Vida e obra de augusto comte

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1681 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
EDUCAÇÃO E PROCESSO DE MUDANÇA SOCIAL

“Não é possível fazer uma reflexão sobre o que é a educação sem refletir sobre o próprio homem. (...)” (p. 01)
“(...) Qual seria esse núcleo captável a partir de nossa própria experiência existencial, (...)” (p.01)
“(...) O homem se sabe inacabado e por isso se educa. (...)” (p.01)
“(...) O homem pode refletir sobre si mesmo (...)” (p.01)“(...) É um ser na busca constante de ser mais e, como pode fazer esta auto-reflexão, pode descobrir-se como um ser inacabado, que está em constante busca. Eis aqui a rais da educação. (...)” (p. 01)
“(...) A educação é possível para o homem, porque este é inacabado e sabe-se inacabado. (...)” (p. 01)
“(...) O homem deve ser o sujeito de sua proporia educação (...)” (p. 01)
“(...) Esta buscasolitária poderia traduzir-se em um ser mais, que é uma forma de ser menos. Esta busca deve ser feita com outros seres que também procuram ser mais e em comunhão com outras consciências, (...)” (p. 01)
“(...) “ Eu sou na medida que os outro também são(...)” (p. 02)
“ O homem não é uma ilha. É comunicação. Logo, há uma estrita relação entre comunhão e busca (...)” (p. 02)
“(...) A educação temcaráter permanente. Não há seres educados e não educados. Estamos todos nos educando. Existem grus de educação, mais estes não são absolutos.(...)” (p. 02)
“O homem por ser inacabado, incompleto, não sabe de maneira absoluta. Somente Deus sabe de maneira absoluta. (...)” (p. 02)
“A sabedoria parte da ignorância. Não há ignorância absoluta. (...)” (p. 02)
“(...) Durante a Idade Media, saberselar cavalo um cavalo representava alto nível técnico, o que lhes falta e um saber sistematizado. (...)” (p. 02)
“O saber se faz através de uma superação constante. O saber superado já é uma ignorância. (...)” (p.02)
“(...) Todo saber traz consigo sua própria superação. Portanto não há saber e nem ignorância absoluto: há somente uma relativização do saber ou da ignorância (...)” (p. 02)“Por isso, não podemos nos colocar na posição do ser superior que ensina um grupo de ignorantes, mais sim na posição humilde daquele que comunica um saber relativo a outros que possuem outro saber relativo. (...)” (p. 02)
“(...) O amor é uma tarefa do sujeito. (...)” (p. 02)
“(...) O amor é uma intercomunicação intima de duas consciências que se respeitam. (...)” (p. 02)
“Cada um tem o outrocomo sujeito do seu amor, não se trata de apropriar-se do outro. (...)” (p. 03)
“(...) Quem ama o faz amando os defeitos e as qualidades do ser amado. (...)” (p. 03)
“Ama-se na medida em que se busca comunicação, integração a partir da comunicação com os demais. (...)” (p 03)
“ Não há educação sem amor. O amor implica luta contra o egoísmo. Quem não pode amor os seres inacabados não pode educar.Não há educação imposta, como não há amor imposto.Quem não ama não compreende o próximo, não o respeita.(...) (p 03)
“(...) Podemos fazer deles o objeto de nossa reflexão. (...) (p 03)
“(...) Uma educação sem esperança, não é educação. (...)” (p 03)
“(...) O homem esta no mundo e com o mundo. Se apenas estivesse no mundo não havia transcendência nem se objetivaria a si mesmo. Mas como podeobjetivar-se, pode também distinguir entre um eu e um não eu .(...)” (p 03)
“(...) Existe uma reflexão do homem face a realidade.(...) Isto é próprio de todos os homens e não privilegio de alguns reflexiva ( por isso à consciência reflexiva deve ser estimulada: conseguir que o educando reflita sobre sua própria realidade).(...)” (p. 04)
“(...) O homem enche de cultura os espaços geográficos ehistóricos. (...) A cultura consiste em recriar e não em repetir. O homem pode fazê-lo porque tem uma consciência capaz de captar o mundo e informá-lo (...) a consciência, resultante da criação e recriação que assemelha o homem a Deus. (...) A educação não é um processo de adaptação do individuo à sociedade. (...)” (p.04)
(...) O homem se identifica com sua própria ação: objetiva o tempo,...
tracking img