Tipos de hd's

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3953 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
No final das contas, a memória RAM
funciona como uma mesa de trabalho,
cujo conteúdo é descartado a cada boot.
Temos em seguida o disco rígido,
também chamado de hard disk (o termo
em Inglês), HD ou até mesmo de "disco
duro" pelos nossos primos lusitanos. Ele
serve como unidade de armazenamento
permanente, guardando dados e
programas.

O HD armazena os dados em discos magnéticos quemantêm a gravação por vários
anos. Os discos giram a uma grande velocidade e um conjunto de cabeças de leitura,
instaladas em um braço móvel faz o trabalho de gravar ou acessar os dados em
qualquer posição nos discos. Junto com o CD-ROM, o HD é um dos poucos
componentes mecânicos ainda usados nos micros atuais e, justamente por isso, é o
que normalmente dura menos tempo (em média de três acinco anos de uso
contínuo) e que inspira mais cuidados.

Mecanismo interno do HD

Na verdade, os discos magnéticos dos HDs são selados, pois a superfície
magnética onde são armazenados os dados é extremamente fina e sensível.
Qualquer grão de poeira que chegasse aos discos poderia causar danos à
superfície, devido à enorme velocidade de rotação dos discos. Apesar disso, é
importante notarque os HDs não são fechados hermeticamente, muito menos a
vácuo, como muitos pensam. Um pequeno filtro permite que o ar entra e saia,
fazendo com que a pressão interna seja sempre igual à do ambiente. O ar é
essencial para o funcionamento do HD, já que ele é necessário para criar o
"colchão de ar" que evita que as cabeças de leitura toquem os discos.

Tradicionalmente, o sistema operacionalera sempre instalado no HD antes de
poder ser usado. Enquanto está trabalhando, o sistema precisa freqüentemente
modificar arquivos e configurações, o que seria impossível num CD-ROM, já que
os dados gravados nele não podem ser alterados. Isso mudou com o
aparecimento do Knoppix, Kurumin e outras distribuições Linux que rodam
diretamente do CD-ROM. Neste caso, um conjunto de modificações"enganam" o
sistema, fazendo com que ele use a maior parte dos arquivos (os que não
precisam ser alterados) a partir do CD-ROM, e o restante (os que realmente
precisam ser alterados) a partir da memória RAM. Isto tem algumas limitações:
as configurações são perdidas ao desligar (a menos que você as salve em um
pendrive ou em uma pasta do HD), pois tudo é armazenado na memória RAM,
cujo
cujoconteúdo é sempre perdido ao desligar o micro.

Imagine que, como a memória RAM é cara, você compra sempre uma
quantidade relativamente pequena, geralmente de 512 MB a 2 GB, de acordo
com a aplicação a que o micro se destina e ao seu bolso. Por outro lado, você
dificilmente vai encontrar um HD com menos que 80 ou 120 GB à venda. Ou
seja, temos centenas de vezes mais espaço no HD do que namemória RAM.

Bem antigamente, nos anos 80, época
dos primeiros PCs, você só podia rodar
programas que coubessem na memória
RAM disponível. Naquela época, a
memória RAM era muito mais cara que
hoje em dia, então o mais comum era
usar 256 ou 512 KB (sim, kbytes, duas mil
vezes menos que usamos hoje, tempos
difíceis aqueles :). Os mais abonados
tinham dinheiro para comprar um
megabytemegabyte inteiro, mas nada além disso.
Se você quisesse rodar um programa com
mais de 256 KB, tinha que comprar mais
memória. Sem outra escolha, os
programadores se esforçavam para
deixar seus programas o mais compactos
possíveis para que eles rodassem nos
micros com menos memória.

SSDs e HHDs
Além da popularização dos pendrives e cartões, a queda no preço da memória
Flash possibilitou osurgimento dos primeiros SSDs ou "Solid State Disks" (discos de
estado sólido) de grande capacidade. Um SSD é um "HD" que utiliza chips de
memória Flash no lugar de discos magnéticos. Eles são projetados para
substituírem diretamente o HD, sendo conectados a uma porta SATA ou IDE.
Embora as taxas de transferência (na maioria dos modelos) seja comparável à de
um HD modesto, os SSDs oferecem...
tracking img