Sociologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (290 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Reflexão sobre o filme Daens.
Este filme relata de forma realista e dramática as desigualdades sociais em Aalst na Bélgica durante os finais do séc. XIX.
O filme tem uma visão integralde múltiplos problemas sociais como a exploração laboral, trabalho infantil, analfabetização, extrema pobreza, opressão, violações, racismo, alta mortalidade, etc.
Quando o Padre Daenscomeça por denunciar no jornal o que acontece nas fábricas de Aalst e que leva uma comissão de inquéritos a visitar a fábrica, cujos elementos da comissão apesar de verificarem que há crianças atrabalhar sem condições não se interessam pelo assunto devido a também pertencerem á classe rica (classe capitalista),que exerce sobre o povo um abuso de poder através da corrupção,fraude, violência, etc.
Visto pelo povo como um líder e uma pessoa determinada a mudar/corrigir os acontecimentos, Daens torna-se numa ameaça para a Igreja e para os Capitalistas que o tratamcomo louco e pessoa não credível de opinião, e começa ele também a ser vitima de repressão e até é advertido pela sua própria classe (clero).
Começa também uma mudança de mentalidades nopovo, começam as manifestações, misturas culturais, pessoas a começar a aprender a ler para melhor exercerem o direito de voto, etc.
Perante estes acontecimentos começam também asvinganças exercidas pelos ricos como os despedimentos e outro tipo de abusos como no caso de Nette que é violada pelo capataz da fábrica.
Dei especial interesse á parte do filme em que o PadreDaens renuncia á Igreja para lutar como “Homem/ Agente Social” contra a desigualdade de direitos.
Estas situações ainda hoje acontecem…. sendo necessário que aparecem mais Padres Daens nasociedade atual, porque á medida que o mundo avança ,avançam também os problemas sociais.
Rui Parreira
tracking img