The true story of romeo and juliet

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (316 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
The True Story Of Romeo And Juliet

the true story of Romeo and Juliet
A verdadeira história de Romeu e Julieta
É verão em Verona.
A cidade é movimentada e colorida, porque há uma feirana Piazza Maggiore. Jovens senhoras aproveitar esta oportunidade para sair de suas casas. Os meninos se reúnem em torno da fonte. Verão é geralmente quente em Verona, mas quando os meninos conhecergarotas ele pode ficar muito quente.

ACT I - Cena um

Quinta-feira pela manhã na Piazza Maggiore.
Romeo - Oh, Mercúcio, esperar é tão horrível. Onde está a minha lilly adorável? Será que elavai vir nesta manhã? Você a viu?
Mercúcio - Não, eu não vi o seu amor. a propósito, por que você não contar a ela o que você sente sobre ela e parar em torno de todo Verona? Mas olhe quem estáchegando!
Romeo - Oh, não! Há Teobaldo e seus amigos repugnantes.
Teobaldo com dois amigos
Teobaldo - (sarcasticamente) Bem, bem, bem! Não é este Montecchios Romeo, O melhor jogador de flauta nacidade? ... Ainda ter aulas de flauta?
Romeu - Sim, e eu vou jogar no festival depois de amanhã. Teobaldo - Você? No festival? Ha! Ha! Ha! ... No grande festival? Você está brincando! ...Você ouviu isso,pais? Romeo Chefe da bacia está indo jogar no festival!
Romeo - Cala a boca, seu idiota! Vou te pegar!

Romeo bate Teobaldo no rosto. Em poucos minutos uma sangrenta luta está acontecendo no meioda Piazza Maggiore.

ACT I - Cena dois
Julieta e sua babá vir ao virar da esquina.
Babá - Oh, Senhor! Os meninos estão lutando de novo!
Julieta - Isso é ridículo! Vou mostrar-lhes como secomportar em locais públicos.
Babá - Mas, senhora Julieta, há cinco deles.
Julieta - não se preocupe. São apenas cinco meninos estúpidos.
Alguns minutos depois Julieta botou todos os cincomeninos para fora.
Julieta - Que vergonha! É esta a maneira de se comportar na frente de senhoras, meus senhores?
Teobaldo - Sinto muito, prima Julieta.
Julieta - Olhe para você, Teobaldo Agora, vá...
tracking img