Utopia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1198 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO DE UTOPIA

Neste livro, podemos perceber a intenção do autor em elucidar um país perfeito. Um lugar onde aos olhos dele, tudo funciona como deveria ser, sem ostentação, sem privilégios, com igualdade. O próprio nome, a Ilha de Utopia, como já diz o expressão criada por Morus, abarca a sociedade ideal, inatingível, que traduz um estado de bem estar dos seres humanos. Ele nos apresentauma ilha imaginária onde todos vivem em harmonia e trabalham em favor do bem comum. Desde então o termo “utopia” está associado à fantasia, sonho, fortuna e bem estar, que são aspectos formadores do ambiente utópico onde se desenvolveu a sociedade utopiana, no país chamado Utopia ou Ilha da Utopia que era dominada pelo rei Utopus: “Os habitantes da Utopia aplicam aqui o princípio da posse comum.Para abolir a idéia da propriedade individual e absoluta, trocam de casa a cada dez anos e tiram a sorte da que lhes deve caber na
partilha.” (MORUS, 1516, p. 81)
Os nomes usados nos remetem a esta intenção. A capital, Amaurotum que significa “cidade do sonho”, é banhada pelo rio Anidro, rio sem água, seus cidadãos são alopolitas “cidadãos sem cidades”, governados pelo príncipe Ademos “aquele quenão tem povo”, e seus vizinhos são os Achorianos “homens sem país”.
Morus não acredita que possa haver uma sociedade perfeita, com a propriedade privada. Em Utopia, todos dividem a propriedade, não existindo dono. Adverte que a igualdade seria impossível com a propriedade privada, por isso nesta existe a comunhão de bens, “[...] o solo é visto como terra a ser cultivada, e não como propriedade”(MORUS, 1993, p. 65). Por alguns, Morus chega a ser considerado como aquele que trouxe, que criou o socialismo. O trabalho na ilha tem uma duração de apenas 6 horas, sendo três trabalhada, almoço, duas horas de descanso, e mais três horas trabalhadas. OS utopianos vão dormir as 8 horas da noite, e com isso, consequentemente, dormem 8 horas por noite.Isto em sua visão, seria a melhor maneira de seconduzir a vida de um trabalhador, dando a ele tempo para descanso, para lazer em sociedade, com a família, enfim, trabalharia mas não viveria para o trabalho. O bem comum, a igualdade, a ausência de orgulho mesquinho e a busca pelo prazer. A felicidade tem de ser pensada coletivamente. um mundo de igualdade não teria sentido se não fosse pensado com o intuito de alcançar a felicidade. Essa buscapelo prazer é o que vai dar uma razão ideológica para essa sociedade igualitária mas rigidamente controlada. O trabalho, assim como a riqueza, deveria ser distribuído igualmente a todos os cidadãos.Morus relata a sociedade perfeita, em uma visão mais próxima disso, assim como Campanella e o próprio Platão, todos temos a sociedade perfeita que queríamos ao menos que se efetivasse de forma a darsegurança, liberdade, respeito, que pudesse protelar por um futuro mais justo e de qualidades identificáveis com os desejos dos cidadãos.
Na concepção de More, o trabalho coletivo seria muito mais produtivo e dinâmico pois resultaria numa produção acima da necessária para a manutenção da sociedade. Parte dela se houver a necessidade e acontecer de modo emergencial, será reservado paraeventualidades, outra parte doada para os pobres de alguma nação vizinha. E mais outra parte é reservada para ser vendida a nações vizinhas que queiram comprar. O dinheiro resultante teria utilidade para contratar exércitos mercenários para proteger a ilha, sempre fora das fronteiras, e subornar os exércitos adversários. Recurso que não pode ser utilizado contra o utopiano comum, por que Utopia é uma ilha depaz e igualdade num mundo de violência e exploração. E se algum trair Utopia, com certeza seria punido. Em utopia, não se dava valor ao ouro por exemplo. Aquele que roubava era preso com algemas de ouro, às vezes coroas de ouro eram postas sobre as cabeças dos presos. Tudo isso como uma forma de tornar este metal desprezível.
Os escravos de Utopia não são entendidos como parte do povo. A eles é...
tracking img