2 Capitulo de filosofia a consciência mitica

Páginas: 6 (1437 palavras) Publicado: 9 de dezembro de 2012
Capitulo 2
A Consciência Mítica
1. Dois Relatos míticos
Costumamos dizer que a filosofia é grega, por ter nascido nas colônias gregas no século VI a.C. E antes da filosofia, que tipo de pensamentos ocupavam a mente das pessoas?
Vamos primeiro examinar o mito, modo de consciência que predomina nas sociedades da Antiguidade. Ao contrario, porém, do que muitos supõem o mito não desapareceucom o tempo. Está presente até hoje.
Entre os povos indígenas habitantes das terras brasileiras, encontramos varias versões sobre a origem da noite. Um desses relatos é o dos maué.
De modo semelhante aos maué, os gregos do tempos homéricos narram o mito de Pandora, a primeira mulher.
Nos dois relatos, percebemos situações aparentemente diversas, mas que se assemelham, pois ambos tratam da origemde algo: entre os indígenas como surgiu a noite, e entre os gregos, a origem dos males. E trazem como consequências que as pessoas devem enfrentar.
A leitura apressada do mito nos leva a compreendê-lo como uma maneira fantasiosa de explicar a realidade. Sobre esse enfoque, os mitos seriam lendas, fabulas e crendice. Tanto é que, na linguagem comum, costuma-se identificar o mito a mentira.
Noentanto, o mito é mais complexo e muito mais expressivo e rico do que supomos.
2. O que é mito?
Como processo de compreensão da realidade, o mito não e lenda, pura fantasia, mas a verdade. Nesse sentido, antes de interpretar o mundo de maneira argumentativa, o mito expressar o que desejamos ou tememos, como somos atraídos pelas coisas ou como delas nos afastamos.
Não se trata, porém dequalquer intuição. O conceito de mito precisa de outro componente o mistério, pois ele sempre é um enigma a ser decifrado e como tal representa nosso espanto diante do mundo.
Entre as comunidades tribais, os mitos constituem um discurso de tal força que se estende por todas as esferas da realidade vivida. Desse modo, o sagrado esta em todos os campos da atividade humana. Por isso, os modelos deconstrução mítica são natureza sobrenatural, isto é, recorre-se aos deuses para essa compreensão do real.
3. Os Rituais
Uma das características do mito é fixar os modelos exemplares de todos os ritos e de todas as atividades humanas significativas. Desse modo, gestos dos deuses são imitados nos rituais. Essa é a justificativa dada pelos teólogos e ritualistas hindus: “Devemos fazer o que os deusesfizeram no principio”; “Assim fizeram os deuses assim fazem os homens”.
O tempo sagrado é reversível, ou seja, a festa religiosa não é simples comemoração, mas a ocasião pela qual o evento sagrado, que teve lugar no passado mítico, acontece novamente. Caso contrário, a semente não brotará da terra, a mulher não será fecundada, a árvore não dará fruto, os dias não sucederá a noite. Sem os ritos, écomo se os fatos naturais descritos não pudessem se concretizar.
* Exemplos de rituais
A maneira mágica pela qual os povos tribais agem sobre o mundo pode ser exemplificada pelos inúmeros ritos de passagem: do nascimento, da infância para a idade adulta, do casamento, da morte.
Ainda hoje, a maioria das religiões contemporâneas mantém os ritos próprios de sua crença: cultos, cerimônias,oferendas, preces, templos, festas e objetos religiosos.

* Transgressão do tabu
No ambiente da tribo o equilíbrio pessoal depende da preponderância do coletivo, o que facilita a adaptação do individuo a tradição. A desobediência ultrapassa quem violou a proibição, podendo atingir a família, os amigos, e às vezes toda a tribo.
É o caso do tabu, termo que significa proibição, interdito, e queentre os povos tribais assume caráter sagrado. O mais primitivo tabu é o do incesto, mas há inúmeros outros.
Quando nas tribos a proibição é transgredida, são feitos ritos de purificação.
4. Teorias sobre o mito
Entre as inúmeras teorias sobre o mito, citamos as de antropólogos, de filósofos, de psicanalistas, e de historiadores.
* As funções do mito
Alguns teóricos explicam o mito...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Livro Filosofando, Capítulo 2
  • Resumo filosofia ''A consciência mítica''
  • Resposta Filosofia "A Consciência Mítica"
  • Filosofia
  • Capitulo 2
  • Filosofia Capitulo 2
  • Filosofia capítulo 2
  • Capitulo 2

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!