casamento

Páginas: 8 (1969 palavras) Publicado: 24 de junho de 2013
 “CASAMENTO CAIPIRA”
 Personagens:
Padre e coroinha
Pedrilho Foguetão = Noivo
Tonico = Pai do noivo
Maricota = Mãe do noivo
Penha = Irmã do noivo
Tião = Amigo do noivo Rulisvania = Noiva Zé do Caixão = Pai danoiva
Juvelina = Mãe da noiva
Dito = Irmão da noiva
O padre chega à capela com o coroinha:

Padre: Ê meu fio, que bom que vai ter mais um casamento.

Coroinha: É mermo, Graças a Deus.

Padre: Vamo acabar de arrumar as coisa até o povo chegar.

Eles continuam a arrumação, e alguns convidados chegam, até que o pai do noivo, Tonico chega perguntando:

Tonico: ô Seu Pade, me dá um Anador?Padre: Pra que tu que? Tá com dor de cabeça?

Tonico: Não, to com dor de dente da gota serena, to quase morrendo.

Padre: Ih, não tenho não. Só em casa memo.

Padre: E pq tu num vai comprar?
Tonico: E eu tenho dinheiro? O sinhô tem naum um tustão pra mim dar?

Padre: Repara se eu sou teu pai...? Vai traibar, que tô trabaindo aqui pra arruma o meu.

Tonico insatisfeito e com dor,sentou se em um banco. Logo D. Maricota, chega com a filha Penha (e também madrinha) reclamando do casamento:

Maricota: Ah filha, que mau gosto do cão de seu irmão. Escolher aquela amarela empombada.

Penha: Pois é mãe. E o pior que ela nem é chique como nós.

Maricota: Então, e aquela mãe dela fofoqueira e sem vergonha?

Penha: Tadinho do meu irmão, ele não merecia fazer parte daquelafamília de ovo choco.
O padre olha com a cara feia para elas:

Padre: Que tal fazer silêncio?

Padre: Vcs não tem que o que fazer não...Se não tem cala boca, duas najas assanhada.

Maricota: Desculpa.

Penha: Desculpa.
Tonico vira se para as duas e pergunta:

Tonico: Você tem um anador pra me dar, to com uma dor de dente…
(ele fará isso com todas as personagens)

O pessoal chega, ea marcha nupcial inicia. Entra a noiva acompanhada da mãe. No meio da entrada da capela, a noiva protesta:

Rulisvania: Eu te falei mainha. Aquele leitão desmamado não ia casar comigo.

Juvelina: Filha, se aquele leitão só pensar em não vim, seu pai e o delegado vão buscar aquele covarde na unha.
Tonico: Vcs tem um anador?
Maricota: Não
Penha: Não.
Tião, melhor amigo de Chico, entrachoramingando:
Tião: Ah não, não deve ser possível.

Padre: O que foi meu filho?

Tião: Padre, faz o Chico desistir dessa bobagem de casamento.

Padre: De jeito nenhum. Tá feito já, ele vai casar sim.

Tião: E com quem que eu vou beber todas?

O padre desaprova a cabeça (tsc). Tião é repreendido por Tonico, sendo perguntado pelo anador. Diz não. A mãe da noiva, juvelina diz a Genoveva:Juvelina: Eu falei Genoveva, pra você não piscar pra aquele sem vergonha. Falei prá piscar pra algum rapaz bonito da cidade. Agora que o seu pai viu, não vai ter outra saída.

Genoveva: Mais eu tava piscando pro rapaz bonito, mais o pai estava bêbado e achou que era pra aquela marmota do Pedrilho Foguetão. E outra coisa, o moço bonito não tava nem aí comigo. Só queria se amostrar no carro dele.Mais o que ninguém imaginava, era que Pedrilho Foguetão estava de sacanagem com duas quenga pras banda da cidade.
Zefinha Magueira (ex-namorada): Ai! Pedrilho Foguetão me deixou doidinha!

O noivo grita:

Pedrilho Fogetão: Oh! Vidão porreta! Isso é bom demais! O pior é que eu já to é morto! Oh! Mulher do cão!

Ainda dentro do putero......

Pedrilho Foguetão: Chegue pra cá minha cabritinhame fazer um chamego! Eu estou cansado!

Zefinha Magueira (ex-namorada): Cansado de quê? O que era que você estava fazendo?

Pedrilho Fogetão: Cansado de tanto trabalhar mulher! E era de ser de que?

Já lá na igreja, está tudo muito confuso. Até que:
Rolisvania: Ai mainha, ele num vem., acho que vou desmaia! (simula um desmaio, é acudida pela mãe e pelas madrinhas).

O pai da noiva faz...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Casamento
  • CASAMENTO
  • casamento
  • O casamento
  • casamentos
  • casamento
  • Casamento
  • Casamento

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!