A crise de 1930 e o avanço da industrialização brasileira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2593 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ
CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS





ARNALDO EDUARDO GOMES











CAPITULO 5 – A Crise de 1930 e o avanço da industrialização brasileira





















SÃO JOSÉ DOS PINHAIS
2012
A Grande Depressão que atingiu a economia mundial na década de 1930 é considerada o marco fundamental no processode consolidação da produção industrial brasileira e mesmo latino-americana. Somente após a crise econômica mundial, o café deixou de ser o produto determinante dos destinos da economia brasileira. Por décadas, o país ainda continuou a ter uma produção agrícola superior à industrial. Somente em 1956, a situação se inverteria.


5.1. A grande depressão
A primeira metade do século XX foimareada fortemente por três acontecimentos: a Primeira Guerra Mundial (1914/1918), a Grande Depressão (1929/1933) e a Segunda Guerra Mundial (1939/1945). Foram duas guerras imperialistas, que envolveram os países mais ricos do mundo e provocaram destruição em uma escala ainda não vivenciada pelos seres humanos até então. A história econômica tem constatado que as economias capitalistasindustrializadas são, periodicamente, atingidas por crises econômicas. Normalmente, essas crises ocorrem com intervalos de 7 a 10 anos, configurando os chamados ciclos econômicos. As economias iniciam um período de crescimento apoiado no aumento da produção, do consumo e do nível de investimentos, em um autêntico "círculo virtuoso" que parece não ter fim. Repentinamente, porém, o ciclo de crescimento sofre umainflexão, e inicia-se um círculo vicioso: caem os investimentos, a produção e as vendas.
A instabilidade cíclica atinge, em alguns momentos, dimensões e conseqüências significativas, abalando profundamente um grande número de países, configurando crises econômicas mundiais. Assim, podemos classificar a Primeira Grande Depressão (1873/1896) como a primeira destas crises globais. A SegundaGrande Depressão (1929/1933, mas que na verdade só terminou com o inicio da Segunda Guerra Mundial).
Sinteticamente, a crise pode ser quantificada pelo desemprego: no auge da Depressão, esse indicador atingiu 22% até força de trabalho na Inglaterra e Bélgica, 24% na Suécia, 27%, nos Estados Unidos e 44% na Alemanha. Ocorreu também redução de até 60%60% no comércio mundial e de 90% nosempréstimos internacionais. São cifras inimagináveis, considerando-se o movimento de intensa euforia e especulação que apresentava a Bolsa de Valores de Nova York até a sua quebra, no fatídico 29 de outubro de 1929 dando início ao período mais instável do capitalismo.
A Grande Depressão destruiu o liberalismo econômico por meio século, o mundo que emergiu da Grande Depressão e da Segunda Guerra foimarcado pelas políticas econômicas intervencionistas de inspiração keynesiana e pela busca da construção do estado de bem-estar social nos países desenvolvidos.
No Brasil, a Revolução de 1930 ocasionou a perda da hegemonia política pela burguesia cafeeira em favor da classe industrial ascendente. O avanço do processo de industrialização no país intensificou-se a partir de então.


5.2.A política de defesa do café
Devido à extraordinária importância que a produção e a exportação de café haviam assumido na economia brasileira desde 1840, as conseqüências da crise do café nos anos 1930 foram gravíssimas. No final do século XIX, o Brasil já era o principal produtor de café, responsável por 3/4 das exportações mundiais.Apesar da disseminação do consumo de café em todo omundo, especialmente no enorme e crescente mercado norte-americano, a demanda pelo produto atingiu seu limite.
Devido à força econômica e política da burguesia cafeeira, desenvolveram-se vários mecanismos de defesa do café, dos quais o mais freqüentemente utilizado era a depreciação da moeda nacional nos momentos de queda dos preços de exportação, procedimento que diminuía as perdas de...
tracking img