intenção não é trazer à tona questões sobre os problemas da religião cristã presente. Mas mostrará de forma eficiente a visão que o Liberalismo tem em relação às doutrinas: Deus e o homem, das Escrituras, de Cristo, da Salvação e da Igreja.
Se uma “vertente” do Cristianismo propõe, através de seus argumentos ou do seu modode se interpretar a igreja cristã e sua relação com o mundo, e para isso a desencoraja seu trabalho missionário, diminuir seu interesse pelo seu relacionamento com Deus e causar divisões em seu meio. Fica claro que nenhum cristão que possui um compromisso com a Palavra de Deus, possa aceitar esta proposta como verdade.
No primeiro capítulo, para o autor o movimento liberal, em todas as suasfacetas, está completamente embasado no Naturalismo. Quando se nega categoricamente o poder criativo de Deus na origem do Cristianismo destroem a base de tudo. Esta visão tem trazido ao mundo uma nova forma de enxergar sua relação com as invenções modernas e a industrialização, que acabam tendo seus pilares neste conceito. E isso tem influenciado a mente humana de forma drástica. Tudo que se temconstruído tem como base e fonte criativa a ciência. E desta forma a ciência moderna tem ganhado uma espaço que nunca se houve antes. Esta ciência tem desmistificado aspectos científicos do passado, desta forma, tudo agora precisa passar pelo crivo dos cientistas naturalistas, caso contrário, não passa a ter valor algum. Assim, o Cristianismo é confrontado, pois sua mensagem repousa em textos antigos.Seu último texto escrito foi escrito a cerca de dois mil anos atrás. O Cristianismo não poderia ficar fora deste confronto.
O autor destaca que sempre houve uma tentativa de se separar a ciência da religião como se pertencessem a campos distintos, para que não pudesse haver conflitos. Entretanto esta tentativa se frustra. E não consegue resolver as objeções ou mesmo trazer respostas aos dilemasexistentes, nos quais ciência e religião se esbarram. O autor traz o questionamento se realmente o cristianismo pode se relacionar com a cultura moderna. Seria possível ao Cristianismo sobreviver em uma era tão científica? É neste ponto que o teólogo liberal procura se desenvolver para trazer respostas. O teólogo liberal busca nos princípios gerais do Cristianismo, desconsidera que são essenciaispara a própria existência dele, e afirma que esses princípios que ele mesmo desconsiderou como pilar do Cristianismo.
O autor traz duas críticas ao Liberalismo em sua tentativa de reconciliar ciência e Cristianismo. Ele afirma que o Liberalismo não é cristão e não é científico. Então, para o autor o Liberalismo não é Cristianismo ou mesmo possa ser considerado como uma religião.
Para o autora nova mentalidade trazida pela ciência moderna tem trazido um empobrecimento à vida humana. Essa mudança toda é vista em todas as esferas da sociedade. Na arte quando não é imitativa é no mínimo bizarra. Há grande influência socialista, a limitação da liberdade individual, estão impondo o ensino público, até mesmo proíbem aprendizagem de línguas estrangeiras em algumas regiões dos EstadosUnidos. O autor a denomina como a “liberdade anglo-saxônica”. E todo esse movimento tem levado o homem cada vez mais para as trevas.
O autor destaca que toda a melhoria material tem feito com que o homem entre em declínio espiritual. Assim, ele aponta para a religião cristã como aquela que trará de volta o homem para o prumo e dar direção a toda a sociedade. Essa religião cristã é a que aponta para...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Resenha do livro Cristianismo e Liberalismo de J. Gresham Machen
  • liberalismo
  • Liberalismo
  • Cristianismo
  • Cristianismo
  • Cristianismo
  • Cristianismo
  • o cristianismo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!