Materialismo Historico Engels artigos e trabalhos de pesquisa

  • O materialismo histórico dialético

    INTRODUÇÃO O materialismo histórico dialético surgiu através do pensamento marxista-socialista expresso nos livros que foram publicados por Marx e Engels (em contraposição ao surgimento da sociedade capitalista-industrial do século XIX), tendo surgido devido a necessidade de um pensamento que avaliasse a realidade de modo diferente, e em oposição, à concepção idealista da história (vale dizer que Marx tentava superar Hegel - dialética do Idealismo - e Feuerbach - dialética materialista...

    1222  Palavras | 5  Páginas

  • Materialismo histórico

    O Materialismo Histórico Dialético: Refletindo e ilustrando a perspectiva materialista da história RESUMO: Este trabalho tem como objetivo esmiuçar a teoria desenvolvida por Karl Marx e Friedrich Engels,conhecida como Materialismo Histórico. Deixo claro que o presente trabalho não aplica a concepção materialista da história em nenhum aspecto particular, devido ao pouco conhecimento que se tem sobre a mesma. O maior objetivo é examinar a teoria e discutir os aspectos aprendidos da mesma...

    1942  Palavras | 8  Páginas

  • Materialismo historico dialetico

    OLÁ! O materialismo designa um conjunto de doutrinas filosóficas que, ao rejeitar a existência de um princípio espiritual liga toda a realidade à matéria e a suas modificações. O materialismo histórico é uma tese do marxismo, segundo a qual o modo de produção da vida material condiciona o conjunto da vida social, política e espiritual. É um método de compreensão e análise da história, das lutas e das evoluções econômicas e políticas. O materialismo histórico é uma abordagem metodológica...

    522  Palavras | 3  Páginas

  • Materialismo Histórico e Dialético

    Materialismo Dialético e o Materialismo Histórico O materialismo dialético é a concepção filosófica do Partido marxista-leninista. Chama-se materialismo dialético, porque o seu modo de abordar os fenômenos da natureza, seu método de estudar esses fenômenos e de concebê-los, é dialético, e sua interpretação dos fenômenos da natureza, seu modo de focalizá-los, sua teoria, é materialista. O materialismo histórico é a aplicação dos princípios do materialismo dialético ao estudo da vida social, aos...

    1046  Palavras | 5  Páginas

  • Materialismo histórico - karl marx

    Materialismo Histórico, O - Karl Marx KARL MARX nasceu em Treves, na Prússia, em 1818. Era fi lho de um advogado judeu convertido ao protestantismo. Foi filósofo, historiador, economista e jornalista. Deixou numerosos escritos como "Manuscritos econômicos e filosóficos", "0 18 Brumário de Luís Napoleão", "Contribuição à crítica da economia política", "0 Capital", e, em conjunto com Engels, "A Ideologia Alemã", "Manifesto Comunista", entre outros. Segundo Engels, as duas grandes descobertas...

    996  Palavras | 4  Páginas

  • Resenha A Ideologia Alemã (Marx e Engels)

    ARQUITETURA E URBANISMO Manoel Maria do Nascimento Júnior A CONTRADIÇÃO CIDADE-CAMPO NOS FUNDAMENTOS DO MATERIALISMO HISTÓRICO Salvador 2014 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRICO Resenha apresentada como requisito parcial para aprovação na disciplina ARQ 503 – Teorias da Cidade, do curso...

    1474  Palavras | 6  Páginas

  • Materialismo Histórico

    EDUCAÇÃO COLÉGIO MILITAR TIRADENTES BIANCA FRAZÃO (nº0) BRUNA RODRIGUES (nº05) JOSENIR COSTA (nº17) JULIANA RODRIGUES (nº19) LANA CARLA (nº22) LARYSSA DUARTE (nº24) 3º C MATERIALISMO HISTÓRICO São Luís, 2014 MATERIALISMO HISTÓRICO Trabalho apresentado ao professor Rogério, da disciplina Filosofia...

    1248  Palavras | 5  Páginas

  • Dialetica,Materialismo histórico e classes sociais

    DIALÉTICA, MATERIALISMO HISTÓRICO E CLASSES SOCIAIS RESUMO O trabalho apresenta uma breve exposição sobre a dialética de Marx quando analisa as transformações que ocorrem nas sociedades; apresenta inicialmente Marx discutindo com os idealistas da Alemanha, jovens Hegelianos, contrapondo-se à afirmação destes de que as mudanças sociais se processam a partir das ideias individuais dos seres que constituem cada sociedade. Segundo esta filosofia, uma mudança real se processa primeiramente...

    1698  Palavras | 7  Páginas

  • materialismo dialético

    como requisito parcial para à obtenção de nota bimestral. Orientador (a): Prof.: João Ricardo Pontalina 2014 INTRODUÇÃO Entende-se que Materialismo Dialético é a união entre o materialismo – onde as condições materiais de existência (as relações sociais de produção) é que determinam o modo de ser e de pensar de cada um, porém, esse modo é histórico já que a sociedade e a política não surgem da ação da natureza, mas da ação concreta dos seres humanos no tempo – e a dialética – ou a arte do...

    2632  Palavras | 11  Páginas

  • Método materialista histórico dialético

    MATERIALISTA HISTÓRICO DIALÉTICO São coisas distintas. Materialismo histórico é uma teoria marxista segundo a qual os fatos econômicos representam um papel determinante nos fenômenos históricos, políticos e sociais na vida do cidadão. Materialismo dialético é uma filosofia marxista que liga uma concepção materialista do mundo, fundada essencialmente no progresso científico, e uma concepção crítica, a dialética, herdada da filosofia de Hegel. Max ao utilizar o método materialista histórico dialético...

    568  Palavras | 3  Páginas

  • O materialismo Histórico dialético e a Psicologia

    O método materialista histórico dialético: alguns apontamentos sobre a subjetividade Materialismo dialético é uma filosofia marxista que liga uma concepção materialista do mundo, fundada essencialmente no progresso científico, e uma concepção crítica, a dialética, herdada da filosofia de Hegel. Para os materialistas a única realidade é a matéria em movimento. O materialismo contrapõe-se ao idealismo. Fundamentado na dialética de Hegel...

    2594  Palavras | 11  Páginas

  • Resumo "materialismo historico dialetico"

    do conflito permanente entre exploradores e explorados; e, finalmente, a teoria do materialismo histórico. Marx dedicou-se a um estudo intensivo da história, e criou uma teoria que veio a ser conhecida como a concepção materialista da história, que foi exposta num trabalho em que esboça a história dos vários modos de produção, prevendo o colapso do modo de produção vigente - o capitalismo. O materialismo histórico é uma teoria sobre toda e qualquer forma produtiva criada pelo homem de acordo com...

    1741  Palavras | 7  Páginas

  • Materialismo Histórico e Dialético - As bases filosóficas e sua criação.

    Materialismo Histórico e Dialético - As bases filosóficas e sua criação. Introdução Na tentativa de uma breve exposição sobre a dialética de Marx quando analisa as transformações que ocorrem nas sociedades; apresenta inicialmente Marx discutindo com os idealistas da Alemanha, jovens Hegelianos, contrapondo-se à afirmação destes de que as mudanças sociais se processam a partir das ideias individuais dos seres que constituem cada sociedade. Segundo esta filosofia, uma mudança real se processa...

    1401  Palavras | 6  Páginas

  • Materialismo histórico dialético

    MATERIALISMO HISTÓRICO DIALÉTICO: CONCEPÇÃO DE SUBJETIVIDADE Prof. Silvana- PSI.2015 DIALÉTICA: Idealismo    MARX: Rompimento com o A dialética hegeliana, idealista, é “corrigida e aplicada ao materialismo existente que era essencialmente mecanicista. As leis da dialética são as leis do mundo material . A realidade social vista através de suas contradições. MATERIALISMOMaterialismo é toda concepção filosófica que aponta a matéria como substância primeira e última de qualquer ser, coisa...

    1345  Palavras | 6  Páginas

  • Karl Marx e Friedrich Engels

    XIX, surge dois grandes sociólogos na Alemanha, Karl Marx e Friedrich Engels, que também se destacaram em outras áreas como na filosofia e história na época do surgimento do capitalismo, no qual se destacava o materialismo da sociedade em suas diversas formas. Com eles nasceu o Marxismo ou socialismo científico, que gerava inquietação com as mesmas causas da época, como o modo de produção, luta das classes, materialismo histórico, mais-valia  e entre outros. ...

    1511  Palavras | 7  Páginas

  • Karl Marx, Antropologia e Materialismo Histórico

    Hegel e fundador do Comunismo moderno. Trabalhou juntamente com Friedrich Engels durante toda a sua vida. Sua obra teve como pilar central a interpretação da sociedade capitalista através dos conceitos do materialismo Histórico, suas origens, tensões, lutas de classe. Foi herdeiro da filosofia Alemã e considerado ao lado de Kant e Hegel um de seus grandes representantes, tendo sido influenciado pela doutrina de Hegel; o materialismo de Feuerbach; o socialismo utópico Francês e a economiaclássica de Adam...

    1442  Palavras | 6  Páginas

  • materialismo histórico

    Materialismo histórico Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Parte da série sobre o Marxismo Karl Marx Ciências sociais[Expandir] Economia[Expandir] História[Expandir] Filosofia[Expandir] Representantes[Expandir] Crítica[Expandir] Portal.svg Portal do comunismo Hammer and sickle transparent.svg v • e O materialismo histórico é uma abordagem metodológica ao estudo da sociedade, da economia e da história que foi pela primeira vez elaborada por Karl Marx e Friedrich Engels(1818-1883)...

    912  Palavras | 4  Páginas

  • Karl marx e o materialismo histórico

    MARX E O MATERIALISMO HISTÓRICO Igor Karlos de Araujo e Silva RESUMO Este artigo tem a intenção de explicar aos iniciantes, e veteranos também, os estudos de Karl Marx sobre o materialismo histórico, mostrando e explicando sua origem, como foi concebido e seus conceitos, para se ter um entendimento simples, completo e direto sobre o Materialismo. Além disso, vamos analisar algumas das ideias e categorias que fundamentam e estruturam o método materialista histórico-dialético, buscando um conhecimento...

    2587  Palavras | 11  Páginas

  • Materialismo historico

    DO MATERIALISMO HISTÓRICO DIALÉTICO E MARXISTA........................................4-5. O MÉTODO MATERIALISTA HISTÓRICO DIALÉTICOS: alguns apontamentos sobre a subjetividade....5. PRINCÍPIOS....................................................................................................................................6-7-8. ALGUMAS CATEGORIAS DE ANÁLISES..........................................................................................8-9-10. O QUE SE ENTENDE POR MATERIALISMO HISTÓRICO...

    4835  Palavras | 20  Páginas

  • o materialismo histórico de Karl Marx

    INTRODUÇÃO.................................................................................................................. 3 2. AS BASES DO MARXISMO: A IDEOLOGIA ALEMÃ ............................................. 4 3. A TEORIA MARXISTA: O MATERIALISMO HISTÓRICO.................................... 5 4. OS MODOS DE PRODUÇÃO ......................................................................................... 6 5. AS LUTAS DE CLASSES: RELAÇÕES DE PRODUÇÃO ........................................

    5467  Palavras | 22  Páginas

  • Materialismo, empirismo e positivismo

     PSICOLOGIA Prof ª: Ana Maria Alunos Cláudia Helena Belchior Mayra Fortes Monalisa Viana Materialismo, Empirismo e Positivismo RIO DE JANEIRO 2014 O Materialismo Materialismo é toda concepção filosófica que aponta a matéria como substância primeira e última de qualquer ser, coisa ou fenômeno do universo. Para os materialistas, a única realidade é a matéria em movimento, que, por sua riqueza e complexidade, pode compor tanto a pedra quanto os extremamente variados...

    2308  Palavras | 10  Páginas

  • Frederich Engels

     Frederich Engels, teórico revolucionário alemão, nasceu em Barmen, 28 de novembro de 1820, falecendo em  Londres, 5 de agosto de 1895. Engels na juventude fica impressionado com a miséria em que viviam os trabalhadores das fábricas de sua família. Fruto dessa indignação, Engels desenvolve um detalhado estudo sobre a situação da classe operária na Inglaterra. Em 1842, Engels de 22 anos de idade foi enviado por seus pais para Manchester, Inglaterra, para trabalhar. Quando estudante adere a idéias...

    990  Palavras | 4  Páginas

  • A Consciência e o Materialismo Histórico

    A Consciência e o Materialismo Histórico Ao longo do tempo vários filósofos propuseram diversas teorias a fim de definir o nascimento da consciência humana e determinar os fatores dominantes que fazem com que ela se desenvolva e, além disso, determinar como sociedade e consciência se relacionam e se adaptam uma a outra. Durante o século XIX dois alemães que além de bons amigos foram grandes filósofos, Karl Marx (1818 – 1883) e Friedrich Engels (1820 – 1895) defendiam a ideia que ficou conhecida...

    1041  Palavras | 5  Páginas

  • A Sociologia De Marx E Engels Introdu O 1

    A Sociologia de Marx e Engels A BASE DO PENSAMENTO SOCIALISTA Podemos dividir a Sociologia Clássica em: 1. Os Conservadores (chamados de Profetas do Passado – criticavam as Revoluções francesa e industrial) 2. Pioneiros da Sociologia – Os Positivistas (Comte – busca da Ordem e da cientificidade para a Sociologia); Durkheim e seu método Sociológico. 3. Pensamento Socialista – Materialismo dialético (Marx e Engels) 4. Sociologia Compreensiva – MAX WEBER Vamos seguir uma ordem cronológica e começar...

    1072  Palavras | 5  Páginas

  • Resumo: halliday, fred. repensando as relações internacionais. porto alegre: editora da universidade federal do rio grande do sul, 1999. um encontro necessário: o materialismo histórico e as relações internacionais. p. 61-86

    HALLIDAY, Fred. Repensando as Relações Internacionais. Porto Alegre: Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1999. Um encontro necessário: o materialismo histórico e as Relações Internacionais. P. 61-86 O irlandês Fred Halliday, nascido em 1924, foi professor de Relações Internacionais na “London School of Economics”, uma respeitada faculdade em Londres. Além disso, é autor de diversos livros bem conceituados e especialistas em questões do Oriente Médio, de desenvolvimento...

    994  Palavras | 4  Páginas

  • O matérialismo histórico

    MATERIALISMO HISTÓRICO Para Marx, o materialismo histórico pretende explicar a história das sociedades humanas, em todas as épocas, através dos fatos materiais, essencialmente econômicos e técnicos. A sociedade é comparada a um edifício no qual as fundações, a infra-estrutura, seriam representadas pelas forças econômicas, enquanto o edifício em si, a superestrutura, representaria as idéias, costumes, instituições (políticas, religiosas, jurídicas, etc). Marx dedicou-se a um estudo intensivo...

    2315  Palavras | 10  Páginas

  • Trabalho, materialismo e natureza

    TRABALHO, MATERIALISMO E NATUREZA SEGUNDO MARX E ENGELS    César Augusto Soares da Costa Francisco Quintanilha Veras Neto Carlos Frederico Bernardo Loureiro csc193@hotmail.com   Resumo: A questão do trabalho e sua transformação ao longo da história suscitam as mais diferentes interpretações desde o momento em que foram colocadas. As tradições clássicas burguesas, assim como da marxista compartilham do ponto de vista de que o trabalho é o fato social principal. Elas concebem a sociedade...

    3160  Palavras | 13  Páginas

  • O materialismo e a dialética

    1. O MATERIALISMO HISTÓRICO DIALÉTICO 2.1 O princípio fundamental da filosofia A dialética aborda a realidade de forma a usar as relações dos objetos e dos seres existentes no planeta em movimento constante para interpretar o mundo, ao contrário da metafísica que enxerga o mundo como algo imóvel, eterno e constante. A construção lógica do método materialista histórico que fundamenta o pensamento marxista, apresenta-se como possibilidade teórica (instrumento lógico) de interpretação....

    1467  Palavras | 6  Páginas

  • MARXISMO, MATERIALISMO DIALÉTICO E MATERIALISMO HISTÓRICO

     MARXISMO, MATERIALISMO DIALÉTICO E MATERIALISMO HISTÓRICO 1. Quais as raízes da concepção de mundo de Marx e quais as fontes diretas do marxismo? As raízes da concepção do mundo de Marx estão unidas às idéias idealistas de Hegel. O idealismo objetivo de Hegel aceitava que todos os fenômenos da natureza e da sociedade tinham sua base na idéia Absoluta. Conceito de alienação e a compreensão dialética da realidade. Desenvolveu essas idéias dentro de sua concepção materialista do mundo. Reconhecem-se...

    802  Palavras | 4  Páginas

  • Materialismo dialético

    Resumo- Capítulo IV- Materialismo dialético No século XIX o idealismo era a filosofia alemã predominante da época, tal filosofia afirmava que a realidade primordial era o pensamento e que tudo o mais é dele derivado. Friedrich Hegel era o mais influênte filósofo idealista da época, para ele, como o pensamento e a realidade são a mesma coisa, a dialética se torna não somente um método, mas também o lógica inerente ao próprio processo histórico, cuja frase de efeito, todo racional é real, todo...

    1328  Palavras | 6  Páginas

  • Materialismo dialético

    Materialismo dialético Data do século xix - marx e engels. A teoria marxista compõe-se de uma teoria científica, o materialismo histórico, e de uma filosofia, o materialismo dialético. Para os materialistas, a história da filosofia tem longa tradição idealista, pressuposta até nas teorias em que o idealismo não transparece num pensamento de hegel, no século xix.para esse filósofo, é a própria razão que faz o tecido real, e a idéia não é uma criação subjetiva do sujeito, mas a própria realidade objetiva...

    722  Palavras | 3  Páginas

  • Vida de Karl Marx e Friedrich Engels

    atenção de Friedrich Engels, mais tarde amigo e parceiro. Com isso foi expulso de Paris em 1845, indo morar em Bruxelas, capital da Bélgica, onde construiu uma consistente amizade com Friedrich Engels e juntos publicaram algumas obras, tais como: “A Sagrada Família”, “A Ideologia Alemã” e um tempo depois o “Manifesto Comunista”. Com a publicação do “Manifesto Comunista” em 1848, que expressava a luta contra o capitalismo, defendia a luta de classes e falava sobre o materialismo histórico, Karl Marx foi...

    1286  Palavras | 6  Páginas

  • materialismo historico

     Materialismo histórico Na teoria marxista, o materialismo históricopretende a explicação da história das sociedades humanas, em todas as épocas, através dos fatos materiais, essencialmente econômicos e técnicos. A sociedade é comparada a um edifício no qual as fundações, a infra-estrutura, seriam representadas pelas forças econômicas, enquanto o edifício em si, a superestrutura, representaria as idéias, costumes, instituições (políticas, religiosas, jurídicas, etc). A propósito, Marx escreveu...

    543  Palavras | 3  Páginas

  • Karl Marx e Friedrich Engels

    Karl Marx e Friedrich Engels Marx e Friedrich tinham o objetivo de superar a situação em que a sociedade se encontrava, para eles a sociedade precisava ser ordenada. Acreditavam que poderiam encontrar outras formas de resolver esta questão, pois não visavam criar um novo modelo de sociedade, achava possível encontrar na própria sociedade um meio de promover mudanças. Através do estudo histórico da sociedade capitalista e das leis que as regiam, acreditavam que essas leis poderiam ter forças de funcionamento...

    541  Palavras | 3  Páginas

  • Materialis mo histórico dialético

    MATERIALISMO HISTÓRICO DIALÉTICO DE MARX 1. INTRODUÇÃO Segundo Bergman, 2004, Karl Marx, nascido em 1818, foi o terceiro filho de uma família de nove, na cidade de Trier, Alemanha. Seus pais eram de descendência judaica mas haviam se convertido ao Protestantismo a fim de garantir o emprego do pai como advogado do Governo. A política esquerdista de Marx foi um obstáculo na obtenção de emprego como professor, após a conclusão do doutorado em Filosofia, então mudou-se para Cologne e foi trabalhar...

    1407  Palavras | 6  Páginas

  • Síntese- Karl Max - dialética e materialismo

    dialética ao mundo concreto,o chamado materialismo histórico. Marx tem como seu colaborador F.Engels, e em 1848 publica o manifesto comunista,onde coloca as sua idéias com a luta de classes e o materialismo histórico. Em suas obras,Marx faz críticas ao capitalismo,expõe a história do movimento operário,e por conta disso ele e sua esposa são presos e expulsos da Bélgica. Em 1864 funda a Associação internacional dos trabalhadores em Londres. Em 1867 com ajuda de Engels publica sua obra mais importante...

    2795  Palavras | 12  Páginas

  • Materialismo Historico

    Materialismo Histórico Na teoria marxista, o materialismo histórico pretende a explicação da história das sociedades humanas, em todas as épocas, através dos fatos materiais, essencialmente econômicos e técnicos. A sociedade é comparada a um edifício no qual as fundações, a infra-estrutura, seriam representadas pelas forças econômicas, enquanto o edifício em si, a superestrutura, representaria as idéias, costumes, instituições (políticas, religiosas, jurídicas, etc). A propósito, Marx escreveu...

    790  Palavras | 4  Páginas

  • Materialismo

    INTRODUÇÃO AO MATERIALISMO DIALÉTICO I - Introdução O marxismo está intimamente ligado a uma filosofia e a um método. Esse método é o materialismo dialético e torna-se fundamental entendê-lo, não só para refutar as explicações burguesas sobre o mundo que nos cerca, como também para formular ações que conduzam a formas de luta eficazes no sentido da emancipação da classe trabalhadora. Lênin dizia que “sem teoria revolucionária não há prática revolucionária”. Isto significa que, antes de...

    6291  Palavras | 26  Páginas

  • Karl marx e engels

    que o excedente originado pelos trabalhadores acaba sempre nas mãos dos capitalistas, classe que fica cada vez mais rica à custa do empobrecimento do proletariado. Com a colaboração de Engels, Marx escreveu também o Manifesto Comunista, onde não poupou críticas ao capitalismo.  . Este notável personagem histórico faleceu em Londres, Inglaterra, em 14 de março de 1883, deixando muitos seguidores de seus ideais. Lênin foi um deles, e, na União Soviética, utilizou as ideias marxistas para sustentar...

    2441  Palavras | 10  Páginas

  • PERIODOS HISTORICOS

    que fica cada vez mais rica à custa do empobrecimento do proletariado. Com a colaboração de Engels, Marx escreveu também o Manifesto Comunista, onde não poupou críticas ao capitalismo. Friedrich Engels foi um importante filósofo alemão. Nasceu em 28 de novembro de 1820, na cidade alemã de Wuppertal. Morreu em Londres, no dia 5 de agosto de 1895. Junto com o filósofo alemão Karl Marx, criou o marxismo. Engels era integrante de uma rica família. Em 1842, foi morar na Inglaterra para trabalhar na indústria...

    9138  Palavras | 37  Páginas

  • Fontes do marxismo e materialismo histórico

    fontes do pensamento Ocidental burguês do século XIX: o Socialismo francês (o pensamento político francês), a Filosofia alemã e a Economia Política britânica, que logicamente combinadas desenvolveram as três partes: o Materialismo histórico, a Crítica à Economia Política e o Materialismo dialético. Os pontos de partida do marxismo são a análise dialética, método e modo de compreensão desenvolvido e inicialmente utilizado por Hegel, sendo este criticado por Marx como idealista, a filosofia materialista...

    661  Palavras | 3  Páginas

  • MATERIALISMO HISTORICO E DIAL TICO

    MATERIALISMO HISTORICO E DIALÉTICO TRABALHO CIENCIAS SOCIAIS Materialismo dialético É uma concepção filosófica que defende que o ambiente, o organismo e fenômenos físicos tanto modelam os animais e os seres humanos, sua sociedade e sua cultura quanto são modelados por eles. Ou seja, que a matéria está em uma relação dialética com o psicológico e social. Se opõe ao  idealismo, que acredita que o ambiente e a sociedade com base no mundo das ideias, como criações divinas seguindo as vontades das divindades...

    560  Palavras | 3  Páginas

  • Materialismo Historico

    convictos consiste em explicar esta mesma evolução pela evolução dos costumes e da ideias ou opinião, como se dizia no século XVIII. Uma vez que é a opinião quem governa o mundo, é evidente que ela é a causa fundamental e mais profunda do movimento histórico. Mais entre os filósofos do século XVIII havia muitos que são conhecidos como materialistas. Tais eram, por exemplo, Holbach, o autor do livro Sistemas da Natureza, e, Helvetius, autor do livro Do Espirito. É natural admitir-se que pelo menos estes...

    637  Palavras | 3  Páginas

  • Materialismo

    Materialismo O materialismo histórico é uma abordagem metodológica ao estudo da sociedade, da economia e da história que foi pela primeira vez elaborada por Karl Marx e Friedrich Engels(1818-1883), malgrado ele próprio nunca tenha empregado essa expressão. O materialismo histórico procura as causas de desenvolvimentos e mudanças na sociedade humana nos meios pelos quais os seres humanos produzem coletivamente as necessidades da vida. As classes sociais e a relação entre elas, além das estruturas...

    713  Palavras | 3  Páginas

  • O materialismo dialético e o materialismo histórico

    O MATERIALISMO DIALÉTICO E O MATERIALISMO HISTÓRICO J. Stalin RESUMO: A dialética carrega esse nome devido a sua maneira de considerar os fenômenos da natureza, o seu método de investigação e conhecimento é dialético, ou seja, vem do debate, da conversa. Na antiguidade, a dialética era entendida como uma forma de se chegar à verdade a partir da descoberta e superação de contradições contidas no raciocínio do adversário. A dialética de Marx e Engels se difere da dialética de Hegel, pois, dela...

    1076  Palavras | 5  Páginas

  • positivismo,fenomenologia,materialismo

    ele também diz que a fenomenologia é o estudo da ciência. Porem não podemos ignorar a reflexão pois ela é uma verdadeira criação em que o mundo e dado ao sujeito MATERIALISMO: O materialismo histórico foi criado por Karl Marx em que revolucionou o pensamento filosófico junto com Engels e Vladimir Lenin. A ideia de materialismo e oque a realidade existe independente da consciência, os gregos acreditam que elementos como fogo ar agua eram capaz de criar todas as coisas estes eram os primeiros...

    688  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha sobre o Materialismo em Marx

    Sociologia Resenha sobre o Materialismo em Marx Karl Marx e Friedrich Engels foram dois grandes sociólogos alemães que colaboraram demasiadamente para o entendimento da sociedade, os dois montaram o fundamento de uma nova teoria, a do socialismo científico, em oposição ao socialismo religioso, idealista e utópico. Sem dúvidas estes intelectuais através de suas obras, muitas delas feitas em parceria, deixaram um legado sociológico, político e econômico, além de histórico de questões com as quais eles...

    846  Palavras | 4  Páginas

  • Karl marx: materialismo na educação

    ALENCAR LOHANNA KARLA SILVA BARBOSA MARIA EDUARDA GOMES SALMA DIAS MEDEIROS TAINARA SILVA KARL MARX: materialismo na educação Imperatriz 2013 CAMILA MORAES SOUSA GISELE CRISTINA SANTOS ARAUJO GERMANA CRISTINA COQUEIRO ARAUJO HÉMILLY NASCIMENTO DOS SANTOS KEILA FRANÇA DE Trabalho apresentado a Universidade Estadual do Maranhão no curso de Licenciatura em Pedagogia...

    3633  Palavras | 15  Páginas

  • TRABALHO DE FILOSOFIA II SOBRE KARL MARX E FRIEDRICH ENGELS

    TRABALHO DE FILOSOFIA II SOBRE KARL MARX E FRIEDRICH ENGELS 1) Quais as principais criticas de Marx quanto a: Hegel – Para Marx, Hegel subordina a sociedade civil ao Estado, e descreve a essência do mesmo com a justificativa igual a do Estado prussiano. Esquerda hegeliana – Marx acredita que “não é a consciência que determina a vida, mas a vida que determina a consciência”, por isso critica os jovens hegelianos que combatem contra as “frases” ao invés de lutarem contra o mundo real, do...

    1213  Palavras | 5  Páginas

  • Materialismo Hist Rico

    Na teoria marxista, o materialismo históricopretende a explicação da história das sociedades humanas, em todas as épocas, através dos fatos materiais, essencialmente econômicos e técnicos. A sociedade é comparada a um edifício no qual as fundações, a infra-estrutura, seriam representadas pelas forças econômicas, enquanto o edifício em si, a superestrutura, representaria as idéias, costumes, instituições (políticas, religiosas, jurídicas, etc). A propósito, Marx escreveu, na obra A Miséria da filosofia...

    681  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha Marterialismo historico

    UFF Universidade Federal Fluminense Instituto de Ciências Humanas e Filosofia Graduação em Sociologia Disciplina: Politica Clássica I Resenha Crítica de Política Clássica, tema: O Materialismo Histórico. Elaborada pela aluna, .... , como requisito para aprovação na Disciplina de Política Clássica I O curso de Política Clássica teve como objetivo explorar o pensamento político do século XVII ao XIX nas suas diversas escolas de pensamento. Dessa forma, durante...

    962  Palavras | 4  Páginas

  • a dialetica o materialismo historico e a logica histórica

    3 2. RESENHA – MARX (1818-1883) ...........................................................................5 3. RESENHA – A LÓGICA DA HISTÓRIA ................................................................7 4. CONCEITOS: Dialética; Materialismo Histórico e Lógica Histórica ................8 1. Resenha - O QUE É DIALÉTICA KONDER, Leandro. O que é dialética. 6ª edição da 25ª Ed. Editora Brasiliense, (Coleção Primeiros Passos, 23). p.83. Leandro Konder nasceu em 1936, em Petrópolis (RJ)...

    2485  Palavras | 10  Páginas

  • Materialismo

    a definição do iDicionário Aulete, materialismo  é a “corrente de pensamento que afirma a precedência da matéria sobre o espírito ou a mente, e que constitui a base de várias escolas  filosóficas, desde os antigos gregos até a época atual" ou "no pensamento marxista, aquilo que é necessário à sobrevivência do homem em sociedade (alimentação, moradia, trabalho etc.) e que fundamenta a estrutura econômica da sociedade organizada". A criação do termo materialismo remete ao ano de 1702, quando foi alcunhado...

    1270  Palavras | 6  Páginas

  • materialismo historico dialetico

    preocupações e concepções tradicionais do materialismo histórico (questões feministas, ecológica e pacifista). 3. As diferentes tendências marxistas ou, mesmo, as interpretações diversas das obras marxiana e os reducionismos que ela é tratada (economicismo, o voluntarismo e o cientificismo) Os reducionismos expressam o debate imanente ao marxismo em torno da natureza entre os fatores estrutura e sujeito na sociedade. Para explicar a transformação social, Marx e Engels utilizam duas contradições: ora a...

    1054  Palavras | 5  Páginas

  • Materialismo x Positivismo

    INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA – CÂMPUS VALENÇAPOSITIVISMO x MATERIALISMO Valença – Bahia Abril de 2014 ESAÚ SANTOS MUNIZ JÚNIOR REBECA SANTOS DE ANDRADEPOSITIVISMO x MATERIALISMO Trabalho apresentado como requisito de avaliação parcial da III Unidade, da disciplina de Filosofia, ministrada pela professora Ana Carolina, à Turma 83431 – 3° ano do Ensino Médio Integrado ao Curso Técnico em Turismo -, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia...

    979  Palavras | 4  Páginas

  • Explorando o entendimento humano com os grandes pensadores: émile durkheim, karl marx e friedrich engels e max weber.

    SILVA título do trabalho: Explorando o entendimento humano com os grandes pensadores: Émile Durkheim, Karl Marx e Friedrich Engels e Max Weber. BOA VISTA 2009 MARIA BETÂNIA SOUSA DA SILVA título do trabalho: Explorando o entendimento humano com os grandes pensadores: Émile Durkheim, Karl Marx e Friedrich Engels e Max Weber. Trabalho apresentado ao Curso (SERVIÇO SOCIAL) da UNOPAR - Universidade Norte do...

    2461  Palavras | 10  Páginas

  • Materialismo

    Quadros Comparativos Idealismo Materialismo 1. O espírito é eterno, infinito; primeiro; a matéria deriva dele 1. A matéria é eterna, infinita, primeira; o espírito deriva dela. 2. Os fenômenos do universo são devidos à intervenção de quaisquer espíritos ou forças imateriais. 2. Os fenômenos do universo são os diversos aspectos da matéria em movimento. 3. O movimento, o dinamismo, a atividade, o poder criador são unicamente da competência do espírito. ...

    501  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofos karl marx , friedrich engels, holbach, jean paul sartre

    sistema. Friedrich Engels Junto com Karl Marx, Friedrich Engels realizou uma obra marcante na filosofia e na política, cuja característica principal foi a elaboração das teorias do materialismo histórico. Engels era filho de um rico industrial alemão e soube analisar a sociedade de forma muito eficiente, como poucos antes dele. Na juventude, ficou impressionado com a miséria dos trabalhadores das fábricas de sua família, uma delas em Manchester, Inglaterra. Engels completou e publicou o...

    2181  Palavras | 9  Páginas

  • Resumo de friedrich engels

    alfabética * Categorias Filósofo alemão Friedrich Engels 28/11/1820, Barmen (Alemanha)  05/08/1895, Londres (Reino Unido) Da Página 3 Pedagogia & Comunicação Filho de rico industrial alemão, Engels foi bem sucedido como homem de negócios | Junto com Karl Marx, Friedrich Engels realizou uma obra marcante na filosofia e na política, cuja característica principal foi a elaboração das teorias do materialismo histórico. Engels era filho de um rico industrial alemão e soube analisar...

    592  Palavras | 3  Páginas

  • Materialismo histórico dialético e a teoria da intervenção práxica da enfermagem em saúde coletiva

    O MATERIALISMO HISTÓRICO-DIALÉTICO E A TEORIA DA INTERVENÇÃO PRÁXICA DA ENFERMAGEM EM SAÚDE COLETIVA: A DEMARCAÇÃO DO ‘COLETIVO’ PARA A AÇÃO DA ENFERMAGEM CHAVES, Maria Marta Nolasco** mnolasco@terra.com.br 1. INTRODUÇÃO Diversas perspectivas teóricas e metodológicas convivem, hoje, na formação de profissionais da Enfermagem. Algumas delas são hegemônicas, como as de orientação positivistai, pois se ligam à tradição do ensino no Brasil, sendo também comuns às formações das demais profissões...

    9579  Palavras | 39  Páginas

tracking img