Sobrecarga do trabalho do enfermeiro na uti

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3142 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SOBRECARGA DO TRABALHO DO ENFERMEIRO EM UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA

O trabalho em Unidade de Tratamento Intensivo (U.T.I) é complexo e intenso, devendo o enfermeiro estar preparado para a qualquer momento, atender pacientes com alterações hemodinâmicas importantes, as quais requerem conhecimento específico e grande habilidade para tomar decisões e implementá-las em tempo hábil. Desta forma,pode-se supor que o enfermeiro desempenha importante papel no âmbito da Unidade de Terapia Intensiva. Devido às suas características, são unidades de alto custo que demandam avaliação contínua dos resultados para que mantenham sua sobrevivência. Assim, o desafio que se coloca é conciliar elevados padrões de assistência a um baixo custo, para o que concorre o quantitativo de pessoal de enfermagem,uma vez que o orçamento desta equipe constitui 50% dos custos totais em UTI (MIRANDA,2003). Assim sendo, a adequação dos recursos humanos de enfermagem, segundo as necessidades dos pacientes graves, e a avaliação do seu efeito nos resultados da assistência constituem tema de interesse nas UTIs (KURCGANT, 2006). No contexto da qualidade dos serviços de saúde de uma forma geral e das UTIs, emparticular, a enfermagem assume papel de destaque por constituir o maior grupo de profissionais de saúde, bem como por manter contato diário e ininterrupto com o paciente, promovendo a manutenção, recuperação e reabilitação da saúde por meio do cuidado e, podendo influenciar no julgamento dos pacientes sobre a qualidade dos serviços prestados (SILVA, 2001). No entanto, a prestação de atendimentoindividualizado, com competência técnico-científica, realizado por meio de trabalho integrado e cooperativo, voltado à segurança dos pacientes, depende de vários fatores organizacionais, entre eles o quantitativo do staff de enfermagem (GAIDZINSKI, 1998). Revisão de literatura realizada desde a década de 70, concluiu que a carga de trabalho de enfermagem nas UTIs é um dos principais fatores que contribuipara a segurança dos pacientes (CARAYON, 2005). Portanto, através desse artigo, estaremos descrevendo através da literatura a sobrecarga de trabalho do enfermeiro de uma Unidade de Terapia Intensiva. 

PALAVRAS-CHAVE: Unidade de Terapia Intensiva. Enfermeiras. Carga de Trabalho de Enfermagem.

1. INTRODUÇÃO

Caracterizar a demanda de trabalho de enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva(UTI) com vistas a obter um quantitativo de pessoal que assegure qualidade e adequada relação custo-benefício da assistência intensiva é busca antiga que acompanha o próprio desenvolvimento histórico dessas unidades (RAFKIN, 1994). 

Sendo as UTI(s) unidades complexas que concentram recursos humanos e tecnológicos altamente especializados e de alto custo, a necessidade de adequar pessoal frente aoscuidados exigidos pelos pacientes, impulsionou, ao longo do tempo, o desenvolvimento de instrumentos de medida voltados a verificar a demanda de trabalho de enfermagem, conjunta ou paralelamente ao desenvolvimento de índices de gravidade do doente em estado crítico. 

Nas UTI(s), reconhecidas pela elevada carga de trabalho de enfermagem, (que representa um fator de alto custo), e pelo elevadoíndice de mortalidade, (medida que expressa produção/rendimento), durante décadas utilizou-se a razão mortalidade/morbidade como parâmetro de escolha para descrever resultado da eficiência do cuidado intensivo. Todavia, nos últimos anos, a inclusão da carga de trabalho de enfermagem como um parâmetro para avaliação dos resultados, tem sido também considerada, devido ao seu impacto na qualidade daassistência intensiva (JAKOB, 1997). 

Dessa forma, a avaliação da demanda de trabalho de enfermagem, bem como dos fatores associados a ela, tem se mostrado indispensável como recurso de gestão dessas unidades, visto que uma equipe superdimensionada implica em alto custo. Por outro lado, sabe-se que uma equipe reduzida tende a determinar uma queda na eficiência da assistência, prolongando a...
tracking img