Trabalhos academicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 54 (13267 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Saberes, tempo e aprendizagem do trabalho no magistério
Maurice Tardif* Danielle Raymond**

RESUMO: Este texto trata das relações entre o tempo, o trabalho e a aprendizagem dos saberes profissionais dos professores que atuam no ensino primário e secundário, isto é, dos saberes mobilizados e empregados na prática cotidiana, saberes esses que dela se originam e que servem para dar sentido àssituações de trabalho que lhes são próprias. Este texto está dividido em três partes: inicialmente, mostraremos em que o estudo dessas relações pode ser pertinente para melhor compreender a natureza dos saberes profissionais dos professores. Em seguida, estudaremos como essas relações se expressam nos fenômenos da história da vida, da aprendizagem pré-profissional do trabalho e da carreira dosprofessores. Finalmente, proporemos uma reflexão e pistas teóricas sobre as diversas relações entre o tempo e os saberes profissionais.

Palavras-chave: Professores, magistério, tempo, saberes, trabalho docente

À guisa de apresentação
Tal como Marx já havia enunciado, toda práxis social é, de uma certa maneira, um trabalho cujo processo de realização desencadeia uma transformação real dotrabalhador. Trabalhar não é exclusivamente transformar um objeto ou situação em uma outra coisa, é também transformar a si mesmo em e pelo trabalho (Dubar 1992, 1994). Em termos sociológicos, pode-se dizer que o trabalho modifica a identidade do trabalhador,

* **

Professor titular da Faculdade das Ciências da Educação da Universidade de Montreal, Canadá. E-mail: maurice.tardif@videotron.ca.Professora da Faculdade de Educação da Universidade de Sherbrooke.

Educação & Sociedade, ano XXI, no 73, Dezembro/00

209

pois trabalhar não é somente fazer alguma coisa, mas fazer alguma coisa de si mesmo, consigo mesmo. Como lembra Schwartz (1997, p. 7), a experiência viva do trabalho ocasiona sempre “um ‘drama do uso de si mesmo’, uma problemática negociação entre o uso de si por si mesmo e ouso de si pelo(s) outro(s)”. Se uma pessoa ensina durante trinta anos, ela não faz simplesmente alguma coisa, ela faz também alguma coisa de si mesma: sua identidade carrega as marcas de sua própria atividade, e uma boa parte de sua existência é caracterizada por sua atuação profissional. Em suma, com o passar do tempo , ela tornou-se – aos seus próprios olhos e aos olhos dos outros – umprofessor, com sua cultura, seu éthos , suas idéias, suas funções, seus interesses etc. Ora, se o trabalho modifica o trabalhador e sua identidade, modifica também, sempre com o passar do tempo, o seu “saber trabalhar”. De fato, em toda ocupação, o tempo surge como um fator importante para compreender os saberes dos trabalhadores, na medida em que trabalhar remete a aprender a trabalhar, ou seja, a dominarprogressivamente os saberes necessários à realização do trabalho: “a vida é breve, a arte é longa”, diz o provérbio. Em certos ofícios tradicionais (por exemplo, os ofícios ligados à terra e ao mar: agricultura, salicultura, pesca etc.), o tempo de aprendizagem do trabalho confunde-se muitas vezes com o tempo da vida: o trabalho é aprendido pela imersão no ambiente familiar e social, no contatodireto e cotidiano com as tarefas dos adultos, para cuja realização as crianças e os jovens são formados pouco a pouco, muitas vezes por imitação, repetição e experiência direta do lebenwelt do labor (Jorion e Delbos 1990). Em várias outras ocupações – e é o caso do magistério –, a aprendizagem do trabalho passa por uma escolarização mais ou menos longa cuja função é fornecer aos futurostrabalhadores conhecimentos teóricos e técnicos preparatórios para o trabalho. Mas, mesmo assim, raramente acontece que essa formação teórica não tenha de ser completada com uma formação prática, isto é, com uma experiência direta do trabalho, experiência essa de duração variável e graças à qual o trabalhador se familiariza com seu ambiente e assimila progressivamente os saberes necessários à realização...
tracking img