Cuidados Com Cateter Venoso Central Mono Lumen artigos e trabalhos de pesquisa

  • cateteres venosos centrais

    1 INTRODUÇÃO O Cateter Venoso Central constitui-se num importante recurso para a sustentação de pacientes dependentes de medicação endovenosa prolongada. É um dispositivo largamente utilizado, pois, permite a monitoração de pacientes em estado crítico e serve como via de acesso para aqueles que necessitam de suporte nutricional venoso e, também, para realização de hemodiálise. (JUNIOR et al., 2010). Os cateteres venosos centrais podem ser de curta permanência, como os utilizados em unidades...

    887  Palavras | 4  Páginas

  • Cateterizaçâo venosa central

    Cateterização Venosa Central __________________ Cateterização Venosa Central Objectivos Gerais: Adquirir / Actualizar conhecimentos sobre Cateteres Venosos Centrais Cateterização Venosa Central Objectivos Específicos: ― Identificar as Complicações mais frequentes associadas aos cateterismos venosos centrais e descrever as medidas preventivas. Identificar e descrever os cuidados inerentes à cateterização e manutenção dos cateteres. Identificar as vias dos CVC e sua utilização preferencial...

    1751  Palavras | 8  Páginas

  • Acesso venoso central

    ACESSO VENOSO CENTRAL JOÃO PESSOA MAIO 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO............................................................................................................4 2 ACESSO VENOSO CENTRAL..................................................................................6 3 COLOCAÇÃO DE UM CATETER VENOSO CENTRAL................................

    5290  Palavras | 22  Páginas

  • CUIDADOS E PREVENÇÃO DE COMPLICAÇÕES COM CATETERES IMPLANTADOS

    Faculdades Metropolitanas Unidas - FMU Curso de graduação em Enfermagem CUIDADOS E PREVENÇÃO DE COMPLICAÇÕES COM CATETERES IMPLANTADOS PARA HEMODIÁLISE Autores: Célia Lucena; Clara Ednilsa; Diogo Barbosa; Flávia Almeida Orientadora: Profª Drª Rose Meire Imaniche Fugita Resumo  A insuficiência Renal ocorre quando os rins são incapazes de remover água, eletrólitos e escórias metabólicas do organismo (ARONE; PHILIPPE, 1994). Passando assim a necessitar de sessões de hemodiálise, que consiste na retirada...

    8001  Palavras | 33  Páginas

  • ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO FRENTE ÀS COMPLICAÇÕES INFECCIOSAS DO PACIENTE PORTADOR DE CATETER TEMPORÁRIO DUPLO LÚMEN

    hipertensão, diabetes e glomerulonefrites representam respectivamente as principais causas da DRC dos pacientes em tratamento dialítico. A otimização do manuseio clínico na DRC envolve o diagnóstico imediato da doença, encaminhamento precoce para os cuidados especializados e a implementação das medidas de retardo da progressão da doença, identificação e correção das complicações e comorbidades mais comuns, bem como educação e preparo para Terapia Renal Substitutiva (TRS) (BASTOS, et. al; 2004). Os...

    3778  Palavras | 16  Páginas

  • Cuidados de enfermagem Np

    CUIDADOS DE ENFERMAGEM NA NUTRIÇÃO PARENTERAL (NP) A NP é uma solução ou emulsão, composta basicamente de carboidratos, aminoácidos, lipídios vitaminas e minerais, estéril, apirogênica, acondicionada em recipiente de vidro ou plástico, destinada à administração intravenosa em pacientes desnutridos ou não, em regime hospitalar, ambulatorial ou domiciliar, visando a síntese ou manutenção dos tecidos, órgãos ou sistemas. O enfermeiro é responsável pela administração da NP e prescrição dos cuidados...

    1450  Palavras | 6  Páginas

  • Intervenções de enfermagem nas complicações ao paciente em uso de cateter duplo lúmen para hemodiálise:

    MARCIANA GOMES SOBRINHO MARINALVA PAZ SILVA THALYTTA LEITE INTERVENÇÕES DE ENFERMAGEM NAS COMPLICAÇÕES AO PACIENTE EM USO DE CATETER DUPLO LÚMEN PARA HEMODIÁLISE: Revisão literatura Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Enfermagem da Universidade de Cuiabá - UNIC, para obtenção do título de Bacharel em Enfermagem. Orientador (a): Profª. Esp. Simoni Paula de Melo. ...

    12749  Palavras | 51  Páginas

  • Acesso venoso central

    Acesso Venoso Central Indicações: Em: • Pacientes admitidos em uma sala de emergência; • Pacientes em ambiente de terapia intensiva. Para: • Reposição volêmica e/ou coleta sérica freqüente para exames laboratoriais (Na ausência de sistema venoso periférico adequado); • Terapia medicamentosa intravascular de longa duração; • Infusão de drogas (Vasoativas, inotrópicas, cáusticas ou hiperosmolares); • Monitoração de pressões (Venosa central e arterial pulmonar); • Nutrição...

    903  Palavras | 4  Páginas

  • Qualificação em inserção, utilização e manutenção com cateter ccip adulto

    Curso de Qualificação em Inserção, Utilização e Manutenção com Cateter Central de Inserção Periférica CCIP Adulto 2007 SUMÁRIO REVISÃO DE ANATOMIA E FISIOLOGIA DA PELE............................................4 COLONIZAÇÃO DA PELE.....................................................................................7 SISTEMA VENOSO...............................................................................................9 PRINCÍPIOS DA TERAPIA INTRAVENOSA..................

    14864  Palavras | 60  Páginas

  • Apostila Do Curso Atualizacao Em Acesso Venoso Na Uti Pediatrica E Neonatal

    ___________________________________________________________________ ATUALIZAÇÃO EM ACESSO VENOSO NA UTI PEDIÁTRICA E NEONATAL 1. Apresentação A preservação da rede venosa se faz indispensável na assistência de enfermagem, pois o uso constante dessa via para aplicação dos mais variados medicamentos, soluções, sangue e seus derivados e para a coleta destinada à realização de exames laboratoriais levam a problemas cada vez mais sérios de visualização e acesso ao vaso. 1.2.Objetivos Atualizar os graduandos...

    3539  Palavras | 15  Páginas

  • Mono Picc

    FACULDADE ALVORADA CURSO DE ENFERMAGEM TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO PAPEL DO ENFERMEIRO NA ASSISTÊNCIA AO CATETER VENOSO DE INSERÇÃO PERIFÉRICA EM RECÉM-NASCIDOS LUZIA PEREIRA DA SILVA BRASÍLIA DEZEMBRO 2011 LUZIA PEREIRA DA SILVA PAPEL DO ENFERMEIRO NA ASSISTÊNCIA AO CATETER VENOSO DE INSERÇÃO PERIFÉRICA EM RECÉM-NASCIDOS. Trabalho de Conclusão de Curso para obtenção de título de Bacharel em Enfermagem. Orientador...

    11875  Palavras | 48  Páginas

  • CATETER VENOSO CENTRAL SEMI-IMPLANTÁVEL

    CATETER VENOSO CENTRAL SEMI-IMPLANTÁVEL OU TUNELIZADOS (CVC-SI) DEFINIÇÃO São tubos flexíveis radiopacos, feitos de silicone, poliuretano ou de teflon. Seus modelos, apresentações, comprimentos, bem como algum dispositivo adicional, tipo válvula bidirecional em sua ponta proximal ou distal e diferenciação das vias por códigos de cores, variam de acordo com a empresa fabricante. As marcas mais conhecidas são Hickman®, Broviac® e Permcath®. Apresentam-se de única, dupla e tripla vias, independentes...

    1676  Palavras | 7  Páginas

  • Cuidado do Enfermeiro com o Cateter Venoso Central

    Tema: O controle de infecção em cateter venoso central: A intervenção do enfermeiro na terapia intensiva em pacientes adultos. Objetivo Geral: Prevenir e controlar a infecção mediante os cuidados realizados pelo enfermeiro. Objetivo Especifica: • Conceito infecção hospitalar e critérios relacionados ao cateter venoso central • Descrever os aspectos epidemiológicos das infecções relacionados ao cateter venoso central • Identificar os fatores de risco • Descrever as medidas recomendadas para...

    12580  Palavras | 51  Páginas

  • Cateter para hemodiálise: retrato de uma realidade

    crônica submetidos à hemodiálise ambulatorial por meio do cateter temporário duplo-lúmen estudando e avaliando os pacientes desde a implantação do cateter até sua retirada definitiva. Estudos desta natureza têm sua relevância, considerando que estampam a realidade e a necessidade da vigilância dos fatores de risco da infecção, para posteriormente implementar medidas de prevenção e controle. Palavras chave: hemodiálise, cateter duplo lúmen, complicações ABSTRACT The renal insufficiency is...

    4204  Palavras | 17  Páginas

  • Heparinização de catéteres

    Padrão HEPARINIZAÇÃO DE CATETERES INTRAVENOSOS Conceito: Preenchimento da luz de cateteres venosos centrais e periféricos com solução heparinizada. Responsável pela prescrição Enfermeiro e Médico Responsáveis pela execução Enfermeiros, Médicos, Auxiliares e Técnicos de enfermagem e Acadêmicos de enfermagem e de medicina sob supervisão do professor e/ou responsável. Finalidades Manter permeabilidade do acesso vascular. Prevenir infecções relacionadas ao cateter. Indicações Clientes...

    1104  Palavras | 5  Páginas

  • INFECÇÃO DE CATETER VASCULAR CENTRAL

    ARTIGO ORIGINAL Marques Netto S, Echer IC, Kuplich NM, Kuchenbecker R, Kessler F. Infecção de cateter vascular central em pacientes adultos de um centro de terapia intensiva. Rev Gaúcha Enferm., Porto Alegre (RS) 2009 set;30(3):429-36. 429 INFECÇÃO DE CATETER VASCULAR CENTRAL EM PACIENTES ADULTOS DE UM CENTRO DE TERAPIA INTENSIVA Shana MARQUES NETTOa Isabel Cristina ECHERb Nádia Mora KUPLICHc Ricardo KUCHENBECKERd Flavia KESSLERe RESUMO Estudo descritivo retrospectivo que descreve...

    5231  Palavras | 21  Páginas

  • manipulaçao de cateteres centrais de longa permanencia

    Hospitalar CCIH/HUCFF/UFRJ Setembro 2013 MANIPULAÇÃO DE CATETERES VASCULARES CENTRAIS DE LONGA PERMANÊNCIA Os cateteres venosos centrais de longa permanência constituem importante fator de risco para infecção, com alto índice de mortalidade. É imprescindível que estes dispositivos vasculares sejam manipulados por profissionais treinados para evitar complicações como infecção ou obstrução, por manuseio inadequado. Tipos de Cateter Os cateteres de longa permanência podem permanecer implantados por...

    1632  Palavras | 7  Páginas

  • Cuidados pré-operatório e pós-operatório

    INTRODUÇÃO O presente trabalho retrata sobre Cuidados Pré-Operatório, como já sabemos que antes de falarmos deste tema, não devemos esquecer de frisar os sobtemas em abordagem. Pós-operatório é o período durante o qual se observa e se assiste a recuperação de pacientes em pós-anestésico e pós "stress" cirúrgico. Os objetivos da equipe multidisciplinar durante este período são: a manutenção do equilíbrio dos sistemas orgânicos, alívio da dor e do desconforto, prevenção de complicações pós-operatórias...

    4490  Palavras | 18  Páginas

  • Coleta de sangue venoso

    Recomendações da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica Medicina Laboratorial para COLETA DE SANGUE VENOSO SOCIEDADE BRASILEIRA DE PATOLOGIA CLÍNICA/ MEDICINA LABORATORIAL COMISSÃO DE COLETA DE SANGUE VENOSO PRESIDENTE: Dr. Nairo Massakazu Sumita VICE-PRESIDENTE: Dr. Ismar Venâncio Barbosa Autores da 2ª edição: Dr. Adagmar Andriolo Médico Patologista Clínico. Professor Adjunto Livre-docente do Departamento de Medicina da UNIFESP – Escola Paulista de Medicina. Dr. Alvaro...

    39948  Palavras | 160  Páginas

  • Manipula o e cuidados com Cateter Venoso Central

    MANIPULAÇÃO E CUIDADOS COM CATETER VENOSO CENTRAL Renata Vieira Santos Camargo Turma 2.13 Senac ÍNDICE       Introdução Justificativa Objetivo Metodologia Referências Bibliografia INTRODUÇÃO Os cateter venosos centrais esta cada vez mais utilizados em pacientes internados como garantia de acesso venoso de longa duração. Este trabalho tem como objetivo a manipulação cuidado com esse tipo de cateter que se define como cateter cuja extremidade localiza-se em um grande vaso .Os grandes vasos...

    1526  Palavras | 7  Páginas

  • PICC

    PICC Cateter Venoso Tipos PICC - PER-Q-CATH Qualidade e segurança para infusão de medicamentos. PICC (Cateter Central de Inserção Periférica / Ponta aberta) é utilizado para infusão de medicamentos via endovenosa, confeccionando em silicone que promove maior biocompatibilidade do cateter para com organismo e maior tempo de permanência do acesso. Este material é apresentado nos seguintes calibres 2 Fr. (neonatologia), 3 Fr. 4 Fr. e 5 Fr. sendo que os cateteres de 4 Fr. 5fr estão disponíveis...

    3356  Palavras | 14  Páginas

  • Coleta de sangue venoso

    RECOMENDAÇÕES DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE PATOLOGIA CLÍNICA/MEDICINA LABORATORIAL PARA COLETA DE SANGUE VENOSO 1ª Edição Outubro de 2005 Direitos autorais reservados. Recomendações da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica / ML para Coleta de Sangue Venoso, 1ª.ed. / elaborado pelo Comitê de Coleta de Sangue da SBPC/ML e BD Diagnostics - Preanalytical Systems. São Paulo, 2005 76 p. 1. Sangue. 2. Técnicas de Laboratório Clínico. 3. Técnicas e Procedimentos de Laboratório. I. SBPC/ML...

    30090  Palavras | 121  Páginas

  • Cateter venoso central

    importâcia do Catéter Venoso Central e a técnicas que se deve ter na coleta e transporte da ponta do Catéter Venoso Central. 3 SUMÁRIO 1.INTRODUÇÃO....................................................................................3 2.CATÉTER VENOSO CENTRAL.........

    620  Palavras | 3  Páginas

  • Cateter Central Venoso

    ___________________________________________ Pág. 2 Vantagens ____________________________________________ Pág.3 Tipos de Cateter Indicações e Contra Indicações ___________________________ Pág. 4 Cuidados de Enfermagem _______________________________ Pág. 5 Complicações Conclusão ___________________________________________ Pág. 6 Referencias Introdução O cateter venoso central é utilizado em pacientes com necessidades habituais de infusão de líquidos, administração de nutrição parenteral...

    637  Palavras | 3  Páginas

  • ACESSO VENOSO PERIFERICO

    Pele lesionada; Cateterismo. Procedimento para Punção Venosa • Para selecionar a veia deve evitar : • veias lesadas, avermelhada, inchadas, próximas de áreas previamente infectadas; • região de articulação, e pequena para o tamanho de cateter. • Verificar condição da veia; Tipo de líquido ou medicação a ser infundida; Duração do tratamento; Idade do paciente e Condições atuais de saúde. • A Veia deve ser examinada por palpação e inspeção. Deve ser firme, elástica, cheia e arredondada...

    1157  Palavras | 5  Páginas

  • O Uso Do Cateter Venoso Central

    ----------------------------------------------------------------- 5 2 _ REFERECIAL TEÓRICO ---------------------------------------------------- 6 2.1 _ O CÂNCER ------------------------------------------------------------------- 6 2.2 _ OS CATETERES ------------------------------------------------------------ 9 2.2.1 _ O cateter venoso totalmente implantado – CVC-TI ---------- 10 2.2.1.1 _ Complicações do uso do CVC-TI ---------------------------------- 12 3 _ DISCURSÃO DOS RESULTADOS -------------------------------------- 13 4 _ METODOLOGIA...

    4743  Palavras | 19  Páginas

  • Cateter Venoso Central

    A cateterização venosa central, é procedimento realizado para posicionar um dispositivo apropriado de acesso vascular, cuja extremidade atinja as veias calibrosas do sistema venoso central que inclui as veias cava superior, cava inferior, subclávia, jugular interna, ilíaca, braquiocefálica e femoral. Os lugares mais utilizados para pulsionar, levando em conta a facilidade de inserção, indicações e menor risco de complicações, são as veias subclávia, jugular interna e femoral. Na Uti a manutenção...

    869  Palavras | 4  Páginas

  • Cateter umbilical

    ACESSO VASCULAR CATETERISMO DE VASOS UMBILICAIS CATETERISMO VENOSO CENTRAL PERCUTÂNEO Paulo R. Margotto/ Martha G. Vieira /Jefferson G. Resende/Patrícia Botelho de Souza Capítulo do livro Assistência ao Recém-nascido de Risco, editado pelo Dr. Paulo R. Margotto, 2a Edição, 2004 A) CATETERISMO DE VASOS UMBILICAIS - CATETERISMO VENOSO UMBILICAL MATERIAL: Assepsia Campos estéreis Gorro Luvas estéreis Máscara Gaze Clorexidine...

    4556  Palavras | 19  Páginas

  • “O cuidado de enfermagem e o cateter de Hickman: a busca de evidências”

    Centro Universitário UNINOVAFAPI Disciplina: Enfermagem Baseada em Evidências Bacharelado em Enfermagem 6º período/noite Docente: Cláudia Maria Sousa de Carvalho “O cuidado de enfermagem e o cateter de Hickman: a busca de evidências” Denise de Brito Fernanda Lívia Joana Burlamaqui Luciana Camêlo Renata Lia Teresina Dezembro/2013 Introdução O transplante de medula óssea (TMO) é um procedimento médico, relativamente novo, que está sendo usado no tratamento de doenças que se ...

    2596  Palavras | 11  Páginas

  • CURATIVOS EM CATETER VENOSO PERIFERICO

    Curativo em cateter venoso periferico Os tipos de curativos e fixação do cateter venoso periférico podem contribuir para a ocorrência de complicações infecciosas como flebite, infiltração venosa, o extravasamento, a desconexão e o deslocamento do cateter. Para a realização de um curativo e CVP podemos utilizar os seguintes materiais: fita adesiva hipoalérgica, Película transparente estéril, e a fita adesiva convencional. A lavagem das mãos o uso de luvas de procedimento e a assepsia com álcool...

    1095  Palavras | 5  Páginas

  • CUIDADOS DE ENFERMAGEM COM CATETERES DE LONGA PERMANÊNCIA

    INTRODUÇÃO A utilização de cateter vascular foi introduzido nos nosocômios na década de 40, tornando-se essencial para a assistência de saúde na atualidade. Embora esse dispositivo intravascular permita um acesso rápido à corrente sanguínea, ele está diretamente relacionado ocorrência de bacteremias e candedemias, com taxas significativas de morbidade, mortalidade e elevados custos hospitalares.1 A utilização dos cateteres de longa permanência requer muitos cuidados, visto que muitas complicações...

    3987  Palavras | 16  Páginas

  • Cateter Venoso

    Simpósio de Enfermagem ACESSO VENOSO Cuidados com o Cateter Totalmente Implantado Eliane Partite Nobre Sandoval Enf. do Centro de Hemofilia HCFMUSP epnsandoval@yahoo.com.br Simpósio de Enfermagem Objetivo Conhecer o CVC mais adequado à pessoa que tem hemofilia: • Suas características; • Local de implantação; • Vantagens x desvantagens e riscos; • Indicação de uso; • Cuidados na manipulação. Simpósio de Enfermagem Definição de CVC de Longa Duração • Implantados por longo...

    789  Palavras | 4  Páginas

  • Acesso venosso central

    O acesso venoso central é a inserção de um instrumento apropriado de acesso vascular, onde sua extremidade atinja a veia cava superior ou inferior, independente do local da inserção periférica. A cateterização intravascular possui funções como monitoração hemodinâmica, nutrição parenteral prolongada, hemodiálise, manutenção de uma via de infusão de soluções ou medicações e é muito usado nas UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Algumas complicações podem ocorrer...

    926  Palavras | 4  Páginas

  • Cuidados com cateter venoso central – intra- cath definição:

    Procedimento Operacional: Nº CCIH - 007 Data Emissão: MARÇO 2006 Revisado em Agosto de 2008 CUIDADOS COM CATETER VENOSO CENTRAL – INTRA- CATH DEFINIÇÃO: Cateter venoso central: é a inserção do catéter em veia subclávia, jugular interna ou femural, que desembocam no coração direito(átrio direito) ou suas proximidades. 3 Intra- cath: é um cateter não tunelizado 3 OBJETIVOS: 3 3 3 Vias de acesso para cateteres de monitorização hemodinâmica(PVC, etc) ou outras finalidades. Administração de soros...

    723  Palavras | 3  Páginas

  • acesso venoso

    Acessos Venosos Centrais e Arteriais Periféricos OBS: (1) Sempre introduzir cateter em contra-abertura, ou seja, faz uma abertura um pouco distal do local de incisão do cateter para evitar uma flebite. (2) Retirou o cateter central, mande para a cultura para verificar se o paciente tem alguma contaminação. A cateterização intravascular (venosa ou arterial), com finalidades de monitorização hemodinâmica, manutenção de uma via de infusão de soluções ou medicações, nutrição parenteral prolongada...

    5609  Palavras | 23  Páginas

  • Pressão Venosa Central

    Conceito 2 2. Mensuração da Pressão Venosa Central 4 2.1 Monitoração em coluna de água 4 2.2 Montando o sistema de coluna d'água 5 2.3 Encontrando o "zero" de referência da PVC 5 2.4 Encontrando e registrando o valor da Pressão Venosa Central 6 2.5 Cálculo 6 3. Cuidados de enfermagem no paciente com PVC 7 3.1 Técnica para aferição da PVC 7 Considerações Finais 9 Referências 10 Pressão Venosa Central (PVC) 1. Conceito Os pacientes criticamente...

    1823  Palavras | 8  Páginas

  • Acesso venoso centrais

    ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ RBTI / ARTIGO REVISÃO Acessos Venosos Centrais e Arteriais Periféricos – Aspectos Técnicos e Práticos Central venous and peripheral artery catheterizations – technical and practical aspects. Sebastião Araújo (*) ABSTRACT Central venous and peripheral artery catheterizations are routinely performed in intensive care units. Although very useful for hemodynamic monitoring and therapeutic...

    7963  Palavras | 32  Páginas

  • Pressão venosa central

    Pressão Venosa Central (PVC) REGINALDA MACIEL PVC Em termos fisiológicos, a mensuração da PVC é um métodos acurado da estimação da pressão de enchimento do ventrículo direito, de grande relevância na interpretação de sua função. O método de mensuração da PVC com coluna de água, devido à sua extrema simplicidade e baixo custo, é bastante popular e largamente utilizado, dispensando transdutores eletrônicos sofisticados. Quando utilizada de maneira criteriosa e sempre que possível associada...

    1617  Palavras | 7  Páginas

  • Acesso venoso periferico

    ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ RBTI / ARTIGO REVISÃO Acessos Venosos Centrais e Arteriais Periféricos – Aspectos Técnicos e Práticos Central venous and peripheral artery catheterizations – technical and practical aspects. Sebastião Araújo (*) ABSTRACT Central venous and peripheral artery catheterizations are routinely performed in intensive care units. Although very useful for hemodynamic monitoring and therapeutic...

    7963  Palavras | 32  Páginas

  • Sondas E Acessos Venosos

    DRENOS E DRENAGENS, CATETERES E ASPIRAÇÕES, SONDAS E ACESSOS VENOSOS Prof. Dannuey Machado Cardoso Drenos e drenagens cirúrgicas  Drenos são lâminas ou tubos de material sintético – com paredes flexíveis; – largura variável; – que tem por objetivo: drenagem de grandes cavidades serosas (pleura, peritônio e pericárdio) e do espaço intervisceral e tissular. • Permitem o escoamento de fluídos (sangue, pus, secreções diversas e ar) evitando seu acúmulo e complicações. •Função acessória: realização...

    1603  Palavras | 7  Páginas

  • Pressao venosa central

    Pressão Venosa Central (PVC) REGINALDA MACIEL PVC Em termos fisiológicos, a mensuração da PVC é um métodos acurado da estimação da pressão de enchimento do ventrículo direito, de grande relevância na interpretação de sua função.   O método de mensuração da PVC com coluna de água, devido à sua extrema simplicidade e baixo custo, é bastante popular e largamente utilizado, dispensando transdutores eletrônicos sofisticados. Quando utilizada de maneira criteriosa e sempre que possível associada...

    1648  Palavras | 7  Páginas

  • pressao venosa central

    Pressão Venosa Central (PVC) REGINALDA MACIEL PVC Em termos fisiológicos, a mensuração da PVC é um métodos acurado da estimação da pressão de enchimento do ventrículo direito, de grande relevância na interpretação de sua função.   O método de mensuração da PVC com coluna de água, devido à sua extrema simplicidade e baixo custo, é bastante popular e largamente utilizado, dispensando transdutores eletrônicos sofisticados. Quando utilizada de maneira criteriosa e sempre que possível associada...

    1036  Palavras | 5  Páginas

  • Acessos Venosos Centrais

    ACESSOS VENOSOS CENTRAIS • Aspectos gerais: Cateterização intravascular venosa com finalidade de monitorização hemodinâmica, infusão de soluções, medicações, nutrição parenteral prolongada, hemodiálise, e até coletas de amostras sanguíneas. Existem numerosas possibilidades de complicações e por isso critérios de indicação, seguimento do passo a passo adequado da punção, cuidados ao uso e manutenção são fundamentais. Indicações: Monitorização hemodinâmica invasiva; Hemodiálise de urgência; Impossibilidade...

    651  Palavras | 3  Páginas

  • acesso venoso periferico

    NÚCLEO DE EDUCAÇÃO EM URGÊNCIAS SANTA CATARINA ACESSOS VENOSOS PERIFÉRICOS Enf. MELISSA ORLANDI HONÓRIO Enf. KEYLA CRISTIANE DO NASCIMENTO FUNÇÃO • O acesso venoso periférico constitui-se em uma alternativa rápida e segura, indispensável nas situações de urgências. Através de dispositivos endovenosos, permite à equipe uma via de acesso capaz de prover a infusão de grandes volumes ao paciente, sendo também utilizada para a infusão de drogas de efeitos diversos e de rápida resposta...

    2329  Palavras | 10  Páginas

  • CATETER DE SWAN-GANZ

    CATETER DE SWAN-GANZ SÃO PAULO, 2013 ETEC ZONA SUL CENTRO PAULA SOUZA CURSO TÉCNICO DE ENFERMAGEM SÃO PAULO 2013 Sumario: 1. Introdução 04 2. Definição 05 3. Conhecendo o cateter de swan-ganz 05 4. Funções 06 5. Tipos 06 6. Inserção do cateter 07 6.1. Passos preliminar...

    3444  Palavras | 14  Páginas

  • cateter swan ganz

    Cateter de Swan- Ganz Definição: O cateter de Swan-Ganz é um cateter flexível e que é introduzido através de uma veia central com um calibre adequado, e chega as estruturas cardíacas e pulmonares. É inserido para ter dados muito importantes para o controle do estado hemodinâmico do paciente crítico e, sobretudo, se está em estado de choque, situação em que o cateter encontra sua máxima indicação. Para obtenção de amostras de sangue venoso-misto para gasometria que, ao ser analisado juntamente...

    631  Palavras | 3  Páginas

  • A enfermagem

    DE SÁ CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM O CUIDADO DO ENFERMEIRO NO PACIENTE COM O CATETER VENOSO CENTRAL DUPLO LÚMEN PARA HEMODIÁLISE NOVA IGUAÇU 2014 5257800-457200005257800-57150000UNIVERSIDADE ESTÁCIO DE SÁ CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM 5686425-62293500 CARLA MARIANA LIMA GOMES DAIANE DE OLIVEIRA FEITOSA FABRICIA DOS S. OLIVEIRA RAMOS SANDRA REGINA S.S. DE JESUSO CUIDADO DO ENFERMEIRO NO PACIENTE COM O CATETER VENOSO CENTRAL DUPLO LÚMEN PARA HEMODIÁLISE 3082290134620Projeto de...

    2479  Palavras | 10  Páginas

  • Cuidados de enfermagem ao adulto e idoso

    intramuscular e intravenosa Trabalho elaborado no âmbito da Unidade Curricular Cuidados de Enfermagem no Adulto e Idoso, pelos estudantes: Joana Carvalho,nº Maria Teresa, Maria Fátima, Mónica Silva, Nieves Pazos, Roberto, Tiago Cardoso Chaves, Janeiro 2011 Resumo Neste trabalho, numa perspectiva de enfermagem abordam-se os cuidados e procedimentos na preparação e administração de medicamentos por via parentérica. As quatros principais...

    4242  Palavras | 17  Páginas

  • cateteres para administração de quimioterapia

    Cateter para administração de quimioterapia O que é Quimioterapia? A quimioterapia consiste no emprego de drogas para combater o câncer. Esses medicamentos, chamados quimioterápicos, atuam combatendo as células doentes, destruindo e/ou controlando seu desenvolvimento. De que forma pode ser administrado a quimioterapia? Os quimioterápicos podem ser administrados : -Em veia periférica (geralmente nos braços): Esta via é utilizada nos tratamentos de curta duração e sem uso de drogas...

    973  Palavras | 4  Páginas

  • procedimento operacional padrao pop monitorizacao pressao venosa central com pvc 201402

    TÍTULO: PROCEDIMENTO DE ENFERMAGEM NA MONITORIZAÇÃO DA PRESSÃO VENOSA CENTRAL COM TRANSDUTOR PRESSÃO (PVC) DE PRESSÃO I - CONTROLE HISTÓRICO REVISÃO 00 DATA JANEIRO/2013 Nº PÁGINAS 04 HISTÓRICO ALTERAÇÃO EMISSÃO INICIAL ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO Afonso Henrrique Campolino Lidinalva Costa Silva Ana Carla Moreira Lima Lúcia Maciel de Castro Franco APROVAÇÃO Silvana Maria Lage Soares 1. Introdução Pressão venosa central (PVC) é uma medida hemodinâmica freqüentemente utilizada em CTI. È determinada...

    1149  Palavras | 5  Páginas

  • Cuidados Endovenosos

     ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA – ATPS PROCESSO DE CUIDAR II Terapia Endovenosa: Técnicas e Cuidados Taubaté 2014 ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA – ATPS PROCESSO DE CUIDAR II Terapia Endovenosa: Técnicas e Cuidados Relatório Científico apresentada, como exigência parcial da disciplina de Processo de Cuidar II nas Atividades Práticas Supervisionadas para a obtenção da aprovação da disciplina, na Faculdade Anhanguera de Taubaté, sob a orientação da Profª Maria Cristina. ...

    1894  Palavras | 8  Páginas

  • Drenos e cateteres

    CENTRO DE EDUCAÇAO TECNICA E ESPECIALIZADA DE RORAIMA CUIDADOS COM DRENOS E CATETERES BOA VISTA – RR 2013 MARCOS CAUPER CUIDADOS COM DRENOS E CATETERES Trabalho de pesquisa solicitado para a obtenção da nota parcial da disciplina de UTI Pediatra, ministrada pela professora . BOA VISTA – RR 2013 INTRODUÇÃO O uso de drenos e catetes tem características ímpares, prestar assistência em enfermagem com segurança exige do profissional o pleno conhecimento no uso e aplicações dos mesmos...

    1579  Palavras | 7  Páginas

  • Heparinização cvc

    Tema: Heparinização de Catéter Venoso Central (CVC) Motivo da pesquisa: Durante a semana passada tive a oportunidade de prestar cuidados a uma doente que possuía CVC. Nada que não fosse novo para mim, mas tive dificuldade na preparação da solução para heparinizar o lúmen do cateter. Por esse motivo, resolvi fazer uma ficha de leitura sobre este tema. Síntese da Pesquisa: A utilização de CVC é cada vez mais utilizada nos nossos serviços de saúde, principalmente em doentes que necessitam de...

    534  Palavras | 3  Páginas

  • pressão venosa central

    PRESSÃO VENOSA CENTRAL PVC REVISÃO DE ANATOMIA E FISIOLOGIA 2 DEFINIÇÃO    Pressão venosa central (PVC) é uma medida hemodinâmica frequentemente utilizada em UTI. É determinada pela interação entre volume intravascular, função do ventrículo direito, tônus vasomotor e pressão intratorácica. A PVC é obtida através de um cateter locado na veia cava superior. Traduz em geral a pressão da veia cava superior e é expressada em centímetros de água ou melímetros...

    1185  Palavras | 5  Páginas

  • Sondas Drenos e Cateteres

    TUBOS, CATETERES, SONDAS E DRENOS DEFINIÇÕES Os drenos, cateteres ou tubos são utilizados de forma rotineira tanto no pré, no pós ou no transoperatório. Muitas vezes esses termos ( tubo, dreno, cateter e sonda), se confundem e são tomados como sinônimos. Outras vezes, um substitui o outro, como uma sonda vesical de alívio passa a ser utilizado como dreno, por exemplo. Isso se deve, parte a criatividade do profissional, parte à carência de recursos em alguns serviços públicos, além da ocasional...

    1704  Palavras | 7  Páginas

  • Assistencia de enfermagem na inserção do picc

    1. INTRODUÇÃO O uso de cateteres no processo terapêutico do paciente hospitalizado possibilita a administração continuam de fluidos intravenosos, medicamentos, nutrição parenteral prolongada (NPP), hemoderivados e quimioterapia, monitorização hemodinâmica invasiva da pressão sanguínea arterial, pressão venosa central, entre outros. Os cateteres também são dispositivos importantes para obtenção de acesso vascular em crianças que precisam de cuidados intensivos, especialmente quando o paciente não...

    1302  Palavras | 6  Páginas

  • /acesso Vascular para Emodiálise

    Acesso Vascular para Hemodiálise Acesso Venoso para Hemodiálise Existem basicamente três tipos de acesso vascular para a realização da hemodiálise: 1) O Cateter duplo lúmen para hemodiálise. 2) A Fistula Arterio-venosa 3) A Prótese ou enxerto de Gore-tex CATETERES DUPLO LÚMEN Os cateteres duplo lúmen de inserção percutânea é a opção de via acesso venoso central, rápida, segura e temporária para realização de hemodiálise por períodos curtos de tempo, em torno de três semanas...

    1146  Palavras | 5  Páginas

  • hemoglobina

    Apresentam grânulos em seu citoplasma.   - Eosinófilo: é produzido na medula óssea e apresentam grânulos em seu citoplasma. Para que serve o cateter? O cateter tem o objetivo de infundir os medicamentos que fazem parte de seu tratamento, promover a manutenção hidroeletrolítica através de fluidos e ainda para a coleta e transfusão de sangue. Os cateteres venosos proporcionam maior conforto e segurança nas aplicações de quimioterápicos, sendo indicados para tratamentos prolongados ou que exijam a administração...

    2648  Palavras | 11  Páginas

  • Pressao venosa central pvc

    PRESSÃO VENOSA CENTRAL – P.V.C A pressão venosa central é a pressão exercida pelo sangue nas veias de grande calibre, no retorno ao coração pela aurícula direita (veia cava superior). O valor da pressão venosa central permite obter informações complementares sobre o coração, nomeadamente o volume sanguíneo que chega ao coração, o tônus muscular e a sua capacidade de bombear o sangue. O médico introduz um cateter numa veia de grande calibre, geralmente com...

    1941  Palavras | 8  Páginas

  • Saúde no mundo moderno

    INFECÇÃO RELACIONADA A CATETER VENOSO CENTRAL: UM DESAFIO NA TERAPIA INTENSIVA Roberta F. Passamani Sonia Regina O. e S. de Souza RESUMO INTRODUÇÃO As unidades de terapia intensiva (UTIs) se utilizam de medidas extremas como medicações e dispositivos invasivos, que, paradoxalmente, podem desencadear complicações e efeitos colaterais. Entre essas complicações, a infecção hospitalar se destaca pela sua frequência e importância. Sendo assim, este estudo tem como objetivo verificar...

    5028  Palavras | 21  Páginas

tracking img