Trabalho de marketing

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2063 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Superior de Administração
Marketing e Comunicação

Trabalho De Marketing 4

Estudo de Caso GOL Transportes Aéreos

Professor:
Antônio Carlos de Oliveira

Aluna:
Larissa Faria Chaves

Uberlândia –2011/2

Estudo de Caso GOL Transportes Aéreos
Fontes de consultas: Livro Administração de Marketing – Philip Kotler 10ª. edição.

Objetivo
Este estudo de caso foi preparado com oobjetivo de trabalhar os conceitos iniciais do curso de Gerenciamento de Marcas, que são:
* Produto
* Serviço
* Posicionamento de Produto
* Lançamento de Produtos/Serviços

O mesmo deverá ser desenvolvido individualmente, obedecendo ao seguinte padrão:
* Capa conforme modelo;
* Digitado;
* Letra tipo arial;
* Tamanho da letra 12
* Espaço entre linhas 1,5 mmEstudo de Caso GOL Transportes Aéreos
Objetivo
Este estudo de caso foi preparado com o objetivo de trabalhar os conceitos iniciais do curso de Gerenciamento de Marcas, que são:
* Produto
* Serviço
* Posicionamento de Produto
* Lançamento de Produtos/Serviços

A Gol é uma empresa de transportes aéreos que surgiu em 2.000, propondo um posicionamento competitivo bastantediferente de suas concorrentes que trabalham com os mesmos trechos.
Leia atentamente o caso e busque informações adicionais sobre a indústria de transportes aéreos domésticos de passageiros (características da indústria, principais concorrentes, desenvolvimentos recentes, problemas, desafios etc)

CASO: O BRASIL PEDE GOL

O PROBLEMA
Com experiência no transporte rodoviário, o grupo ÁureaAdministração e Participações, holding que controla 36 empresas e faturamento de R$ 1 bilhão no ano de 2000, decidiu enfrentar um novo desafio. A partir de estudos que indicavam um índice de 95% da população brasileira sem acesso a viagens por avião, o grupo vislumbrou uma oportunidade no mercado, de atuar com uma empresa aérea, prestando serviços diferenciados. Havia espaço para disputar o segmento devôos domésticos, desde que a operação fosse baseada no conceito de low cost, low fare, ou seja, baixo custo, baixo preço.

O DIAGNÓSTICO
Com 170 milhões de habitantes, o Brasil registra apenas 36 milhões de passageiros em vôos domésticos por ano, ou seja, um vôo para cada cinco pessoas. Nos Estados Unidos, para uma população de 250 milhões de pessoas, o número de passageiros em vôos domésticosatinge 700 milhões, ou seja, quase três viagens anuais por habitante. Além disso, o Brasil também apresenta um grande potencial de público excluído de viagens aéreas. Segundo pesquisas, cerca de 25 milhões de pessoas da classe C, podem se tornar passageiros de vôos domésticos, desde que se ofereça segurança, serviço eficiente e, principalmente, preços acessíveis. Ao analisar as oportunidades domercado, o grupo concluiu que era possível oferecer preços baixos e ao mesmo tempo atingir seus objetivos de lucro.

O PLANO
Criada em agosto de 2000, com o objetivo de transportar dois milhões de passageiros no primeiro ano, a Gol Transportes Aéreos iniciou suas operações cinco meses depois, oferecendo os menores preços do mercado. Implantou a filosofia low cost, low fare. Sua frota padronizadade aviões Boeing 737-700 Next Generation são todos novos, economizam em combustível, manutenção e reposição de peças.

A EXECUÇÃO
A Gol consegue aplicar preços menores e ao mesmo tempo atingir metas de rentabilidade: no processo de bilhetagem, a empresa realiza toda a operação via computador, desde a consulta, a compra e a reserva, emitindo um único ticket, que dá acesso ao embarque; a Gol nãotem lojas e substituiu o talão de passagem de outras companhias por um arquivo eletrônico, onde o cliente tem à disposição, inclusive, o contrato de prestação de serviço, com direitos e obrigações; também simplificou o serviço de bordo, compatível com a curta duração das viagens, mas garante a qualidade dos produtos servidos, de marcas aprovadas pelos passageiros; eliminou a refeição quente,...
tracking img