Teoria do conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (470 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Causalidade em Nietzsche
Quando Nietzsche critica o conceito de causalidade no trecho 112 do livro III de A Gaia Ciência, afirmando que ao invés de causa e efeito o que há é um permanente fluxo, umacontinuidade entre eventos, onde mal enxergamos o que isso representa, pois estamos tão acostumados aos conceitos da física que durante tanto tempo nos foram apresentados como verdade. Por exemplo,quando se fala numa reação química, se fala no início e no fim do processo, mas não há início e fim, há um fluxo permanente que leva a um encerramento, há mudanças, uma transformação que na realidade écontínua, não está separada por acontecimentos distintos no tempo de espaço, mas sim ocorre em fluxo.
No problema da causalidade, a causa é a origem e o efeito, o produto secundário. Nietzsche entãodemonstra que procuramos as causas apenas baseados em nossas observações dos efeitos e que, portanto, o efeito é, de fato, o produto principal e a causa o secundário.
Nietzsche é cético em relação àcausa e efeito. Para ele se conseguíssemos estabelecer uma relação de causa o mundo seria um caos, não poderíamos compreender nada, apenas descrever. A própria condição de causa e efeito demonstraessa imposição porque no mundo não há fatos isolados, mas sim um Continuum em que tudo ocorre. A causalidade seria o recurso para a humanização das coisas, onde o mundo se torne previsível para nós.Causalidade em David Hume
A ideia principal que Hume nos apresenta é que a relação entre causa e efeito nunca pode ser conhecida a priori, isto é, com o puro raciocínio, mas apenas por experiência. Ointeresse de Hume não é fazer uma teoria da causalidade enquanto tal, mas explicar como chegamos a adquirir nossas crenças causais. Para ele, não chegamos a essas crenças por nenhum raciocíniodedutivo, mas apenas pela experiência e pelo hábito. Isto significa que a relação entre causa e efeito, mesmo depois de ter sido descoberta por experiência, permanece privada de qualquer necessidade...
tracking img