Semana de arte moderna

Páginas: 8 (1913 palavras) Publicado: 12 de junho de 2013
O que será passado para o telespectador
Apresentar diferentes manifestações artísticas e culturais através do contexto histórico da Semana de Arte Moderna (música, teatro, pintura, escultura, arquitetura etc.) e seu valor para o desenvolvimento da cultura contemporânea;
➢ valorizar manifestações artísticas da cultura popular brasileira;
➢ os nomes dos artistas modernistas e aimportância do movimento da Semana de Arte Moderna no Brasil;
➢ fontes de informação, aprendizagem, lazer e arte;
➢ textos de acordo com as características do gênero, o destinatário, função e contexto discursivo;
➢ conhecimentos científicos e históricos, assim como a produção literária e artística como patrimônios culturais da humanidade;

Duração das atividades
15 minutos

OndeSala de Aula

Como

Apresentação do tema através de imagem e falas diretas e resumidas

Quando

Agosto























E.E. Idalina Macedo Costa Sodré









Roteiro: revista falada

São Caetano do Sul,2013













Nome: Diego Almeida

Numero: 11

Série: 3°A









E.E. Idalina Macedo Costa SodréSemana de arte moderna em São Paulo











Nome: Diego Almeida

Numero: 11

Série: 3°A















Semana

de arte moderna em São Paulo







|Semana de Arte Moderna |
|[pic] |
|Capa do catálogo da Semana da Arte Moderna.|
|Outros nomes |Semana de 22 |
|Participantes |Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor |
| |Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti |
| |Del Pichia, Guilherme de Almeida, Sérgio |
| |Milliet, Heitor Villa-Lobos, Tácito de Almeida, Di |
||Cavalcanti, entre outros. |
|Localização |Teatro Municipal, São Paulo, Brasil |
|Data |13 - 17 de fevereiro de 1922 |
|Resultado |Início da consolidação do modernismo no Brasil e |
| |ruptura com movimentos anteriores. |


A Semana de ArteModerna, também chamada de Semana de 22, ocorreu em São Paulo no ano de 1922, nos dias 13 a 18 de fevereiro, noTeatro Municipal da cidade.

Apesar do designativo "semana", o evento ocorreu em cinco dias. Cada dia da semana trabalhou um aspecto cultural: pintura , escultura,poesia, literatura e música. O evento marcou o início do modernismo no Brasil e tornou-se referência cultural do século XX.O presidente do estado de São Paulo à época, Washington Luís, apoiou o movimento, especialmente por meio de René Thiollier, que solicitou patrocínio para trazer os artistas do Rio de Janeiro Plínio Salgado e Menotti Del Pichia, membros de seu partido, o Partido Republicano Paulista.

A Semana de Arte Moderna representou uma verdadeira renovação de linguagem, na busca de experimentação, naliberdade criadora da ruptura com o passado e até corporal, pois a arte passou então da vanguarda, para o modernismo. O evento marcou época ao apresentar novas ideias e conceitos artísticos, como a poesia através da declamação, que antes era só escrita; a música por meio de concertos, que antes só havia cantores sem acompanhamento de orquestras sinfônicas; e a arte plástica exibida emtelas, esculturas e maquetes dearquitetura, com desenhos arrojados e modernos. O adjetivo "novo" passou a ser marcado em todas estas manifestações que propunha algo no mínimo curioso e de interesse.

Participaram da Semana nomes consagrados do modernismo brasileiro, como Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti Del Pichia, Guilherme de Almeida, Sérgio...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Semana de arte moderna
  • semana de arte moderna de 1922
  • A Semana de Artes Modernas
  • semana de arte moderna de 1922
  • Semana da Arte Moderna
  • A semana da arte moderna
  • Semana de arte moderna
  • Semana de arte moderna

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!