Teoria de frederick herzberg

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2039 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Frederick Herzberg
Teoria dos Fatores de Higiene e Motivação

Gestão de Recursos Humanos – Manhã

Gerenciamento de Pessoas

SUMÁRIO

Introdução....................................................................................... pag. 03

Tema 1
Frederick Herzberg.......................................................................... pag. 04

Tema 2
Teoria dos doisFatores................................................................... pag.05,06,07
• Higiênicos............................................................................... pag. 07
• Motivacionais......................................................................... pag. 07

Tema 3
Análise da Teoria............................................................................. pag. 09Conclusão........................................................................................ pag. 10

Bibliografia.................................................................................... pag. 11

Introdução

Este trabalho tem como objetivo apresentar o autor de uma das principais teorias motivacionais e descrever sobre essa teoria.
O trabalho é uma atividade quepreenche uma grande parte do nosso dia. Na nossa sociedade, para algumas pessoas, não existe situação mais simples capaz de satisfazer todos os níveis de suas necessidades básicas.
Segundo as pesquisas o trabalho é a maior fonte de satisfação ou frustração para as pessoas.
As pessoas movem-se para completar o que falta para elas A Teoria de Herzberg inclui
esse e outros fatores ou necessidades.Esta teoria foi possivelmente a que recebeu maior atenção e a que gerou maior controvérsia e impacto pois passa de uma maneira simples uma outra idéia de motivação a qual muitas pessoas as vezes não se dão conta no decorrer do trabalho. Só depois de se conhecerem as fontes de motivação dos trabalhadores é que se podem esperar ganhos adicionais, efetuando uma gestão eficaz, pois o sucesso dequalquer organização envolve, sem dúvida, o nível de motivação de seus colaboradores

“Frederick Herzberg”

Nascido em 1923 e falecido em 2000, foi psicólogo clínico e um dos professores mais influentes de Gestão na University of Utah. Herzberg é conhecido pelos estudos sobre motivação humana e a teoria dos dois fatores. Criou também o conceito de enriquecimento do trabalho (job enrichment).O seu artigo da Harvard Business Review sobre motivação foi um dos mais pedidos. Publicou vários livros como

“A Motivação para o Trabalho” – 1959
“Trabalho e a Natureza do Homem” - 1966

Em 1968 publicou um importante artigo na Harvard Business Review intitulado

“Mais uma vez: como você motiva os empregados?” .

Realizou uma pesquisa com 500 engenheiros e contadores (profissionais damédia gerência) sobre satisfação e insatisfação no trabalho.

Frederick Herzberg – 1923 - 2000

"Se você quer que as pessoas façam um bom trabalho, dê-lhes um trabalho bom"
Frederick Herzberg

Teoria dos dois Fatores

Entre as teorias diretamente relacionadas com a satisfação no trabalho, a teoria proposta por Herzberg (1966) foi possivelmente a que recebeu nestes últimos anos, nosEstados Unidos, maior atenção e a que gerou maior controvérsia e impacto no campo da psicologia industrial.
Esta teoria abriu novos horizontes nos estudos da satisfação em relação a função, o que, até então, era uma área problema, quer do ponto de vista pessoal dos empregados que produzem os bens e serviços, quer do ponto de vista da organização de que fazem parte. Além disso, ela serviupara consolidar a distinção de fundamental importância entre os aspectos diretamente relacionados à função (fatores intrínsecos) e os aspectos relacionados ao contexto (meio, ambiente) organizacional (fatores extrínsecos).
A teoria dos dois fatores (ou bifatorial) em relação de trabalho, esta baseada na hierarquia das necessidades de Maslow (1954) ela procura justificar as discrepâncias...
tracking img