O dialogo entre o ensino e a aprendizagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2960 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Katia Maria Abud

REGISTRO E REPRESENTAÇÃO DO COTIDIANO: A MÚSICA POPULAR NA AULA DE HISTÓRIA
KATIA MARIA ABUD*

RESUMO: As linguagens alternativas têm sido utilizadas como um importante recurso didático para a aprendizagem de história. Entre essas linguagens, a música popular tem ocupado espaço, como instrumento pelo qual se revela o registro da vida cotidiana, na visão de autores queobservam o contexto social no qual vivem. As representações sociais de autores e intérpretes serão instrumentos na transformação dos conceitos espontâneos em conceitos científicos, porque como registros são evidências, restos que o passado deixou para trás e que facilitam a compreensão histórica pelos alunos, pela empatia que estabelecem entre eles e aqueles que viveram em outros contextos históricos.Palavras-chave: Representações sociais. Conceitos. Compreensão histórica. Música popular. REGISTERS AND REPRESENTATION
OF EVERYDAY LIFE:

POPULAR MUSIC IN HISTORY CLASSROOMS

ABSTRACT: Alternative languages have been used as an important didactic resource for History learning. Among these languages, popular music has its space as an instrument that reveals registers of everyday life accordingto the vision of authors who observe the social context in which they live. The social representations of authors and interpreters will help transform spontaneous concepts into scientific concepts, because as registers, they are evidences, rests that the past left behind. They make historical comprehension easier for students through the empathy established between these and the people who livedin other historical contexts. Key words: Social representations. Concepts. History understanding. Popular music.

*

Professora de Metodologia de Ensino de História na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP). E-mail: kmabud@usp.br

Cad. Cedes, Campinas, vol. 25, n. 67, p. 309-317, set./dez. 2005
Disponível em

309

Registro e representação do cotidiano: a músicapopular na aula de história

s mudanças de paradigmas do conhecimento histórico acadêmico, a principal referência para a construção do conhecimento histórico escolar, permitem que este também reelabore os seus próprios elementos de construção, ao relacioná-los na aula de história ao saber apreendido na vivência cotidiana de cada um. Imagens e objetos vistos e observados; letreiros, textos, cartazes,pichações lidos de passagem; audição de músicas; a conversa trocada com amigos; tudo isso tem se constituído em linguagens da história, e de fontes para o conhecimento histórico acadêmico passam a ser recursos didáticos para auxiliar o aluno na construção do seu conhecimento. Como a significação do conceito no conhecimento escolar não corresponde à significação do mesmo conceito no saberacadêmico, no processo de aprendizagem as fontes se transformam em recursos didáticos, na medida em que são chamadas para responder perguntas e questionamentos adequados aos objetivos da história ensinada. Isso acontece quando se dá a divisão do conhecimento em campos de saber delimitados e em práticas de aprendizagem especializadas que levam à despersonalização do conhecimento, com a finalidade de permitira sua retomada em programas e planejamentos (Develay, 1999, p. 19). A observação, a leitura, a audição de documentos aleatórios, informais, são importantes para as representações sociais dos alunos que são intimamente ligadas aos conceitos espontâneos desenvolvidos nas interações sociais imediatas, transformados, em situações formais de aprendizagem, em conceitos científicos. O conceito derepresentação social, entendido como um corpo organizado de conhecimentos graças aos quais os homens tornam inteligível o mundo físico e social, se integram a grupos e promovem trocas em suas relações cotidianas (Moscovici, 1979, p 17-18), permite que se elabore uma perspectiva de análise para a construção do conhecimento histórico pelo aluno, ao estabelecer as relações entre o sujeito individual, no...
tracking img