antropofagia, um significante nacional.

Páginas: 11 (2616 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
ANTROPOFAGIA: A FÓRMULA DE OSWALD DE ANDRADE, UM SIGNIFICANTE NACIONAL

João Ricardo de Azevedo1


RESUMO: O presente artigo, objetiva descrever a proposta do manifesto antropofágico de Oswald de Andrade no cenário inovador do Modernismo brasileiro, enquanto idéia de identidade, rompendocom a dependência cultural externa. Partindo de uma pesquisa bibliográfica sobre o assunto, fundamentada nas contribuições dos diversos autores que embasaram o trabalho. A proposta, é de valorização cultural a partir da abordagem nativista brasileira.

PALAVRAS-CHAVE: Manifesto Antropofágico. Oswald de Andrade. Modernismo. Identidade. Valorização Cultural.


1 INTRODUÇÃO

Só a Antropofagianos une. Socialmente. Economicamente. Filosoficamente. Única lei do mundo. Expressão mascarada de todos os individualismos, de todos os coletivismos. De todas as religiões. De todos os tratados de paz. Tupi, or not tupi that is the question. Contra todas as catequeses. E contra a mãe dos Gracos. Só me interessa o que não é meu. Lei do homem. Lei do antropófago.( Fragmento do Manifesto de Oswaldde Andrade)

Onde o irreverente escritor modernista expõe com propriedades, sua teoria revolucionária contra tudo o que não nos pertencia, contra toda a influência estrangeira. Pelo nativo, pelo belo inexplorado nacional, que a sociedade até então não valorizava.
A temática da identidade cultural a partir da metáfora antropofágica, foi escolhida dentre outras idéias para este artigo, por suacaracterística inovadora e de contestação, de não aceitar padrões impostos, em defesa da temática de independência cultural, de particularismo identitário como nação. A situação cultural brasileira, relatada pela história de um modo geral, nos dá a idéia do que foi o modernismo enquanto movimento de ruptura estética. O mundo todo mudava, mas aqui a mudança teve algo de novo, aqui a mudança trouxe emseu bojo, a assimilação do que já era nosso e estava esquecido em função dos valores do colonizador.
O processo de recriação cultural oswaldiano, exigiu uma nova abordagem reflexiva, arrojada e bem humorada. Questões como a miscigenação étnica foi determinante na valorização da cultura nacional na sua vertente mais intimista. É válido ressaltar que contra a complicada herança histórica colonialos movimentos de ordem cultural nos possibilitou a desconstrução do contexto hegemônico que nos foi imposto pelo prolongado tempo de exposição cultural estrangeira.
A antropofagia neste contexto, será abordada não somente como uma metáfora, mas sobretudo como um ícone, um símbolo à independência cultural, à transformação em uma perspectiva originalista assimiladora e sobretudo, libertadora.

2A SEMANA DE ARTE MODERNA, O PRENÚNCIO DO MODERNISMO BRASILEIRO
A semana marca uma data, isso é inegável.É uma data que envaidece recordar. Mas o certo é que a preconsciência primeiro, e em seguida a convicção de uma artenova, de um espírito novo, desde pelo menos seis anos viera se definindo no...sentimento de um grupinho de intelectuais, aqui. Do primeiro, foi um fenômeno estritamente sentimental, uma intuição divinatória, um... estado de poesia. (ANDRADE, 1942, p 4)

O cenário literário anterior a Semana de Arte Moderna, constituiu um momento conhecido como o período desprovido deestética definida, haja vista o hiato temporal estabelecido entre a última escola literária e o surgimento do movimento modernista. Historicamente, o momento “moderno” ou Modernismo, período compreendido entre 1922 a 1930 é sua fase mais radical, em especial a ocorrência brasileira, se apresenta original , polêmico e marcado por nacionalismo com uma volta às suas origens e valorização de temáticas como...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • significante
  • Antropofagia
  • Antropofagia
  • Antropofagia
  • Antropofagia
  • Antropofagia
  • Antropofagia
  • O que é Antropofagia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!