O milagre brasileiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (423 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Na década de 30, o governo brasileiro, independente das políticas econômicas adotadas durante este período, fez grandes investimentos em infraestrutura. Investimentos estes que acarretaram váriosempréstimos ao Fundo Monetário Internacional (FMI). Se por um lado parte deste período foi marcado pelo protecionismo, outro buscou maciçamente o capital estrangeiro para equipar o parque industrialnacional. Após um longo período de intenso desenvolvimento, o Brasil experimentou uma complexa crise econômica no início da década de 60.
Crise esta combinada a outros determinantes da cenáriointernacional (acirramento do confronto geopolítico entre os Estados Unidos e a União Soviética) culminou no golpe militar de 1964.
A crise econômica prosseguiu durante o triênio inicial do novo regime,período assinalado por ampla ação da política econômica, responsável por grandes mudanças no quadro geral da economia brasileira.
Ainda não existe um consenso em relação aos determinantes do "milagre". Dasinterpretações encontradas na literatura podemos citar alguns que podem ter criado condições para a aceleração subsequente do crescimento: a política econômica do período (com destaque para aspolíticas monetária e creditícia expansionistas e os incentivos às exportações), o ambiente externo favorável (devido à grande expansão da economia internacional), melhoria dos termos de troca e créditoexterno farto e barato, às reformas institucionais do Programa de Ação Econômica do Governo (PAEG).
Em 1967, a economia brasileira começa a dar os primeiros sinais de recessão, quando o governo reitera anecessidade de investir em infraestrutura nacional, cedendo capital às estatais de petroquímica, energia, siderurgia, construção naval e hidrelétricas.
O Milagre Econômico Brasileiro é como ficouconhecido o período de 1968-1973, onde o Brasil experimentou um vigoroso ciclo expansivo que o fez atingir taxas de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), de 11,1% ao ano (a.a.). Podemos citar...
tracking img