Uma nova racionalidade- ilya prigogine

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Felipe Gusmão Carioni Fernandes
“Uma Nova Racionalidade”- Ilya Prigogine

No prólogo do seu livro, Ilya Prigogine diz de “Uma Nova Racionalidade” que, segundo Karl Popper, o senso comum tende aafirmar "que todo evento é causado por um evento que o precede, de modo que se poderia predizer ou explicar qualquer evento... Por outro lado, o senso comum atribui às pessoas sadias e adultas acapacidade de escolher livremente entre várias vias de ação distintas...”. O enfoque do autor centra-se em que sistemas instáveis (de não-equilíbrio) estão na base da descrição microscópica do universo e,com isso, as leis da dinâmica precisam ser formuladas em nível estatístico, aonde a irreversibilidade e a seta do tempo surgem como elementos fundamentais e indissociáveis dos sistemas instáveis.
Nessesentido o autor é extremamente inovador ele combate o modelo vigente que é o de uma física alicerçada em sistemas estáveis e deterministas, onde sistemas instáveis são tratados como exceções. Na novavisão, inverte-se essa perspectiva, ou seja, sistemas estáveis passam a ser casos especiais de uma dinâmica estendida, com formulação estatística, não mais baseada em trajetórias individuais (casoclássico) ou em funções de onda (caso quântico).
Como nos explicita Prigogine, o equilíbrio gera estabilidade; estados estacionários geram inércia: movimento contínuo e perpétuo.
Já o desequilíbrioprovoca dinâmica, provoca transformação, mudança, alteração, desenvolvimento. Esta visão pode ser aplicada à dinâmica das relações interpessoais e consequentemente ao Desenvolvimento de Equipes cujaorganização interna está centrada na dinâmica destas relações.
Ele também cita que condição humana é transitória, portanto precisamos descobrir meios de aprender incorporar a transitoriedade como força eenergia de transformação, no sentido de crescer, melhorar, desenvolver.
“A questão do tempo e do determinismo não se limita às ciências, mas esta no centro do pensamento ocidental desde a origem...
tracking img