Varios rostos da infancia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2003 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Página1
OS VÁRIOS ROSTOS DA INFÂNCIA1 ALINE SILVA2 LIV VANESSA BISSOLI
MAYARA FERNANDA MARTINS
SUZY VILHALBA
TATIANA ROBERTA NOGUEIRA RESUMO O objetivo deste artigo é descrever características peculiares da análise do comportamento da infância, no qual pôde-se identificar algumas singularidades das crianças nos aspectos amplamente infantis. A maioria das crianças vivencia este processo decrescimento e desenvolvimento em seu seio familiar, com pessoas com as quais convive no seu dia-a-dia e que têm para ela um significado diferenciado das demais pessoas com quem se relaciona. Abaixo tentamos discutir a maneira pela qual as pedagogias e os pedagogos da infância estão no interior da construção do povo e procuramos propor possibilidades de escapar desta lógica, utilizando-se da idéia dainfância como experiência. Palavras-Chaves: infância; desenvolvimento; família; comportamento; processo.
SUMMARY
This article is to describe peculiar characteristics of behavior analysis of childhood, in which it was possible to identify some singularities of children in children's widely aspects. Most children experience this process of growth and development in its core familiar, with peopleyou meet in your daily life and that have significance for her distinguished and other persons with whom it relates. Below we try to discuss how pedagogies and pedagogues of childhood are within the construction of the people and we propose possibilities of escaping this logic, using the idea of childhood experience. Keywords: children; family; development; behavior; process.
1 Artigo produzidopara a disciplina de Filosofia da Educação do Curso de Pedagogia, Anhanguera Uniderp Interativa – Unidade Padrão/2010, sob orientação da Profª Letícia.
2 Acadêmicas de Pedagogia/2010.
Página2
1 INTRODUÇÃO A criança é um ser dotado de identidade e singularidade, possuindo desejos, afetos e desafetos, descobertos e vivenciados durante seu processo de crescimento e desenvolvimento. Estas vivências eos sentimentos por elas gerados passam a fazer parte da criança tornando-a diferente das demais pessoas com quem se relaciona. Desta forma, a criança torna-se um ser único, singular; o que caracteriza sua subjetividade, seu eu interior, sua maneira própria de ser criança no mundo. Desde a concepção, a criança já possui seu papel e seu espaço junto a seus familiares, que, de forma geral, aaguardam ansiosos para acolhê-la como um membro desta rede de inter-relações, com os quais irá conhecer e vivenciar as experiências de ser humano em sua plenitude, sentimentos de alegria e tristeza. É vista, portanto, como um ser em potencial, dotado de possibilidades e perspectivas positivas, restando aos familiares assumirem seus cuidados, proporcionar condições para a socialização e o plenodesenvolvimento de suas habilidades. Ao final da idade média nasce a idéia da infância, que até então não se reconhecia a infância como fase especifica da vida humana, a criança marca sua presença na história com Rosseau no século XVIII. Rosseau revela a natureza infantil: Ame a infância, estimule seu jogo e encantadores extintos. Considere o homem no homem e a criança na criança. A natureza quer que ascrianças sejam crianças antes de serem homens. Se queremos perturbar essa ordem, produziremos frutos precoces sem maturidade nem sabor e que não tardarão a apodrecer; teremos jovem doutores e velhas crianças. (ROSSEAU in ELIAS,2000) A maioria das crianças vivencia este processo de crescimento e desenvolvimento em seu seio familiar, com pessoas com as quais convive no seu dia-a-dia e que têm para elaum significado diferenciado das demais pessoas com quem se relaciona. Há, no entanto, crianças que vivenciam este processo não com sua família genitora, mas com outras pessoas que despertam para elas a mesma significância, tornando-se, portanto seus
Página3
significantes. Os significados da infância são construídos socialmente. Isto significa que esses familiares nem sempre foram os mesmos e...
tracking img