A beleza

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2639 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL CEDUP HERMANN HERING
CURSO TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO









TEORIA DO MOVIMENTO





Nadine Bianca dos Santos
Paola Fagundes
Thais de Sousa Lopes Anselmo
ADM204
























Blumenau (SC)
2013

SUMÁRIOINTRODUÇÃO..................................................................................................................02

DESENVOLVIMENTO 03
1 A teoria aristotélica 03
1.1 A teoria atômica .............................................................................................................03
2 Movimentos naturais 04
2.1 Movimentos violentos 04
3 Movimento daterra............................................................................................................05
4 O trabalho de Galileu ........................................................................................................06
5 Isaac Newton ....................................................................................................................08CONCLUSÃO.....................................................................................................................10

REFERÊNCIAS 11
































INTRODUÇÃO



Mais de dois milênios atrás, os filósofos-cientistas já se preocupavam com a questão do movimento em todas as suas formas.Naquela Época não havia automóveis ou aviões, mas já se sabia que para haver movimento era necessário algum tipo de força atuando. O objetivo desse trabalho éaprofundarmos o nosso conhecimento relativamente ao contributo de Aristóteles, Galileu Galilei e Isaac Newton no estudo da Física. Apesar da grande diferença temporal que os separa, estes cientistas dedicaram-se, entre outras coisas, ao estudo do movimento dos corpos terrestres e dos astros, questionando-se sobre as suas causas.Mais de dois milênios atrás, principalmente na Grécia Antiga, os filósofos-cientistas já se preocupavam com a questão do movimento em todas as suas formas. Como sabemos, naquela época não havia automóveis ou aviões, mas já se sabia que para haver movimento era necessário algum tipo de força atuando. Era aparente que os objetos somente podiam se mover quando alguém ou alguma coisaos empurrasse ou puxasse.


1. A teoria aristotélica

É bem possível que o primeiro a fazer um estudo mais organizado sobre o movimento tenha sido Aristóteles (384-322 a.C.). Em seus estudos e conclusões, como freqüentemente ocorre ainda hoje com as pesquisas modernas, foi bastante influenciado pelas teorias correntes da sua época e pelo contexto em que a filosofia e a ciência seinseriam. Não conseguindo explicar o movimento, Aristóteles optou por classificá-lo tentando, assim, esclarecê-lo. Desta forma, conforme propôs aquele grande pensador, os movimentos pertenciam a duas classes: haviam movimentos naturais e movimentos violentos.
Antes, porém, de considerar cada uma dessas classes aristotélicas de movimentos, vamos recordar os conceitos dominantes naépoca sobre a constituição da matéria, em particular, sobre a natureza dos átomos. Poderemos, então, entender mais facilmente a base do raciocínio de Aristóteles que o levou a desenvolver a sua teoria sobre o movimento.


1.1 A teoria atômica
Desde Demócrito (460-361 a.C.), já se aceitava que a matéria era constituída de átomos. Essas partículas eram consideradas rígidas e perenes. Aspropriedades das diversas substâncias eram determinadas pelo tamanho e forma dos seus átomo. Mais tarde, Empédocles (490-430 a.C.) aperfeiçoou a teoria de Demócrito afirmando que os átomos podiam ser de quatro tipos. Havia átomos tipo terra, ar, fogo e água. Substâncias diferentes continham quantidades diferentes desses tipos de átomos. Conforme as propriedades de uma substância, haveria...
tracking img