Sql server

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 38 (9342 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal do Paraná
Centro de Computação Eletrônica
Divisão de Microinformática

Microsoft
SQL-Server

Introdução.

José Simão de Paula Pinto
(simao@cce.ufpr.br)

Junho - 1997

SUMÁRIO

1. SISTEMAS DE ARQUIVOS X BANCOS RELACIONAIS 5
1.1 ENTIDADES, RELACIONAMENTOS E ATRIBUTOS 5
1.1.1 Entidades 6
1.1.2 Relacionamentos 6
1.1.3 Atributos 6
1.2 A LINGUAGEM SQL(STRUTURED QUERY LANGUAGE) 7
2. O MICROSOFT SQL SERVER 8
2.1 BANCOS DE DADOS (DATABASES) 8
2.2 O BANCO DE DADOS MASTER 9
2.3 O BANCO DE DADOS MODEL 10
2.4 O BANCO DE DADOS TEMPDB 12
2.5 O BANCO DE DADOS MSDB 12
2.6 LOCALIZAÇÃO DOS BANCOS DE DADOS 13
3. USO DO PROGRAMA ISQLW 14
4. DECLARAÇÕES BÁSICAS DO SQL 21
4.1 STORED PROCEDURES 22
4.1.1 SP_HELP 23
4.1.2 SP_HELPDB 24
4.1.3 SP_HELPTEXT 244.1.4 SP_HELPSQL 25
4.2 UMA SEQÜÊNCIA BÁSICA DE TRABALHO 26
4.2.1 CREATE TABLE 26
4.2.2 INSERT 27
4.2.3 SELECT 28
4.2.4 UPDATE 29
4.2.5 DELETE 30
4.2.6 DROP TABLE 31
5. SINTAXE E EXEMPLOS DE ALGUNS COMANDOS 32
5.1 CREATE DATABASE 32
5.2 CREATE TABLE 32
5.3 SELECT 33
5.3.1 SELECT * 34
5.3.2 ESCOLHENDO COLUNAS 34
5.3.3 USANDO LETRAS 34
5.4 OPERADORES ARITIMÉTICOS 34
5.5 MANIPULAÇÃO DEDADOS NUMÉRICOS 35
5.6 MANIPULANDO CARACTERES DE DADOS 35
5.7 MANIPULANDO DADOS DE DATA E TEMPO 36
5.8 FUNÇÕES DE SISTEMA 37
5.9 CONVERSÃO DE DADOS 37
5.10 RECUPERAÇÃO DE DADOS 38
5.10.1 ESCOLHENDO COLUNAS 38
5.10.2 ESCOLHA DE LINHAS BASEADA EM COMPARAÇÕES 38
5.10.3 ESCOLHA DE LINHAS BASEADA EM AMPLITUDES 39
5.10.4 ESCOLHA DE LINHAS BASEADA EM LISTAS 39
5.10.5 ESCOLHA DE LINHAS BASEADAEM VALORES DECONHECIDOS 39
5.10.6 ESCOLHA DE LINHAS BASEADA EM BUSCA DE VARIOS ARGUMENTOS 40
5.10.7 ELIMINANDO DUPLICATAS 40
5.10.8 CLASSIFICANDO RESULTADOS 40
5.11 RECUPERAÇÃO DE DADOS - TÓPICOS AVANÇADOS 40
5.11.1 JOIN 40
5.11.2 Natural JOIN 41
5.11.3 Eqüijoin 41
5.11.4 JOINS com mais de duas Tabelas 41
5.11.5 Auto JOINS 41
5.11.6 Outer JOINS 41
5.12 CRIANDO TRIGGERS 42
5.12.1 INSERTTRIGGER 42
5.12.2 DELETE TRIGGER 42
5.12.3 UPDATE TRIGGER 43
5.13 BULK COPY PROGRAM (BCP) 43
6. ACESSO VIA INTRANET / EXTRANET / INTERNET 44
6.1 EXEMPLO PRÁTICO 47
6.2 ARQUIVOS NECESSÁRIOS E SCRIPTS 50
6.2.1 Script para o arquivo cadastro.htm 50
6.2.2 Script para o arquivo cadastro.idc 52
6.2.3 Script para o arquivo result.htx 52
6.2.4 Script para o arquivo todos.idc 53
6.2.5 Scriptpara o arquivo cadastro.htx 53
6.2.6 Script para o arquivo cadpesq.idc 54
6.2.7 Script para o arquivo cadatu.htx 55
6.2.8 Script para o arquivo cadatu.idc 56


1. SISTEMAS DE ARQUIVOS X BANCOS RELACIONAIS
O acesso a informações em sistemas de processamento de dados que não utilizam Sistemas Gerenciadores de Bancos de Dados (SGBDs), é feito pelo acesso seqüencial a um ou mais arquivos. Cabeao desenvolvedor criar mecanismos de recuperação da informação. Com a utilização de um SGBD, porém, o acesso fica diferente: pede-se as informações ao gerenciador de banco de dados e elas são devolvidas pelo mesmo.
O processo pode ser comparado a uma compra em uma loja de departamentos e uma compra em uma loja de autopeças, que normalmente funcionam por processo diferentes. No primeiro caso, ocliente dirige-se à loja, procura por todas as seções, encontra o produto desejado e efetua a compra. No segundo, o cliente pede ao balconista o item desejado e este entrega-o. No caso da compra em loja de departamentos, o trabalho é todo do cliente, sendo este responsável inclusive pelas especificações necessárias (fazer a escolha certa). Já na loja de autopeças, o balconista assume toda aresponsabilidade pela entrega da mercadoria desejada.
1.1 ENTIDADES, RELACIONAMENTOS E ATRIBUTOS
Quanto mais organizadas estiverem as informações no Banco de Dados, mais fácil será a “conversa” com o Gerenciador de Banco de Dados.
Para isso, criou-se um modelo chamado Modelo de Entidades e Relacionamentos, do qual fazem parte três elementos:

FONTE: Microsoft
1.1.1 Entidades
Uma entidade é um...
tracking img