Simulado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1690 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SIMULADÃO DE HISTÓRIA

https://docs.google.com/forms/d/1D-avkBxUVsn9vw_9VAga0-...

SIMULADÃO DE HISTÓRIA
01) (UnitauSP) São características do mercantilismo: a) livre cambismo, fomento às indústrias, balança comercial favorável

Editar este formulário

b) fomento às indústrias, tarifas protecionistas, metalismo, leis de mercado. c) livre cambismo, pacto colonial, intervencionismo estatal. d)monopólio, livre cambismo, tarifas protecionistas, metalismo. e) balança comercial favorável, metalismo, tarifas protecionistas, intervencionismo estatal. 02) (FGVSP) Acerca do absolutismo na Inglaterra, NÃO é possível afirmar que: a) fortaleceuse com a criação da Igreja Anglicana. b) foi iniciado por Henrique VIII, da dinastia Tudor, e consolidado no longo reinado de sua filha Elizabeth I; c) apolítica mercantilista intervencionista foi fundamental para a sua solidificação; d) foi conseqüência da guerra das Duas Rosas, que eliminou milhares de nobres e facilitou a consolidação da monarquia centralizada; e) o rei reinava mas não governava, a exemplo do que ocorreu durante toda a modernidade. 03) (UFRN) O sistema de colonização objetivado pela política mercantilista tinha em mira: a) criarcondições para a implantação do absolutismo; b) permitir à economia metropolitana o máximo de auto suficiência e situála vantajosamente no comércio internacional, pela criação de complementos à economia nacional; c) evitar os conflitos internos, resultantes dos choques entre feudalismo e capitalismo, que entravavam o desenvolvimento dos países europeus; d) ganhar prestígio internacional e) obter a garantiade acessos às fontes de matériasprimas e aos mercados consumidores no ultramar. 04) (FUVEST) No processo de formação dos Estados Nacionais da França e da Inglaterra, podem ser identificados os seguintes aspectos: a) Fortalecimento do poder da nobreza e retardamento da formação do Estado Moderno. b) Ampliação da dependência do rei em relação aos senhores feudais e à Igreja c) Desagregação dofeudalismo e centralização política d) Diminuição do poder real e crise do capitalismo comercial e) Enfraquecimento da burguesia e equilíbrio entre Estado e Igreja.

1 de 5

21-03-2013 07:48

SIMULADÃO DE HISTÓRIA

https://docs.google.com/forms/d/1D-avkBxUVsn9vw_9VAga0-...

05) (PUC) Na obra O Príncipe , Maquiavel defendia o absolutismo como forma de consolidar e fortalecer o Estado. Entre seusargumentos destacase: a) a necessidade de o governante cercarse de bons conselheiros, com os quais dividiria o poder; b) a idéia de que somente a lei moral e religiosa limitaria os poderes do rei. c) a constante utilização da guerra como meio de demonstrar a força do Estado; d) o reconhecimento de que todos os meios utilizados para defender os interesses do governante e do Estado seriam justificados; e) oprincípio da constante mudança das instituições , para que elas se adequassem sempre às novas situações. 06) (FUVEST) O Estado Moderno absolutista atingiu seu maior poder de atuação no século XVII. Na arte e na economia suas expressões foram, respectivamente: a) rococó e liberalismo b) renascentismo e capitalismo c) barroco e mercantilismo d) maneirismo e colonialismo e) classiscismo eeconomicismo. 07) "Como não há poder político sem a vontade de Deus, todo governo, seja qual for sua origem, justo injusto, pacífico ou violento, é legítimo; todo depositário da autoridade, seja qual for, é sagrado; revoltarse contra ele é cometer sacrilégio." (Jacques Bossuet) A citação acima demonstra que: a) o governo, através de seu representante, deve atender aos anseios da comunidade; b) a escolha dogovernante deve obedecer à vontade de Deus; c) o povo é livre para escolher o chefe da nação; d) o poder do governante está baseado na Teoria do Direito Divino; e) o governo deve ser constitucional, para ser considerado legítimo. 08)O catolicismo na Europa estava em descompasso com as transformações de seu tempo no século XVI, ou seja, condenava o luxo excessivo e: a) o cristianismo b) o batismo...
tracking img