Trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1959 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Benefícios da implementação do Trabalho Padronizado na ThyssenKrupp Kishida, Marino (Lean Institute Brasil) Silva, Adriano Henrique (ThyssenKrupp) Guerra, Ezequiel (ThyssenKrupp) Este artigo mostra os significativos resultados conquistados (redução do WIP em 40%, redução da movimentação do operador em 1.500 m/dia, melhoria na produtividade em 9%, maior satisfação do operador e melhores condiçõesde segurança) com a implementação do Trabalho Padronizado em duas estações de trabalho em uma linha de usinagem de virabrequins da ThyssenKrupp - Campo Limpo. A ThyssenKrupp é um dos grandes grupos de tecnologia que atua nas áreas de Aços, Produtos Automotivos, Elevadores e Serviços. Possui instalações na Europa, Américas do Norte, Central e do Sul e na Ásia. Uma delas localiza-se em Campo LimpoPaulista – SP (TKMCL) onde os setores de forjaria e usinagem produzem virabrequins, bielas, cubos de roda, etc para a industria automotiva do Brasil e para exportações. Desde os anos 90, a planta tem passado por significativas transformações através de um esforço para criar fluxo, saindo de um layout funcional para um layout por família de produtos. Em 2001 e 2002, novas ferramentas como oMapeamento do Fluxo de Valor (MFV) e a implementação de sistemas puxados, além da redução de set-ups e melhoria da manutenção foram colocadas em prática. Uma nova etapa na implementação lean na TKMCL A partir de 2005 com a valorização do Real e a crescente entrada de novas empresas neste mercado, cada vez mais competitivo, a TKCML considerou a necessidade de um novo esforço de melhoria e redução decustos. Desta forma, decidiu dar um grande salto em seu desempenho, procurando completar o elenco de ferramentas lean já implementadas.

1/9

Para alcançar esse novo patamar na transformação lean da planta, a empresa decidiu implementar algumas novas ferramentas lean como Criando Fluxo Contínuo (Gráfico de Balanceamento do Operador), Sistema Puxado Nivelado, Logística Interna e Trabalho Padronizado(TP). Este artigo paresentará como foi a implementação do TP e os resultados iniciais conquistados em uma área piloto. O que é o Trabalho Padronizado? O Trabalho Padronizado (TP) é uma ferramenta lean básica centrada no movimento e trabalho do operador e aplicada em situações de processos repetitivos, visando a eliminação de desperdícios. Trata de estabelecer procedimentos precisos para otrabalho de cada um dos operadores em um processo de produção, baseado em três elementos: 1. Tempo takt, o ritmo em que os produtos devem ser produzidos para atender a demanda do cliente. 2. Seqüência de trabalho em que um operador realiza suas tarefas dentro do tempo takt. 3. Estoque padrão de processo, incluindo os itens nas máquinas exigidos para manter o processo operando suave e continuamente. O TPpermite a prática do Just In Time e do Jidoka (Autonomação) além de assegurar uma estabilidade básica nos processos para garantir que eventuais melhorias sejam mantidas de forma contínua. Devemos destacar que Trabalho Padronizado não é sinônimo de Padrão de Trabalho. A ThyssenKrupp já possuía os Padrões de Trabalho básicos como os documentos das quais estão as especificações de processo(comprimentos, diâmetros, tolerâncias, etc) mas não tinha o Trabalho Padronizado. A implementação do Trabalho Padronizado A técnica foi disseminada em um Workshop especifico de dois dias com

2/9

conteúdo teórico, exemplos e exercícios práticos na planta. Foram selecionados tanto participantes da área piloto na linha de produção de virabrequins como também de outras áreas como bielas e forjaria parafacilitar a disseminação posterior. Os primeiros passos envolveram a coleta de tempos operacionais no próprio local de trabalho através da observação direta no "gemba" (chão de fábrica), deixando de lado os tempos padrões de Engenharia, e o apoio dos líderes e operadores envolvidos para construir o Gráfico de Balanceamento do Operador (GBO) para cada operador, tendo como referência o tempo takt....
tracking img