Treinamento matlab

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1051 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TREINAMENTO DE MATLAB
Atenção! Deve ser realizado individualmente

Instruções:
* Esse treinamento consiste de 4 exercícios (T_1 a T_4).
* Deve ser gerado um arquivo no editor do Matlab (extensão *.m) para cada exercício pedido.
* Deve-se colocar comentários nos programas desenvolvidos.
* As perguntas devem ser respondidas também como comentários no arquivo.
* Deve-setornar o diretório onde estão as figuras e os arquivos *.m como um diretório padrão do Matlab.
* Utilizar o padrão mostrado na Figura abaixo para seus arquivos *.m:

* Colocar um cabeçalho contendo seu nome, RA e o número do exercício correspondente (T1, T2, T3...);
* Iniciar todos os exercícios com os 4 comandos mostrados na Figura abaixo, que servem para limpar as variáveis e asfiguras abertas, além de limpar a tela de comando do Matlab;
* Colocar comentários nas linhas de programa.

1) Entrando com Matrizes no MatLab.
Matrizes podem ser inseridas no MatLab das seguintes maneiras:
a) Diretamente através de uma lista explícita de elementos.
b) Carregadas através de arquivos externos.
c) Geradas através de funções internas.
d) Criadas através defunções do usuário.
Convenções:
a) Separar os elementos de uma linha com espaços em branco ou vírgulas.
b) Usar ponto e vírgula (;) ou "Enter" para indicar o fim de cada linha.
c) Envolver a lista de elementos entre colchetes [ ] .
d) Cada linha deve ter sempre o mesmo número de elementos.
T_1: Digitar as Matrizes diretamente nos seguintes formatos e verificar os resultados.A = [16 3 2 13; 5 10 11 8; 9 6 7 12; 4 15 14 1]
B = [ 16 3 2 4
20 30 4 4
5 6 7 8]
C = [20,30 40;
50,40,10
80 20 15]
D=[1,2,3,4;5 678
9 9 9 9
8,8,8,8;
4 5, 9 4]

2) Classes de Dados no MatLab.
Classes de Dados:
A tabela da Figura 1 mostra as classes de dados suportadas pelo MatLab. As coordenadas dos pixels nas imagens são da classe 'inteiro'. Asoito primeiras classes mostradas na tabela são chamadas de numéricas. Os valores dos pixels nas imagens podem ser de qualquer classe numérica. As operações numéricas no MatLab são realizadas com a classe 'double'

Name | Description |
double | Double-precision, floating-point numbers in the approximate |
| range -1O303 to 1030* (8 byles per element). |
uints | Unsigned 8-bit integersin the range [Gh 255] (1 byte per element). |
uint16 | Unsigned 16-bit integers in the range f0,65535] (2 bytes per |
| element). |
uint32 | Unsigned 32-bit integers in the range [0>4294967295] (4 bytes |
| per element). |
Int8 | Signed 8-bit integers in the range [—128,127] (1 byte per element). |
int16 | Signed 16-bit integers in the range [—32768, 32767] (2 bvtcs per |
|element). |
int32 | Signed .12-bit integers in the range [-2147483648, 2147483647] |
| (4 bytes per element). |
single | Single-precision floating-point numbers with values in the |
| approximate range -10^ to lO3* (4 bytes per element). |
char | Characters (2 bytes per element). |
logical | Values arc 0 or 1 (1 byte per clement). |
Figura 1- Classe dos Dados no MatLab
Conversão entreClasses de Dados:
Sintaxe:
B = nome_da _classe(A)

T_2: Converter as classes de dados das Matrizes digitadas anteriormente.

Usar o comando whos para ver a classe de dados em cada caso:

whos |
AI = uint8(A); BI = uint16(B); CI = uint32(C); DS = single(D); |
Whos |

Verificar as classes de dados e o número de bytes de cada matriz antes e depois da conversão.

3) IndexandoMatrizes.
O MatLab suporta um grande número de esquemas de indexação de Matrizes que facilita a manipulação dos dados. A indexação permite acessar um ou mais elementos diretamente da matriz.

T_3: Verificar o resultado de cada linha abaixo, tentando prever qual será.

Para selecionar um determinado elemento da matriz deve-se utilizar: A(i,j) sendo i número da linha e j o número da coluna com i,j =...
tracking img