O comprimisso do profissional com a sociedade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (717 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO
LICENCIATURA PARA EDUCAÇÃO INFANTIL
MODALIDADE A DISTÂNCIA

ROSÂNGELA VALÉRIO DE LIMA















SÍNTESE

O COMPRIMISSO DO PROFISSIONALCOM A SOCIEDADE























ORIENTADORA: NÚBIA BETÂNIA SILVA DIAS CAMPOS
PARAGUAÇU, NOVEMBRO DE 2006
MG
Freire, Paulo. Educação e mudança. Rio de Janeiro, RJ:Editora Paz e Terra, 1981. 79 p.

O Compromisso do Profissional com a Sociedade.

Diante da expressão “O Compromisso do Profissional com a Sociedade” podemos nos perguntar: quem podecomprometer-se?
A primeira condição para que um ser possa assumir um ato comprometido, está em ser capaz de agir e refletir, tendo consciência de que a forma pela qual está no mundo condiciona a suaconsciência deste estar. Por tudo isso, entendemos que somente um ser que é e está sendo no tempo que é o seu, um ser histórico, é capaz verdadeiramente de comprometer-se.
Se ao contrário disso, apossibilidade de reflexão sobre si, sobre seu estar no mundo, associada indissoluvelmente á sua ação sobre o mundo, não existe no ser, resulta que este ser não é capaz de compromisso.
O únicoser que, além de poder comprometer-se, já é um compromisso, é o homem. Cabe então perguntarmos: o que é compromisso?
Como não há homem sem mundo, nem mundo sem homem, não pode haver reflexão eação fora da relação homem – realidade e assim o homem desenvolve sua ação – reflexão, como também pode tê-las atrofiadas. Conforme se estabelecem estas relações, o homem pode ou não ter condiçõesobjetivas para o pleno exercício da maneira humana de existir.
Os homens alcançam a razão dos obstáculos na medida em que sua ação é impedida . É atuando ou não podendo atuar que se lhes aclaram osobstáculos à ação, a qual não se dicotomiza da reflexão.
O compromisso com a humanização do homem que implica uma responsabilidade histórica, só existe no engajamento com a realidade, e, não...
tracking img