Vitamina e

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1771 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
História e descoberta

Durante experimentos de alimentação com ratos Herbert McLean Evans concluiu em 1922 que, além das vitaminas B e vitamina C, uma vitamina desconhecida existia. Os ratos não eram férteis, essa condição poderia ser mudada pela alimentação adicional com germe de trigo. Foram necessários vários anos até 1936 quando a substância foi isolada do germe de trigo e sua fórmulafoi determinada. Evans também descobriu que o composto reagia como um álcool e concluiu que um dos átomos de oxigênio era parte de um grupo OH (hidroxila). O nome tocoferol deriva da palavra grega tocos, que significa nascimento, e pherein, que significa transportar. O nome foi dado para ressaltar o seu papel essencial na reprodução das várias espécies animais. O –ol final identifica a substânciacomo sendo um álcool. A estrutura foi determinada logo depois, em 1938.
[pic]xxxxxxxxxxxxx

Na década de 1940, uma equipe de médicos canadenses descobriram que a vitamina E pode proteger as pessoas de doenças coronárias.
A importância da vitamina E em humanos não foi aceita até muito recentemente. Devido a sua deficiência que não se manifesta numa doença de deficiência vitamínicageneralizada e bem reconhecida, como o escorbuto (deficiência de vitamina C) ou o raquitismo (deficiência de vitamina D), a ciência apenas começou a reconhecer a importância da vitamina E em uma fase relativamente tardia.
A procura por vitamina E tem aumentado rapidamente no decorrer da sua história. Junto com a demanda do mercado, o número de tipos de produtos disponíveis pela indústriafarmacêutica, alimentar e cosmética tem aumentado. Leia mais sobre as fontes da vitamina E ou sobre os alimentos com vitamina E.




O que é vitamina E?


A vitamina E não é um único composto, mas vários compostos diferentes, todos com a atividade da vitamina E. O d-alfa-tocoferol, tem a maior atividade. Outros compostos com a atividade da vitamina E são o beta-tocoferol, ogama-tocoferol e o delta-tocoferol.
| |


Fez-se alusão pela primeira vez à existência da vitamina E em 1922. Os ratos de laboratório que receberam dietas purificadas perderam sua capacidade reprodutiva; os machos ficaram estéreis, e as fêmeas reabsorveram seus fetos ou deram à luz a filhotes deformados ou mortos. Entretanto, o acréscimo de alimentos como alface, trigo, carne ou manteiga à dietados animais fornecia um fator desconhecido que prevenia esses problemas na reprodução.
Isolada em 1936, os pesquisadores chamaram-na de tocoferol, que, em grego, significa "produzir a cria". Depois, a substância ficou conhecida como vitamina E.
Curiosamente, os pesquisadores perceberam que os sintomas da deficiência variavam conforme a espécie. Nos coelhos, por exemplo, a deficiênciade vitamina E resultava em doença muscular degenerativa. 
Como esses sintomas eram semelhantes aos apresentados pelos humanos com distrofia muscular, os pesquisadores achavam que a vitamina E pudesse curar ou prevenir essa doença incapacitante. Havia esperança também de que a vitamina pudesse ajudar a tratar a infertilidade e a esterilidade. No entanto, desde 1938, estudos em seres humanosnão conseguiram confirmar nenhum desses benefícios.




Benefícios da vitamina E


A maioria dos benefícios da vitamina E é resultado de suas qualidades antioxidantes. Isso significa que ela se associa ao oxigênio e destrói os radicais livres. Ela impede que as gorduras poliinsaturadas e outros compostos sensíveis ao oxigênio, como a vitamina A, sejam destruídos pelas reaçõesprejudiciais da oxidação.
| |

Vitamina E e antioxidação

As propriedades antioxidantes da vitamina E também são importantes para as membranas celulares. Por exemplo, a vitamina E protege as células do pulmão que estão em contato constante com o oxigênio e os glóbulos brancos, que ajudam a combater doenças. 
Mas os benefícios do papel antioxidante da vitamina E realmente podem ir além....
tracking img