O impacto do mercado de trabalho sobre os candidatos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1444 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O impacto do mercado de
trabalho
sobre os candidatos
Gerenciamento e Administração de Pessoal

Equipe:
Turma: Adm. 1.1
CEDUP- Centro de Educação Profissional Abílio Paulo
Introdução

Mercado de trabalho relaciona aqueles que procuram emprego e aqueles que oferecem emprego num sistema típico de mercado onde se negocia para determinar os preços e quantidades de um bem, o trabalho. O seuestudo procura perceber e prever os fenômenos de interação entre estes dois grupos tendo em conta a situação econômica e social do país, região ou cidade.
A abundância ou escassez de oportunidades de emprego gera certos impactos tanto sobre as organizações, como sobre os candidatos. Há variações de salários de uma mesma área profissional de região para região de acordo com o número de pessoasbuscando vagas ou de vagas para uma pessoa. É o que iremos explicar neste trabalho.

O mercado de trabalho

O mercado de trabalho ou mercado de emprego é constituído pelas ofertas de trabalho ou de emprego oferecidas pelas organizações, em determinado lugar e em determinada época. É basicamente definido pelas organizações e suas oportunidades de emprego. Quanto maior o número de organizações, emdeterminada região, tanto maior o mercado de trabalho e seu potencial de disponibilidade de vagas e oportunidades de emprego. O mercado de trabalho pode ser segmentado por setores de atividades ou por categorias (como empresas metalúrgicas, de plásticos, bancos e financeiras etc.) ou por tamanhos ( organizações grande, médias, pequenas, microempresas etc.) ou ainda por regiões (São Paulo, Rio deJaneiro, Belo Horizonte etc.). Cada um desses segmentos tem características próprias.
Emprego significa a utilização do trabalho humano. É a situação da pessoa que trabalha para uma organização ou para outra pessoa em troca de remuneração. O conjunto de empregos representa o mercado de trabalho. Já o desemprego significa a parcela da força de trabalho disponível que se encontra sem emprego. Odesemprego e o subemprego (emprego com remuneração muito baixa e sem garantias trabalhistas) atingem principalmente os países em desenvolvimento.
O mercado de trabalho funciona em termos de oferta e procura, ou seja, disponibilidade de empregos e demanda de empregos, respectivamente. A figura abaixo mostra um continuum entre duas situações extremas: uma situação de ofertas de empregos (vagasoferecidas) e uma situação de procura de emprego (vagas procuradas). A posição central denota uma situação de equilíbrio entre as duas forças do mercado.
Mercado de trabalhoSituação de oferta Situação de procura de emprego de emprego---------------------------------------------------------------------------------0>P Oferta e procura de empregos 0<P |

Como pontos de referência, tomamos abaixo as três possíveis situações do mercado de trabalho:

1. OFERTA MAIOR DO QUE A PROCURA: é uma situação em que ocorre acentuada disponibilidade de emprego: háexcesso de ofertas de emprego por parte das organizações e escassez de candidatos para preenchê-las. A situação de oferta de empregos acarreta as seguintes influências para os candidatos:

a) Excesso de vagas e de oportunidades de emprego no mercado de trabalho.
b) Os candidatos escolhem e selecionam as organizações que lhes ofereçam as melhores oportunidades, cargos, salários e benefíciossociais.
c) As pessoas se predispõem a sair das suas organizações para tentar oportunidades melhores no mercado de trabalho, aumentando a rotação de pessoal.
d) Simultaneamente, as pessoas sentem-se donas da situação e passam a fazer reivindicações de aumentos salariais e melhores benefícios sociais, tornando-se mais indisciplinadas, faltam e se atrasam mais, aumentando o absenteísmo....
tracking img