AGROECOLOGIA E O DESIGN DE SISTEMAS AGR COLAS RESILIENTES MUDAN A E VARIA O CLIM TICA

Páginas: 60 (14988 palavras) Publicado: 23 de julho de 2015
ciência, tecnologia, sociedade (cts)
para a construção da agroecologia

Ricardo T. Neder e
Flávio Murilo Pereira Costa

2014

oBSERVATÓRIO DO MOVIMENTO PELA
TECNOLOGIA SOCIAL NA aMÉRICA lATINA

O OBSERVATÓRIO DO MOVIMENTO PELA TECNOLOGIA SOCIAL NA AMÉRICA LATINA - UNB é um programa de pesquisa e pesquisa-ação (extensão), ensino e especialização com o objetivo de criar um espaço acadêmicoteórico
na graduação e pós-graduação. Abriga atividades discentes e docentes vinculadas aos Estudos Sociais de Ciência
H7HFQRORJLDHj$GHTXDomR6RFLRWpFQLFD $67 7HPWUDEDOKDGRQDIRUPDomRGHDOXQRVHSHVTXLVDGRUHVSURÀVsionais e lideranças comunitárias com demandas sociais por soluções sociotécnicas, em parceria com instituições sociais e governamentais, movimentos sociais e entidades civis parafomentar a avaliação sistemática de
experiências populares, comunitárias em articulação com políticas públicas de desenvolvimento socioeconômico,
segundo os princípios do movimento pela tecnologia social e empreendimentos econômicos solidários.
A Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares da Universidade de Brasília (ITCP – UnB) é um programa
continuado de pesquisa-ação, assessoria e fomento acriação, ampliação e amadurecimentos de experiências
formativas em interacionismo pedagógico e sociotécnico; auto-gestão e tecnologia social para Empreendimentos
Econômicos Solidários (EES). Atua na UnB e articula-se nacionalmente, com a rede universitária e dos institutos
federais tecnológicos de ITCPs. Apoiada pelo edital ITCP SENAES/CNPq (Proc. 420377/2013-1) atua em dois eixos
simultaneamente:interacionismo pedagógico e sociotécnico com o movimento dos sujeitos do campo e moeda
social com bancos de desenvolvimento comunitário.
O Núcleo de Estudo, Pesquisa e Extensão em Agroecologia e Sustentabilidade da UnB foi criado em 2010 com
o objetivo de desenvolver ações educativas, de pesquisa e extensão voltadas para o fortalecimento da transiçãoDJURHFROyJLFDQDVFRPXQLGDGHVGR(QWRUQRGR'LVWULWR)HGHUDOH1RUGHVWH*RLDQR21~FOHRFRQWDFRPRÀQDQFLDPHQWRGR&RQVHOKR1DFLRQDOGH'HVHQYROYLPHQWR&LHQWtÀFRH7HFQROyJLFR&13TSDUDUHDOL]DomRGDVDo}HVTXHD
cada dia aumentam e enriquecem o processo emancipação de jovens e adultos da agricultura sustentável em
projetos de pesquisa-ação e extensão nas propriedades dos assentados e produtores familiares.
Créditos:
Imagens de esculturasdo artista plástico: Miguel Simão da Costa (miguelsimao@unb.br)
Fotos: André Santangelo, Alexandre Brandão e do próprio artista Miguel Simão da Costa
Diagramação: Priscila S. Belavenute
3URMHWRJUiÀFRHHGLWRUDomR7LDJR)3LPHQWHOH&ULVWLQD%ULWHV
Preparação de texto: Vanessa M. Brito de Jesus
Revisão: Maria Marta Avancini
Open acess 2014

T 314 ciência tecnologia sociedade (cts) na construçãoda agroecologia / Ricardo T.
Neder e Flávio Murilo Pereira Costa (org). Brasília: Observatório do Movimento pela Tecnologia Social na América Latina / NEPEAS – Nucleo Agroecologia
UnB/, Cadernos Primeira Versão. Serie 1. Construção Social da Tecnologia.
Numero 7. 2014. ISSN 2175-2478 261p. :Il. 26 cm. – (Série 1 Cadernos Construção Social da Tecnologia – Primeira Versão, 21752478; 4).
1.Agroecologia . 2. Socioconstrutivismo. 3. Tecnologia, Sociedade. 4. América
Latina. 5. CTS 6. Tecnologia – agroecologia. 7. Var. Autores. I. Ricardo T.
Neder (org) II Serie
CDU 6

Os projetos acadêmicos de pesquisa e extensão que originaram este volume foram
apoiados (i) NEPEAS pelo edital Ministério de Desenvolvimento Agrário. MDA/Cnpq/
NEPEAS – NUCLEOS DE ESTUDOS E PESQUISAS, AGROECOLÓGICOS (Proc.487830/20130); ITCP pelo edital linha 2 NOVAS ITCP. SENAES/Cnpq (proc 420377/2013-1)

Capítulo

8
AGROECOLOGIA E O DESIGN DE SISTEMAS
AGRÍCOLAS RESILIENTES À MUDANÇA
E VARIAÇÃO CLIMÁTICA
Miguel A. Altieri (agroeco3@berkeley.edu)
Clara I. Nicholls (nicholls@berkeley.edu)
Marcos A. Lana (Marcos.Lana@zalf.de)

RESUMO
O desaparecimento de espécies é encarado como parte de um quebra-cabeça global
-...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Mudan As Clim Ticas Em Nosso Planeta
  • Mudan as Clim ticas PU1
  • Mudan A Clim Tica Global
  • MUDAN AS CLIM TICAS
  • Mudan As Clim Ticas
  • Seria A Geoengenharia A Solu O Para As Mudan As Clim Ticas
  • Mudan As Clim Ticas Na Europa 1
  • Riscos Das Mudan As Clim Ticas No Brasil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!