Sociologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1871 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SOCIOLOGIA DO CONSUMO

Bianca Monteiro
Cristielen Faria
Prof. Jaqueline Alves Souza
Centro de Ensino Superior - Faculdade Metropolitana
Administração/marketing (MKT41) – Sociologia
08/10/10

RESUMO

No presente artigo apresentaremos uma breve explanação sobre a sociologia do consumo ressaltando seus principais precursores e pensadores apresentando todas as contribuições que elesdepositaram para a ascensão e solidificação da idéia, além de enfatizar a diversidade de perspectiva teóricas, de conceitos, criticas e relações entre os mesmos no âmbito desse ramo da sociologia..

Palavras-chave: consumo; sociologia; idéia.

1 INTRODUÇÃO

O termo consumo de fato não é uma novidade dentro da sociologia, no entanto de forma geral as questões a respeito da produção e distribuiçãosão ressaltadas com mais ênfase, deixando pro consumo uma atenção quase mínima. Porém tiveram vários precursores que deixaram suas contribuições para esse ramo da sociologia, cada um com seus diferentes pensamentos e idéias, colaborando para a formação e solidificação da idéia.

Veremos no decorrer do artigo, conceitos, características e os principais precursores, como Karl Marx, Simmel, Veblene Pierre Boudieu bem como suas idéias e criticas que alavacaram a sociologia do consumo.

2 SOCIOLOGIA DO CONSUMO

As pesquisas sociológicas sobre consumo e estilos de vida foram iniciadas por Thorstein Veblen, que analisou o consumo conspícuo e o sistema de preferências das chamadas classes ociosas. Desde o século XVIII, frações da aristocracia européia começaram a eleger certos objetos comopreferenciais para aquisição, tornando a prática do consumo e a lógica da demanda aspectos
específicos do capitalismo.

Na Inglaterra do século XVIII ocorreu, paralelamente à Revolução Industrial, a emergência de práticas regulares de aquisição de bens duráveis, mais especificamente voltadas ao vestuário, fenômeno reconhecido como a Revolução do Consumo. Ganha importância crescente o tema dacomercialização sofisticada de bens de consumo como roupas e cerâmica, junto com o surgimento de técnicas publicitárias e do gerenciamento do gosto.

A importação de produtos e matérias-primas, associada ao incremento da produção doméstica, levaram a novos comportamentos de compradores e comerciantes. Cresce o ritmo do rodízio de estilos e a obsolescência dos objetos aumenta. Certos empreendedorespercebem a possibilidade de dirigirem as tendências de compra da aristocracia inglesa, mais acostumada a adquirir supérfluos e objetos de destaque.

Para outros autores, contudo, o comportamento consumista pode até ser percebido ao longo dos séculos XVII e XVIII em manifestações de grupos abastados e a corte de grandes monarcas, como Luis XIV, mas será apenas ao final do século XX que seconfigura um consumo massivo e institucionalizado.

A introdução de técnicas de marketing adiciona sentido a uma variedade de objetos que ganham profusão no espaço urbano moderno, cada vez mais estetizado e dinâmico. Criam-se grupos de estilo de consumo que buscam se distinguir no cenário urbano, alguns tentando se distanciar de um estereótipo burguês, e outros procurando apresentar uma civilidadearistocrática em declínio. Nesse contexto, começam a aparecer técnicas de monitoramento do comportamento dos consumidores e uma importância crescente ao design de lojas e espaços de interiores, produzindo um cotidiano mais pleno de objetos e edificações atraentes.

A sociologia do consumo é caracterizada pela acumulação de cultura material sob a forma de mercadorias e serviços, pela compra enquantoforma principal de aquisição de bens e serviços, pelo consumo de massas e para massas, que é, também, um consumo de moda ou de novidade, por uma taxa de eliminação dos bens idêntica à de aquisição, por uma elevada taxa de consumo individual e pela conceitualização do consumidor como agente social, legalmente reconhecido nas transações econômicas.

Veremos alguns dos principais percussores da...
tracking img