A conduta do enfermeiro perante a adolescente grávida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7028 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA DE CAMPO GRANDE

ANDREIA CARDOSO

LUCILEIDE COSTA GOMES

JACQUELINE RIBEIRO BENITES








A CONDUTA DO ENFERMEIRO PERANTE A ADOLESCENTE GRÁVIDA








CAMPO GRANDE/MS
2011



ANDREIA CARDOSO

LUCILEIDE COSTA GOMES

JACQUELINE RIBEIRO BENITES






A CONDUTA DO ENFERMEIRO PERANTE A ADOLESCENTE GRÁVIDAMonografia apresentada a Banca Examinadora da ANHANGUERA – Centro Universitário de Campo Grande/MS, como exigência parcial para a obtenção do título do Curso de Enfermagem, sob a orientação do Profº Esp. Marta Cristina Mota.




CAMPO GRANDE/MS
2010



TERMO DE APROVAÇÃO

A monografia intitulada A CONDUTA DO ENFERMEIRO PERANTE A ADOLESCENTE GRÁVIDA, apresentada porANDREIA CARDOSO, LUCILEIDE COSTA GOMES, JACQUELINE RIBEIRO BENITES, como exigência parcial para a obtenção do título do Curso de Enfermagem, a Banca Examinadora da ANHANGUERA – Centro Universitário de Campo Grande, MS, obteve NOTA___, para aprovação.


BANCA EXAMINADORA


PROFº ESP. MARTA CRISTINA MOTA (ANHANGUERA)
PROFESSOR ORIENTADOR



COORDENADORA









Campo Grande,MS, 2011



DEDICATÓRIA


Dedicamos este trabalho aos nossos pais, amigos, coordenadores e professores do curso, e em especial aos que acreditaram neste sonho e estiveram conosco em todos os momentos.
Andreia Cardoso
Lucileide Costa Gomes
Jacqueline Ribeiro Benites



AGRADECIMENTOS


























Num leito de hospital
Com a dor rasgando a almaSão eles que com dedicação e bondade
Nos amenizam o sofrimento
Com muito amor e calma.

A enfermeira



RESUMO

O presente estudo tem como objetivo claro referente a gravidez na adolescência e o problema social gerado, para a mãe adolescente, para o pai adolescente e seus familiares e a conduta do enfermeiro perante o caso concreto. A presente pesquisa foi realizada em fontesbibliográficas, revisando de forma sistematizada a literatura de enfermagem nacional sobre a gravidez na adolescência e demonstrando a importância do papel do Professional na consecução de suas atividades de auxilio e prevenção dos adolescentes. É um período de turbulências físicas e psicológicas, e por vezes até sociais. A adolescência compreende o período entre os 10 e 19 anos, segundo a OMS. A gravidez nesseperíodo acarreta diversos problemas biológicos e psicossociais, porém é primariamente um problema social que pode resultar em conseqüências médicas. A prevenção ainda não tem trazidos resultados efetivos, provavelmente devido a complexidade dos fatores envolvidos. Existem múltiplas razões relacionadas ao aumento da gravidez durante a adolescência. A precocidade do início da vida sexual é uma dasrazões. A média de idade da iniciação sexual no Brasil é de 17 anos -15 anos para o homem e 18 para a mulher. A primeira relação sexual ocorreu até os 13 anos para 10% dos brasileiros; entre 14 e 16 anos para 27%; entre 17 e 18 anos para 18%; entre 19 e 25 anos para 17% e depois dos 25 anos para 2%. Outras razões relacionadas ao aumento da gravidez na adolescência são: menarca precoce, maiordesagregação familiar, maior liberdade dos jovens, menor controle da família e escola, influência da mídia e do grupo, ignorância sobre anticoncepção.


Palavras-chaves: Gravidez, adolescência e problemas.



ABSTRACT

This study aims clear regarding teenage pregnancy and social problem created for theteen mother, teen father, and to their families and conduct of nurses tothe case. Thisresearch was conducted on bibliographical sources, systematically reviewing the literatureon the national nursing teen pregnancy and demonstrate the important role of theProfessional in achieving their assistance and prevention activities for adolescents. It is aperiod of physical and psychological turmoil, and sometimes even social. Adolescencecovers the period between 10 and 19 years, according to...
tracking img