Teoria de serafine

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1120 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO – UFMT.
UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL (UAB).
PÓLO DE APOIO PRESENCIAL DE PEDRA PRETA-MT.
CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA.
AUTORA: CÁSSIA VIRGÍNIA COELHO DE SOUZA.
TUTORA: MARIA JOSÉ BATISTA CORRÊA.








Tema: Teoria de Serafine
DISCIPLINA: MÚLTIPLAS LINGUAGENS: LINGUAGENS ARTÍSTICAS II






Acadêmico: Sidval Alves Gonçalo.PEDRA PRETA – MT
2012
Acadêmico: Sidval Alves Gonçalo.







Tema: Teoria de Serafine
DISCIPLINA: MÚLTIPLAS LINGUAGENS: LINGUAGENS ARTÍSTICAS II











Trabalho apresentado ao Curso de Pedagogia da UAB - Universidade Aberta do Brasil/UFMT, para a disciplina Múltiplas Linguagens: Linguagens Artísticas I I.
Tutora: Maria José Batista Corrêa.







PEDRAPRETA – MT
2012
Neste trabalho falarei sobre a Teoria de Serafine, que foi pouco difundida no Brasil e que defende a existência de uma interação entre a pessoa e a peça musical.
Para Serafine a música deve resultar de processos cognitivos que são comuns aos seres humanos para compor, para executar e para ouvir, sendo, portanto, uma forma de pensamento, com alguns processos presentes nos váriosestilos. Serafine propõe a construção de uma teoria para um pensamento sobre música que possa contribuir com novas questões às teorias atuais sobre percepção musical (Serafine, 1988).
Serafine, em seu livro Music as cognition. The development of thought in sound (1988) que apresenta uma teoria da música como cognição, utiliza-se da morfologia da música (que analisa a estruturação das frasesmelódicas, membros de frases, motivos, incisos, etc.), sob o ponto de vista da recepção, referindo-se a uma cadeia motívica (motivic chaining). “O encadeamento do motivo é um processo cumulativo ou aditivo pelo qual duas ou mais unidades (ou motivos) são combinados sucessivamente em uma unidade maior. Este processo, obviamente, é necessário para que a música continue sendo uma unidade singular, para quetodos os eventos musicais se encadeiem ou sejam um a sequencia do outro. Podemos falar de processo “retroauditivo”, isto é, de uma construção de um todo sucessivamente, como uma extensão, da qual se tem a compreensão apenas tardiamente.... O todo é compreendido apenas com a experiência da sucessão temporal”.
Gostaria de acrescentar que a música do ocidente estrutura-se - de forma mais ou menosexplícita - dialeticamente, utilizando-se de signos propostos pelo compositor, que os constrói como estruturas que guardam entre si relações de similitudes e diferenças, e estas relações se dão através das repetições e oposições apresentadas em uma sequencia determinada de tempo. Estas estruturas musicais assim dispostas permitem ao ouvinte reconhecer estas relações constituintes das estruturasmicro e macro em uma obra musical.
Todavia, verificamos que o reconhecimento e entendimento destes significados intramusicais atribuídos depende diretamente do treinamento musical do ouvinte.
Serafine, em seu livro, faz referências às similitudes de sua teoria com a de Meyer: “Esta teoria tem alguma similaridade à tese da teoria cognitiva que eu propus, porque dá ênfase aos processos mentais dohomem e não a peculiaridades pessoais ou a forças externas ao homem”.
Serafine enfatiza, em seu trabalho, a distinção entre sensação/percepção, de um lado e cognição, de outro, atrelada à definição da música como cognição; Busca valorar as implicações desta definição cognitiva na teoria musical e mais genericamente, na arte.
A música como cognição, de Mary Louise Serafine: resumidamente, suasprincipais hipóteses teóricas são:
a) interação comunicativa acontece entre uma pessoa e uma peça musical;
b) processos cognitivos nucleares são comuns no ato de compor, executar e ouvir – correspondência direta entre o psicologismo do indivíduo e os padrões musicais;
c) existem processos específicos ao estilo e processos genéricos;
d) cognição em música é um processo ativo e de construção;...
tracking img