Trabalho isabel silva

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3437 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ISABEL SILVA ISABEL SILVA





Compreensão de emoções e Suas Relações com a afetividade em idosos com 80 anos ou mais.



RESUMO


.
O projeto a seguir tende a mostrar e ressaltar índices no aumento na expectativa de vida dos idosos, que não é acompanhado pela boa qualidade de vida. O Cuidado emocional nos idosos é uma das necessidades maisprioritárias, no qual em sua vida visem certo sentido subjetivo, algo que se torna fundamental nas sociedades de hoje. Para todos nós, a velhice é a última etapa da vida humana, onde um ser humano se transforma com características mais dóceis, porém, carentes e frágeis no contexto emocional. Este é o momento em que o idoso precisa de muitos cuidados. O artigo irá buscar a compreensão com os cuidadosemocionais dos idosos. Estudo qualitativo, cujos objetivos foram descrever os sentimentos de emoções na vida do idoso e discutir a relação entre emoções e afetividade do idoso. A afetividade nos idosos também tem como benefício psicológico o companheirismo com animais que na maioria das vezes é o único que convive a maior parte com eles. O estudo foi desenvolvido com participantes da terceira idadedomiciliados em um município do interior de São Paulo, através da técnica de observação participante com dez idosos ambos dos sexos com idade entre 80 á 91 anos. Após análise das informações identificamos e podemos compreender os aspectos e regulações emocionais com dois temas complementares: movimento ascendente e movimento descendente das emoções no viver. Os idosos evidenciaram que suas emoçõesrepresentam um movimento contínuo que repercute diretamente na sensação de estar ou não com saúde, viver bem a terceira idade, ter autonomia nas atividades diárias, liberdade para participar de atividades físicas e de lazer. Assim, o ser humano na sua subjetividade emocional precisa valorizar todas as etapas de sua vida, pois o processo de ciclo do sentimento e emoções começa a partir do momentoem que temos a capacidade de compreender, e de maneira natural fazem parte de nossa vivência e assim ao chegar à velhice torna uma conquista nessa caminhada.






Palavras-chaves:, emoções, afeto, regulações emocionais e subjetividade.





1. Introdução/ Revisão de literatura


A população idosa tem aumentado significativamente a partir dos anos 1960. Verifica-se que,dessa década em diante, ela começou a crescer em ritmo mais acelerado que as populações adultas e jovens. O desenvolvimento da medicina e da tecnologia fez surgirem condições favoráveis para que se ampliasse cada vez mais à expectativa de vida das pessoas, e esse fator, associado à redução da fertilidade dos tempos modernos, e submete para que ocorra uma ampla verdadeira transiçãodemográfica.Esse fato despertou maior atenção e preocupação com as características e demandas próprias da faixa etária que está acima dos 80 anos, e que tem crescido não só no Brasil como em todo o mundo.


Vários estudos sobre as condições de vida dessa faixa etária vêm sendo elaborados. Um deles, de autoria de Capitanini (2000), afirma que, na sociedade atual, o idoso tem um tipo de vida que conduz asentimentos de solidão, apatia e insatisfação. Principalmente nas cidades grandes, onde ocorre de forma mais evidente o isolamento emocional e social, em decorrência do pouco contato entre os vizinhos e com a comunidade em geral, ao lado das relações interpessoais limitadas ou até mesmo ausentes.


O tema das emoções consiste em um parâmetro de fundamental importância para a reflexão sobrea construção do conhecimento em psicologia. Ele não apenas aponta para uma diversidade de exigências necessárias para a concepção e abordagem de seus objetos de estudo, mas também destaca os problemas epistemológicos que fundamentam suas bases de compreensão. Dentro de uma reflexão crítica pode-se destacar que o tema das emoções consiste em um grande denunciador das contradições presentes na...
tracking img