• paradgima tecnico
    PARADIGMA TÉCNICO-ADMINISTRATIVO REVISÃO PARA A PROVA 1. Escreva três características dos modelos de produção taylorista, fordista e fayolista. 2. Depois de analisar as características das fábricas, associe cada uma delas ao nome que representa melhor o processo administrativo (modelo...
    704 Palavras 3 Páginas
  • Comparativo de desempenho entre sistemas de produção: artesanal, taylorista, fordista e toyotista
    , gerando a ociosidade. No Taylorista, Fordista I e II, foi ocasionada pela má distribuição de matéria-prima dos movimentadores para os operadores. Já no Toyotista, a ociosidade ocorreu de forma semelhante ao sistema Artesanal, ou seja, o cliente não fez pedido, e também por conta do modelo de...
    3528 Palavras 15 Páginas
  • A importancia da gestao de sistema
    competitividade entre os produtores. • Taylorista-Fordista Este modelo baseava-se na produção de volumes crescentes. ritmo intenso de produção, crescimento sem controle, centralização e especialização do trabalho; O modelo taylorista-fordista sofreu inúmeras críticas, pois o mesmo apresentava problemas quanto...
    542 Palavras 3 Páginas
  • Fordismo
    e criou um novo momento para o capitalismo. O modelo de produção em massa fordista foi universalizado e combinado com as técnicas de administração científica tayloristas, ao passo que foram ampliados diversos direitos sociais, o que suavizou temporariamente o conflito inerente à relação capital...
    3310 Palavras 14 Páginas
  • Relação do modelo taylorista-fordista com o processo educacional
    Acadêmica: Eltiane Braun Atividade: atividade 2 Relação do modelo Taylorista-Fordista com o processo educacional As teorias Taylorista e Fordista tinham como objetivos a ampliação da produção em um menor tempo, visando assim tornar mais eficiente a produção e...
    591 Palavras 3 Páginas
  • TGA - Alguns elementos sobre a racionalidade Taylorista, Toyolista e Fordista
    Alguns Elementos sobre a Racionalidade dos Modelos Taylorista, Fordista e Toyotista Karla von Döllinger Régnier*    Sumário - O artigo se propõe a discutir o desenvolvimento dos modelos produtivos taylorista, fordista e toyotista como formações históricas determinadas, que articulam de...
    5462 Palavras 22 Páginas
  • Fordismo
    estrutural. A fadiga do modelo de produção em massa levou à queda dos ganhos de produtividade (escala), o que representou o esgotamento do fordismo taylorista como modo de organização de produção. Os principais fatores que levaram à crise fordista foram: 1 - Aumento do poder dos sindicatos...
    679 Palavras 3 Páginas
  • Os sentidos do trabalho
    primeiros modelos utilizados nas indústrias foram o fordismo e o taylorismo, estes paradigmas eram fundamentados na exploração dos trabalhadores que, além de serem mal remunerados eram submetidos às exaustivas cargas horárias e atividades repetitivas. As indústrias fordistas/tayloristas trabalhavam com...
    1263 Palavras 6 Páginas
  • Modelo prova sociologia
    , portanto, a ilusão do fim do conflito de classe e o início de uma era de parceria e associativismo. A hierarquia horizontal, acima citada, é uma característica marcante do: a) modelo de produção taylorista. b) modelo de produção fordista. c) modelo de produção toyotista. d) modelo de produção...
    641 Palavras 3 Páginas
  • Administração
    tanto econômicos quanto sociais. A RACIONALIDADE DO MODELO FORDISTA Embora o modelo fordista seja normalmente associado a uma evolução nos princípios e práticas tayloristas, a forma como cada um deles se apropria, interpreta e atua junto ao meio ambiente circundante apresenta diferenças...
    4049 Palavras 17 Páginas
  • Taylorismo-fordismo e toyotismo na crise estrutural do capital: aspectos gerais para uma caracterização introdutória
    conceptualistas do modelo taylorista-fordista. Mas suas lutas se davam apenas nos limites da fábrica, não tendo assim apoio de outros movimentos políticos, dessa forma seu conhecimento era limitado a seus direitos não tendo como superar o capitalismo. 2. Toyotismo e a era da acumulação flexível: as...
    761 Palavras 4 Páginas
  • reestruturação produtiva
    quatro décadas se torna essencial analisar como se dava o processo nos modelos taylorista e fordista no qual desencadeando os meios de produção hoje existente, como veremos a seguir: As expressões fordistas e taylorista passaram a ser usadas para identificar um mesmo processo: aumento de...
    1651 Palavras 7 Páginas
  • Eu por eu
    , criatividade, pensamento crítico, comunicação, autonomia e responsabilidade. Essa tendência contraria os preceitos embasados no controle, nas regras e na prescrição de tarefas, no princípio do cargo (pessoa certa para o cargo certo), revelando certa ruptura com o modelo taylorista-fordista na gestão de...
    6359 Palavras 26 Páginas
  • Pós-fordismo
    INTRODUÇÃO Este trabalho é realizado a fim de discorrer sobre um dos modelos de produção vigentes na FIAT AUTOMÓVEIS S.A.(FIASA). No primeiro momento, buscaremos apresentar as bases fordistas/tayloristas, enfatizando seus princípios e conseqüências, e mostrar os aspectos que...
    841 Palavras 4 Páginas
  • SERGIO
    americano e europeu, que utilizavam os modelos de produção FordistaTaylorista. História O Japão foi o lugar da automação flexível pois apresentava um ambiente diferente dos EUA: um pequeno mercado consumidor, capital e matéria-prima escassos, e grande disponibilidade de mão-de-obra não-especializada...
    683 Palavras 3 Páginas
  • A saúde e os processos de trabalho no capitalismo
    , principalmente, na separação entre concepção e execução, introduzidas pelosmodelos de gestão taylorista e fordista. As mudanças promovidas pela implementação do modelo de gestão japonêspassaram a demandar um trabalhador aparentemente mais engajado ao seu trabalho, apto a realizar diversas operaçõese mais...
    6482 Palavras 26 Páginas
  • A revolução do pensamento administrativo
    modelos de formação e qualificação profissional. O PENSAMENTO TAYLORISTA E FORDISTA Frederick Winslow Taylor (1856 - 1915), um dos nomes mais importantes pensamento da administração, teve uma educação privilegiada. Nascido de uma família de classe média alta da Nova Inglaterra, concluiu o...
    1753 Palavras 8 Páginas
  • PROBLEMA DO ENCONTRO DE DOIS MOVEIS
    pequeno mercado consumidor, capital e matéria-prima escassos, e grande disponibilidade de mão-de-obra não-especializada, impossibilitavam a solução taylorista-fordista de produção em massa. A resposta foi o aumento na produtividade na fabricação de pequenas quantidades de numerosos modelos de...
    4382 Palavras 18 Páginas
  • Sustentabilidade
    acreditava ser uma grande família. Assim, a crença numa sociedade democrática possibilitada pelo consumo de massa, a linha de montagem e a descoberta da filosofia da intercambiabilidade diferenciavam o modelo fordista do modelo taylorista. 29 No modelo de produção fordista, assim como no...
    7256 Palavras 30 Páginas
  • Os precursores da administração:taylor,faiol e ford
    trabalho na sociedade. Mostra a influência destas teorias na organização do trabalho no setor saúde e especialmente na enfermagem demonstrando a influência predominante, até hoje, do modelo taylorista/fordista de organização do trabalho e de duas teorias administrativas, a clássica e a burocrática...
    3487 Palavras 14 Páginas