Textos administrativos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6493 palavras )
  • Download(s) : 1
  • Publicado : 17 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FORMAS DE COMUNICAÇÃO ADMINISTRATIVAS



Santana de Parnaíba
2010
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 2
1 - Duplicata 3
2 - Contrato 5
3 - Memorando 7
4 – Carta Comercial 8
5 - Circular 9
6 – Nota Promissória 10
7 – Decreto 13
8 – Requisição 14
9 – Ofício de Agradecimento 15
10 – Solicitação de Vale Transporte 16
11 – Recibo de Férias 17
12 – Aviso de Férias 18
13 – Modelode Portaria 19
14 – Procuração Particular 21
15 – Declaração de Empresa Inativa 22
16 – Carnê de Pagamento 23
17 – Termo de Compromisso 24
18 – Ordem de Serviço 25
19 – Procuração de Plenos Poderes 26
20 – Recibo 27
21 – Carta de Advertência Disciplinar 28
22 – Carta Solicitando Reembolso 29
23 – Carta de Cancelamento 30
24 – Declaração de Bens 31
25 – Declaração de Renda 3226 – Modelo de Carta de Apresentação 33
27 – Ata 34
28 – Planilhas 37
29 – CONCLUSÃO 39
30 – REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 40

Introdução

Padronizar os atos administrativos é condição essencial à eficiência das instituições públicas e decorre da necessidade de racionalizar o trabalho da Administração.
Atos padronizados dão caráter profissional à documentação, tornam uniformes osdocumentos e lhes atribuem boa aparência e legibilidade. Um outro fator leva à necessidade da padronização: o controle da qualidade. Atos não normatizados, irregulares, revelam desconcerto, apontam desacerto, até desorganização, porque são precariamente concebidos e produzidos.
É comum um mesmo órgão público utilizar diferentes modelos de portaria, ofício, memorando, executados em variados formatos depapel, às vezes até com texto em colorido. A qualidade decai na mesma proporção do mau gosto; a legibilidade é dificultada. Há má idealização do ato, má diagramação e exposição desordenada das idéias.
Constata-se, por tudo isso, que a observação de normas na elaboração dos atos oficiais contribui para textos objetivos, comunicativos, limpos.
Por comodidade ou descaso, há quem ignore as normasde elaboração de atos administrativos. Há instituições que acatam sem o menor desconforto esse descuido, considerando filigrana estabelecer padrões para a redação oficial.
Não é raro encontrar uma mesma instituição valendo-se de um sem-número de formas para o ofício ou o memorando, ou utilizando-se de um mesmo modelo para ambos. Isso não é só desaconselhável, como também pouco prático eantieconômico.
O ideal é que toda correspondência utilizada no âmbito de uma entidade, seja ela pública ou privada, siga padrões de elaboração, normas concebidas para a eficiência da comunicação.
A comunicação eficiente, aliás, é um dos requisitos para o sucesso das organizações. É fator de economia e interfere positivamente nos resultados da empresa.
Ao redigir atos oficiais, deve-se obedecer decerta forma aos mesmos princípios de organização de qualquer outro tipo de texto para alcançar clareza na exposição e, assim, comunicação eficaz. A eficácia de que falo refere-se à capacidade de fazer o leitor compreender com facilidade aquilo que está escrito e mais ainda de convencê-lo, se for o caso, com o argumento dessa escrita.

Duplicata

Significado:

A duplicata é um título de créditoque o comerciante pode sacar após a emissão da fatura de venda. É, portanto, um título constituído a partir de uma negociação mercantil ou de prestação de serviços. A fatura é a origem, o documento de comprovação da venda e da transferência do bem ao comprador, e a duplicata representa a consolidação do crédito. A duplicata é um título que foi feito para circular, portanto é possível atransferência do crédito que ela representa por endosso. Também é possível exigir do comprador uma garantia extra, através do aval.
A diferença entre a duplicata e os outros títulos de crédito é que ela está sempre ligada a fatura, portanto sempre tem uma causa de emissão, uma transação de compra e venda ou de prestação de serviços. Esse vínculo é fundamental para o comerciante amparar o recebimento do...
tracking img